Postagens

05 OCT

Concurso da FUNCEL do Município de Canaã de Carajás - PA. Vagas para Assistentes Sociais e Pedagogas, confira!

Anúncio do Concurso da FUNCEL do Município de Canaã dos Carajás - PA

Mais concursos abertos na área de:
 
Pedagogia
 
Serviço Social
 
 
 
Sobre as inscrições e a prova:
 
Inscrições: 27/09 e 08/11/2021
 
Data da Prova: 05/12/2021
 
Banca Organizadora: Instituto QUADRIX
 
Escolaridade:  Nível Médio e Superior Completo.
 
 

Pedagogia:
 
Cargo: Pedagoga (o)
 
Vagas: 01 AC + 05 CR (04 AC + 01 PCD)
 
Remuneração: R$ 4.420,09
 
Carga Horária: 40 horas semanais
 
Requisitos: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Pedagogia, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Material de estudo



Serviço Social:
 
Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 01 AC + 05 CR (04 AC + 01 PCD)
 
Remuneração: R$ 5.266,57
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Serviço Social, fornecido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Registro ativo e adimplente no Conselho Regional de Serviço Social (CESS).
 
Material de estudo
 
 
 
Confira materiais de estudo!
 
Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos

 
Pedagogia
 
Super Livro de Pedagogia para Concursos
 
2B Ped – Curso online de Pedagogia para Concursos
 
 
 
Assine a nossa lista VIP 2B:
 
Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 
Lista VIP 2B para Serviço Social.
 


Se inscreva para nossa Newsletter!
 
Toda Quinta-feira às 14h, você receberá na sua caixa de entrada o "Notícias da Pedagoga", a newsletter semanal da Pedagoga Concurseira com atualidades da Pedagogia, curiosidades, dicas de estudo e muito mais!

Assine agora o Notícias da Pedagoga!
 
 
 
Edital
 
Acesse o edital do Concurso da FUNCEL do Município de Canaã dos Carajás - PA.
 
05 OCT

Concurso da Prefeitura Municipal de Nova Serrana - MG. Vaga para todas as áreas, confira!

Anúncio do Concurso da Prefeitura Municipal de Nova Serrana - MG

Mais concursos abertos na área de:
 
Engenharia
 
Pedagogia
 
Serviço Social
 
 
 
Sobre as inscrições e a prova:
 
Inscrições: 16/11 a 15/12/2021
 
Data da Prova: 15, 16 e 23/01/2022
 
Banca Organizadora: IBGP
 
Escolaridade: Ensino Fundamental, Nível Médio e Superior Completo.
 
 
Engenharia:
 
Cargo: Engenheiro (a) Civil
 
Vagas: 02 AC
 
Remuneração: R$ 4.153,61
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Ensino Superior Completo em Engenharia Civil e registro no Conselho de Classe.
 
Material de estudo
 

Pedagogia:
 
Cargo: Professor(a) de Educação Básica PEB II
 
Vagas: 45 AC + 05 PCD
 
Remuneração: R$ 2.360,26
 
Carga Horária: 25 horas semanais
 
Requisitos: Ensino Superior Completo em Normal Superior ou Pedagogia para anos iniciais do Ensino Fundamental ou Educação Infantil, bem como diploma de licenciatura específica para anos iniciais do Ensino Fundamental ou Educação Infantil obtido através da conclusão de curso de formação pedagógica para graduados não licenciados ou segunda licenciatura.
 
Material de estudo
 

Serviço Social:
 
Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 02 AC
 
Remuneração: R$ 3.033,19
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Ensino Superior Completo em Serviço Social em curso reconhecido pelo MEC e registro no devido Conselho de Classe.
 
Material de estudo
 
 
 
Confira materiais de estudo!
 
