2B Educação

Os benefícios do telhado verde na construção civil sustentável

11/02/2020


 
Na matéria anterior, discorremos sobre a importância da sustentabilidade na construção civil, contextualizando o tema e abordando as principais normas brasileiras que o rodeiam. Para ler, clique aqui.
 
Para que consigamos atingir o desenvolvimento sustentável, o ser humano tem pensado em soluções projetuais que minimizem os impactos ambientais que a construção civil causa – que são bastante extensos.
 
Os equipamentos, materiais e objetos da construção civil devem ser pensados, portanto, dentro do contexto da sustentabilidade, que deve aliar conservação ambiental, crescimento econômico e justiça social.
 
O exercício do direito do homem de construir edificações, que é inerente à sua sobrevivência, recorrentemente causa impacto em áreas que originalmente eram ocupadas por vegetação; de forma imediata, prejudica a redução da emissão de gás carbono e a diminuição do efeito estufa, as quais a vegetação proporciona.
 
Além disso, a inércia térmica acumulada pelos tetos de edificações compostos de “materiais comuns” causa o desconforto climático nestes edifícios, estimulando cada vez mais o uso de ar condicionados – e o impacto ambiental só aumenta.
 
Neste contexto, como resultado do pensamento holístico da proteção ambiental aliada ao progresso econômico, está a técnica do telhado verde.
 
Antes de falarmos sobre o assunto, não deixe participar do minicurso GRATUITO sobre Sustentabilidade na Construção Civil clicando aqui!
 
Vamos lá?
 

Entenda o que é o Telhado Verde
 

A ideia do Telhado Verde (ou Cobertura/Teto Verde) é, de modo geral, a substituição dos telhados usuais das construções civis (compostos por lajes ou telhas)  por “telhados vivos”, que serão constituídos por terra e vegetação.
 
Trata-se de uma técnica em que se cultiva vegetações sobre superfícies, coberturas ou fachadas, que existe desde a época da antiga Babilônia (século VI a.C.), e mesmo na Alemanha do século XXIX, em construções rurais.
 
Fonte: Guia da Carreira

Diversas são as vantagens proporcionadas pelo telhado verde. São elas: 
 
1. Redução dos custos da obra, pois a cobertura verde é mais barata que os telhados feitos com lajes ou telhas; 

 
2. Isolamento acústico ocasionado pela cobertura verde – Pode representar uma grande vantagem em grandes centros urbanos, nos quais a poluição sonora é muito presente;

 
3. O telhado verde funciona como um filtro da água da pluvial, facilitando a reutilização desta água;

 
4. Alta retenção de água – Contribui para a regulação da umidade do ambiente em que se encontra, assim como ajuda a amenizar o problema da drenagem (ou escoamento) da água pluvial nos cenários urbanos;

 
Não deixe de garantir o seu lugar no minicurso GRATUITO sobre Sustentabilidade na Construção Civil clicando aqui!
 
5. Isolamento térmico – A presença da vegetação ajuda a amenizar as mudanças bruscas de temperatura ao longo do dia (típicas em certas regiões do Brasil e do mundo). Isto ocorre porque as plantas, por meio da fotossíntese, absorvem radiação.
 
O telhado verde pode proporcionar, portanto, uma temperatura mais amena no interior dos ambientes, tornando mais raro o uso de ar condicionados e equipamentos do tipo.

 
6. Redução do efeito estufa – Como é de conhecimento geral, as plantas têm a capacidade de absorver o gás carbono advindo dos automóveis movidos a combustível, amenizando o efeito estufa;

 
7. Aumento da durabilidade – A utilização de vegetais acrescidos à base do edifício (seja ela concreto, telha ou plástico) torna a construção mais durável;

 
8. Habitat para seres vivos – O telhado verde poderá devolver a certas espécies de seres vivos o habitat que lhes foi retirado com a expansão dos centros urbanos, reequilibrando o ecossistema;

 
9. Fatores psicológicos para o ser humano – O contato com a vegetação, ainda que visual, pode ter efeitos benéficos sobre a mente humana, considerando que o contato com a natureza tem sido cada vez mais raro com o avanço da urbanização;

 
10. Restauração da vegetação removida pela construção civil – Esta vantagem está pautada puramente na lógica de restaurar os danos causados; como dito anteriormente, a construção civil ocupa ambientes originalmente naturais, ocupados por espécies animais e vegetais.
 
Obviamente, nenhuma técnica é perfeita, e sempre existirão aspectos negativos na sua implementação. O telhado verde, por exemplo, requer constante manutenção,  tendo em vista que é composto por vegetação – isto poderá representar um custo extra na sua obra.

 
E aí, entendeu o que é o telhado verde no contexto da sustentabilidade na construção civil?

 
A Sustentabilidade é um dos temas mais importantes da atualidade para a Engenharia Civil, e os profissionais mais gabaritados precisam ter bastante familiaridade com ele.
 
Pensando nisso, estamos desenvolvendo um Curso Online de Sustentabilidade na Construção Civil. Participe do minicurso GRATUITO clicando aqui!
 
Conte conosco!