Engenheiro Concurseiro
06/02/2018

(ANALISTA – DPE/MT – FGV – 2015) As opções a seguir apresentam hipóteses em que se aplica o valor numérico do empuxo de terra na análise e projeto de obras, à
exceção de uma. Assinale-a.

A) Muro de arrimo em encostas.
B) Cortina de estacas pranchas em solos.
C) Construção de subsolos de edifícios.
D) Laje de piso de edifício.
E) Encontro de pontes.

Alternativa A: CORRETA. Os muros de arrimo são
estruturas de contenção, de modo que é obrigatório
considerar o valor numérico do empuxo na análise e
projeto destas estruturas.

Alternativa B: CORRETA. As cortinas de estacas
pranchas em solos, assim como os muros de arrimo,
são estruturas de contenção nas quais a considera-
ção do empuxo de terra é obrigatória.

Alternativa C: CORRETA. Na construção de subso-
los de edifícios, o empuxo de terra irá atuar direta-
mente sobre as paredes do subsolo, transferindo o
carregamento do empuxo para a estrutura da edifi-
cação, de modo que, torna-se obrigatório considerar
o empuxo de terra nas combinações de carregamen-
to que atuam na estrutura.

Alternativa D: INCORRETA. Para o cálculo de lajes
de pisos de edifícios, usualmente, só são considera-
das as cargas que atuam na direção perpendicular
ao plano da laje. Desta forma, não há incidência de
carregamentos de empuxo de terra nas lajes de piso
das edificações.

Alternativa E: CORRETA. Encontro de pontes são
as estruturas que fazem a transição entre o terreno
onde se situa o pavimento e o começo da estrutura
da ponte. Nesta transição há transferência do empu-
xo de terra para a mesoestrutura da ponte.
#
Engenheiro Concurseiro
06/02/2018
ATENDIMENTO: Seg. a Sex.: 09h-18h | (71) 3023-2707 | atendimento@editora2b.com.br