Engenharia Civil
 
Super Livro de Engenharia Civil para Concursos
 
2B Civil Platinum
 
Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos

 
Pedagogia
 
Super Livro de Pedagogia para Concursos
 
2B Ped – Curso online de Pedagogia para Concursos
 
 
 
Assine a nossa lista VIP 2B:
 
Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 
Lista VIP 2B para Engenharia Civil.
 
Lista VIP 2B para Serviço Social.
 
Se inscreva para nossa Newsletter!
 
Toda Quinta-feira às 14h, você receberá na sua caixa de entrada o "Notícias da Pedagoga", a newsletter semanal da Pedagoga Concurseira com atualidades da Pedagogia, curiosidades, dicas de estudo e muito mais!

Assine agora o Notícias da Pedagoga!
 
 
 
Edital
 
Acesse o edital do Concurso da Prefeitura Municipal de Nova Serrana - MG.


 
28 SEP

Concurso da Prefeitura Municipal de Paulínia - SP. Vagas para Assistentes Sociais com salários até R$6.600,00!

Anúncio do Concurso da Prefeitura Municipal de Paulínia - SP

Mais concursos abertos na área de:
 
Serviço Social
 
 
 
Sobre as inscrições e a prova:
 
- Inscrições:
 23/09 a 18/10/2021
 
- Data da Prova: 
28/11/2021
 
- Banca Organizadora:
 FGV
 
- Escolaridade: 
Superior Completo.
 
 
 
Serviço Social:
 
Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 05 AC
 
Remuneração: R$ 6.651,98
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Curso superior completo em Serviço Social.
 
Material de estudo
 


Cargo: Orientador(a) Social
 
Vagas: 05 AC
 
Remuneração: R$ 3.820,53
 
Carga Horária: 40 horas semanais
 
Requisitos: Ensino Superior Completo em Assistência Social ou Administração ou Antropologia ou Economia Doméstica ou Pedagogia ou Psicologia ou Sociologia ou Terapia Ocupacional.
 
Material de estudo 

 

Confira materiais de estudo!
 

Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos


 
Assine a nossa lista VIP 2B:
 
Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 
 
Lista VIP 2B para Serviço Social.
 
 
 
 
Edital
 
Acesse o edital do Concurso da Prefeitura Municipal de Paulínia - SP.



 
24 SEP

Concurso da Prefeitura Municipal de Ubá - MG. Vagas para todas as áreas, confira!

Anúncio do Concurso da Prefeitura Municipal de Ubá - MG

Mais concursos abertos na área de:
 
Engenharia
 
Pedagogia
 
Serviço Social
 
 
 
Sobre as inscrições e a prova:
 
Inscrições: 15/10 a 16/11/2021
 
Data da Prova: 19/12/2021
 
Banca Organizadora: FUNDEP
 
Escolaridade: Ensino Fundamental, Nível Médio e Superior Completo.
 
 
Engenharia:
 
Cargo: Engenheiro (a) Civil
 
Vagas: 01 AC
 
Remuneração: R$ 3.021,96
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Graduação em Engenharia Civil e registro no conselho profissional respectivo.
 
Material de estudo
 

Pedagogia:
 
Cargo: Técnica (o) em Educação - Supervisão Escolar
 
Vagas: 11 AC + 01 PCD
 
Remuneração: R$ 3.021,96
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Graduação em Pedagogia com habilitação em Supervisão Escolar, ou Pedagogia e demais licenciaturas, com pósgraduação que habilite em Supervisão Escolar
 
Material de estudo
 

Serviço Social:
 
Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 04 AC
 
Remuneração: R$ 3.021,96
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Graduação em Serviço Social e registro no conselho profissional respectivo.
 
Material de estudo
 
 
 
Confira materiais de estudo!
 
Engenharia Civil
 
Super Livro de Engenharia Civil para Concursos
 
2B Civil Platinum
 
Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos

 
Pedagogia
 
Super Livro de Pedagogia para Concursos
 
2B Ped – Curso online de Pedagogia para Concursos
 
 
 
Assine a nossa lista VIP 2B:
 
Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 
Lista VIP 2B para Engenharia Civil.
 
