Busca:

Busca:

Tema:


Lições de quem chegou ao topo

Você está enganado se pensa que o desafio de um trainee termina quando ele vence a concorrência e consegue ser aprovado num disputado processo seletivo.

Ao longo de sua trajetória, ele passará por inúmeras provas de resistência e jogo de cintura - das quais depende sua permanência e também sua ascensão na empresa que o acolheu.

Os relatos trazem lições valiosas sobre como se destacar e crescer na companhia após o término do programa de trainee.

Conheça a história de Ricardo Ubrig, 
diretor de vendas da Whirlpool para a América Latina.
 

Quando ingressou na empresa como trainee? 

Graduado em administração pública pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), Ricardo entrou para a turma de trainees da Whirpool em 2006.
 

Como foi o processo até chegar à diretoria?

O executivo foi efetivado em 2007, no cargo de supervisor de vendas na área de purificadores de água. "Quando era trainee, eu havia desenvolvido meu projeto nessa área, então foi muito natural permanecer nela”, conta. Depois da passagem pelo núcleo de água, Ricardo passou 6 anos alternando entre marketing e vendas em quatro posições diferentes. Em 2013, foi promovido a diretor de marketing e, em 2015, foi alçado ao cargo de diretor de vendas da companhia.

O que diria aos jovens que sonham com a mesma trajetória?

“O programa de trainee mudou minha vida, principalmente pela intensidade do treinamento, que nunca tive igual na vida”, conta Ricardo. “Passei por experiências que foram essenciais para saber tomar determinadas decisões hoje em dia".
 

Para o diretor da Whirpool, muitos jovens estão preocupados demais em conseguir uma promoção rápida - e se esquecem de investir no desenvolvimento genuíno de suas carreiras. Ele diz que é melhor tirar o foco dos cargos e dos tempos de promoção, e concentrar suas energias na escolha de uma empresa alinhada aos seus valores. “A partir daí você deve se preocupar em entregar mais e melhor, independentemente da velocidade com que os seus pares estão subindo”, afirma. “A carreira é uma maratona, e não uma corrida de 100 metros”.


Fonte: Exame

 
ATENDIMENTO: Seg. a Sex.: 09h-18h | (71) 3023-2707 | atendimento@editora2b.com.br