Lista VIP 2B para Serviço Social.
 
Se inscreva para nossa Newsletter!
 
Toda Quinta-feira às 14h, você receberá na sua caixa de entrada o "Notícias da Pedagoga", a newsletter semanal da Pedagoga Concurseira com atualidades da Pedagogia, curiosidades, dicas de estudo e muito mais!

Assine agora o Notícias da Pedagoga!
 
 
 
Edital
 
Acesse o edital do Concurso da Prefeitura Municipal de Ubá - MG

Acesse o anexo do edital do
Concurso da Prefeitura Municipal de Ubá - MG

 
22 SEP

Concurso da Prefeitura Municipal de Criciúma - SC. Vagas para Assistentes Sociais com bons salários!

2B Educação
Concurso da Prefeitura de Criciúma (SC) - Vagas para Assistentes Sociais

Mais concursos abertos na área de:

 
Serviço Social
 
 
 
Sobre as inscrições e a prova:
 
Inscrições: 13/09 a 13/10/2021
 
Data da Prova: 31/10/2021
 
Banca Organizadora: FEPESE
 
Escolaridade: Superior Completo.
 
 
 
Serviço Social:
 
Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 07 AC
 
Remuneração: R$ 3.775,02
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Curso superior em Serviço Social, com registro no órgão competente. Registro no CRESS- Conselho Regional de Serviço Social.
 
Material de estudo
 
 
 
Confira materiais de estudo!
 

Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos


 
Assine a nossa lista VIP 2B:
 
Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 
 
Lista VIP 2B para Serviço Social.
 
 
 
 
Edital
 
Acesse o edital do Concurso da Prefeitura Municipal de Criciúma - SC

 
20 SEP

Entenda mais sobre o Projeto Ético Político do Serviço Social!

2B Educação

Entenda mais sobre o Projeto Ético Político do Serviço Social!

Leia também:

- Concursos abertos de Serviço Social no Brasil

10 livros que todo assistente social deveria ler


Em resposta à histórica requisição social, bem como às finalidades, objetivos, valores e princípios com direção ética e política da profissão, os Assistentes Sociais brasileiros possuem o compromisso com a classe trabalhadora e os processos emancipatórios na perspectiva de uma sociedade igualitária.

O projeto ético e político do Serviço Social, que orienta o exercício e a formação profissional, resultou de um processo histórico de construção coletiva, sob a direção das entidades nacionais da categoria (CFESS/CRESS, ABEPSS e ENESSO). Este projeto de profissão e sociedade é explicitado no Código de Ética Profissional, na Lei de Regulamentação da Profissão (Lei 8662/93) e nas Diretrizes Curriculares aprovadas pela ABEPSS em 1996.

No cotidiano, os profissionais devem promover estratégias técnico-políticas nos diversos espaços sócio institucionais que concretizem princípios como: - ampliação da liberdade, concebida como autonomia, emancipação e pleno desenvolvimento dos indivíduos; - defesa intransigente dos direitos humanos contra todo tipo de arbítrio e autoritarismo; - defesa e aprofundamento e consolidação da cidadania e da democracia (socialização da riqueza socialmente produzida e da participação política); - defesa da equidade e da justiça social, universalizando o acesso a bens e serviços relativos a programas e políticas sociais e a sua gestão democrática; - compromisso com a qualidade na prestação dos serviços, competência profissional e articulação com outros profissionais e trabalhadores.

 

O que é um projeto?


Um projeto indica a direção que uma sociedade ou uma categoria constrói para concretizar o que idealizou, o que sonhou e sonha.

Os projetos coletivos se relacionam com as diversas particularidades que envolvem vários interesses sociais presentes em uma determinada sociedade. Questões culturais, políticas e econômicas articulam e constituem os projetos coletivos.

Os projetos coletivos de maior abrangência são chamados de projetos societários, constituem-se em projetos macroscópicos, para o conjunto da sociedade. Apresentam uma imagem de sociedade a ser construída, que reclamam determinados valores para justificá-la e que privilegiam certos meios (materiais e culturais) para concretizá-la. Podem ser de transformação ou conservadores.

Os projetos profissionais apresentam a autoimagem de uma profissão; elegem os valores que a legitimam; delimitam e priorizam seus objetivos e funções; formulam os requisitos (teóricos, institucionais e práticos) para o seu exercício; prescrevem normas para o comportamento dos profissionais; estabelecem as balizas da sua relação com os usuários dos serviços, com as outras profissões e com as organizações e instituições sociais, privadas e públicas; são construídos por um sujeito coletivo – a categoria profissional; e através da sua organização (que envolve os profissionais em atividades, as instituições formadoras, os pesquisadores, os docentes e estudantes da área, seus organismos corporativo e sindicais) que a categoria elabora o seu projeto profissional (NETTO,1999).

 

O QUE É O PROJETO ÉTICO-POLÍTICO DO SERVIÇO SOCIAL?

 

O termo PROJETO ÉTICO-POLÍTICO PROFISSIONAL significa uma projeção coletiva que envolve sujeitos individuais e coletivos (daí a ideia de projeto) em torno de uma determinada valoração ética (daí o termo ético) que está intimamente vinculada a determinados projetos societários (daí o termo político, no seu sentido mais amplo) presentes na sociedade que se relacionam com diversos projetos coletivos em disputa na mesma sociedade (daí o termo profissional, expressando a particularidade de uma categoria).

O PROJETO ÉTICO-POLÍTICO DO SERVIÇO SOCIAL não foi construído de maneira efêmera. Sua gênese se localiza na segunda metade da década de 70 e teve como marco o III CBAS, conhecido como "Congresso da Virada". Esse mesmo projeto avançou nos anos 80, num processo de redemocratização da sociedade brasileira, recusando o conservadorismo profissional ainda presente no Serviço Social brasileiro.

Constata-se o seu amadurecimento na década de 1990, período de profundas transformações societárias que afetam a produção, a economia, a política, o Estado, a cultura, o trabalho, marcadas pelo modelo de acumulação flexível e pelo neoliberalismo. O projeto ético-político profissional hoje ainda se encontra em construção e fortemente tensionado pelos rumos neoliberais da sociedade e por uma nova reação conservadora no seio da profissão.

Segundo Yasbeck, o processo de construção do projeto ético-político envolve:

(...) um conjunto de componentes que necessita se articular: são valores, saberes, e escolhas teóricas, práticas, ideológicas, políticas, éticas, normatizações acerca de direitos e deveres, recursos políticos organizativos, processos de debate, investigação, interlocução crítica com o movimento da sociedade, da qual a profissão é parte e expressão (2004,p.12)

 

As condições necessárias para desenvolver e aprofundar o projeto ético-político são:

  • Condição política, que teve na luta pela democracia seu principal rebatimento, onde as aspirações democráticas e populares foram incorporadas e intensificadas pelas vanguardas do Serviço Social.
  • Espaço legitimado na academia, que permitiu a profissão estabelecer fecunda interlocução com as Ciências Sociais e criar e revelar quadros intelectuais respeitados no conjunto da categoria.
  • Debate sobre a formação profissional, cujo empenho foi dirigido no sentido de adequá-la às novas condições postas, em um marco democrático da questão social. Em suma, a construção de um novo perfil profissional.

No interior da categoria profissional, modalidades prático-interventivas tradicionais foram ressignificadas e novas áreas e campos de intervenção foram emergindo devido, sobretudo, às conquistas dos direitos cívicos e sociais que acompanharam a restauração democrática na sociedade brasileira (práticas interventivas junto a categorias sociais como criança, adolescente, mulheres e outras.

Leia também:

- Concursos abertos de Serviço Social no Brasil

10 livros que todo assistente social deveria ler

 

ESTRUTURA BÁSICA DO PROJETO ÉTICO-POLÍTICO:

 

Núcleo:

  • Reconhecimento da liberdade como valor central
  • Compromisso com a autonomia, a emancipação e a plena expansão dos indivíduos sociais.
  • Vincula-se a um projeto societário que propõe a construção de uma nova ordem social


Dimensão política:
Se posiciona a favor da equidade e da justiça social, na perspectiva da universalização; a ampliação e consolidação da cidadania. Este projeto se reclama radicalmente democrático – socialização da participação política e socialização da riqueza socialmente produzida.


Do ponto de vista profissional: 
O projeto implica o compromisso com a competência, cuja base é o aprimoramento profissional – preocupação com a (auto) formação permanente e uma constante postura investigativa.


Usuários: 
O projeto prioriza uma nova relação sistemática com os usuários dos serviços oferecidos – compromisso com a qualidade dos serviços prestados à população, a publicitação dos recursos institucionais e sobretudo, abrir as decisões institucionais à participação dos usuários.

Articulação com os segmentos de outras categorias profissionais que partilhem de propostas similares e com os movimentos que se solidarizam com a luta geral dos trabalhadores.

 

COMPONENTES QUE MATERIALIZAM O PROJETO ÉTICO-POLÍTICO:

 

Dimensão da produção de conhecimento no interior do Serviço Social: 
É a esfera da sistematização das modalidades práticas da profissão, onde se apresentam os processos reflexivos do fazer profissional.

 

Dimensão político-organizativo da profissão: 
Fóruns de deliberação e as entidades representativas (conjunto CFESS/CRESS, ABEPSS e as demais associações político-profissionais, movimento estudantil representado pelo conjunto dos CA’s e DA’s e pela ENESSO). É aqui que são tecidos os traços gerais do projeto, quando são reafirmados (ou não) determinados compromissos e princípios.

 

Dimensão jurídico-política da profissão: 
Aparato político-jurídico estritamente profissional (Código de Ética Profissional e a Lei de Regulamentação da Profissão – Lei 8.662/93 e as novas Diretrizes Curriculares do MEC; aparato jurídico-político de caráter mais abrangente (conjunto das leis advindas do capítulo da Ordem Social da Constituição Federal de 1988).

 

DESAFIOS IMPOSTOS AO PROJETO ÉTICO-POLÍTICO PROFISSIONAL
Com a consolidação e expansão do neoliberalismo que conduz a perdas dos direitos sociais já conquistados, induzindo a massa trabalhadora a um aumento da precariedade de suas condições de vida e de trabalho, diminuindo a empregabilidade, a remuneração, em contrapartida, aumentando a miséria e o Estado tirando sua responsabilidade sobre o investimento nas políticas sociais.

Esse é o desafio posto aos assistentes sociais nos dias atuais:

Como reforçar e consolidar este projeto político profissional em um terreno profundamente adverso; como atualizá-lo ante o novo contexto social, sem abrir mão dos princípios éticos políticos que o norteiam. Ora, a vitalidade deste projeto encontra-se estreitamente relacionada à capacidade de adequá-lo aos novos desafios conjunturais, reconhecendo as tendências dos processos sociais, de modo que torne possível a qualificação do exercício e da formação profissional na concretização dos rumos perseguidos. (Iamamoto:1998,p.113-114).

Leia também:

- Concursos abertos de Serviço Social no Brasil

10 livros que todo assistente social deveria ler

20 SEP

10 Livros Que Todo Assistente Social Deve Ler!

Editora 2B

 

Independente do desejo de prestar um concurso público ou não, todos os profissionais de serviço social deveriam ter como livros de cabeceira aqueles que analisam as ciências sociais e também as relações sociais.

Então, antes de dizermos os 10 livros que não podem faltar na sua cabeceira, temos algumas dicas das boas para você:

1. Assine a nossa Lista Vip, para sempre receber conteúdos úteis como este! É só clicar aqui e se cadastrar.

2. Nós temos muitos materiais gratuitos disponíveis nas redes sociais da Assistente Social Concurseira (Instagram, Facebook e Youtube), sem falar nos nossos e-books! Clique aqui e baixe gratuitamente o nosso e-book com Legislações Sociais comentadas.
 

Veja abaixo a lista com os 10 livros que todo assistente social deve ler!

1) Marilda Iamamoto  - Serviço Social na Contemporaneidade


Este livro, ao voltar-se para os cenários e tendências do Serviço Social, diante do contexto de transformações sociais observadas no capitalismo, aborda uma série de questões para o trabalho e para a formação profissional do assistente social, dimensões complementares na inserção da profissão na história contemporânea.

O livro demonstra os impactos que as novas conjunturas causam no Serviço Social, ressaltando o desafio de repensar a formação profissional em tempos de novas demandas.

 

2) Vicente de Paula Faleiros - Saber Profissional e Poder Institucional


Esta obra procura retomar uma temática comum de grande repercussão nos meios profissionais - a relação existente entre o saber profissional e o poder político. Alguns dos questionamentos que surgem podem ser:

- Que poder exercem os profissionais através do saber?

- Seu saber é autônomo?

- Há uma metodologia própria da profissão?, entre outras questões.

 

3) Maria Irene de Carvalho - Ética Aplicada ao Serviço Social Dilemas e Práticas Profissionais


Numa sociedade que muda a um ritmo acelerado, é importante que o Serviço Social mantenha a sua capacidade de intervir socialmente, utilizando os seus saberes, instrumentos técnicos e valores éticos para garantir a identidade cultural dos cidadãos, dos grupos e das comunidades.

O Serviço Social é uma profissão centrada nas pessoas, na qual os direitos humanos têm importância vital. O código de ética dos assistentes sociais é de grande importância para a profissão e para os profissionais, pois permite a análise e a reflexão de questões e dilemas com os quais se deparam no cotidiano, possibilitando a tomada de decisões eticamente orientadas.

Este livro não pretende evidenciar as grandes teorias éticas, mas sim possibilitar uma reflexão sobre a aplicabilidade da ética e da deontologia na comunidade em geral, e no Serviço Social em particular.

Através da apresentação de casos reais, resultantes da experiência da Autora enquanto assistente social, esta obra pretende evidenciar algumas questões sensíveis à ética e potenciar a reflexão sobre estas temáticas, situando os desafios do Serviço Social na atualidade.

Demonstrando os princípios e os valores do Serviço Social no quadro de referência dos direitos humanos, esta é uma obra que se destina aos alunos do Serviço Social no ensino superior, aos assistentes sociais e a outros profissionais que manifestem interesse na área do Serviço Social, na qual poderão encontrar, entre outros, os seguintes temas:

· Desafios da profissão

· Direitos humanos

· Princípios e valores

· Ética aplicada

· Deveres profissionais

· Prática profissional

· Produção de conhecimento

· Disseminação do saber

 Construção de comunidade

 

4) José Paulo Netto - Capitalismo monopolista e Serviço Social


Este livro traz a temática do surgimento da profissão, vinculando a sua história à emergência do Estado burguês na idade do monopólio, aos projetos das classes sociais fundamentais e à execução das políticas sociais. Discute também a estrutura teórico-prática do Serviço Social fundada em peculiar sincretismo.


5) Myrian Veras Baptista - Investigação em Serviço Social


Este livro aborda o tema da investigação em serviço social a partir da prática profissional, cotidiana, concreta, que se traduz em objeto de investigação.

Para tal, elabora categorias analíticas que permitem equacionar a investigação e analisar a intervenção profissional, como um produto humano, um processo dialético contínuo de (re)construção, inserido em um contexto sócio-histórico e cultural.

 

6) Maria Lúcia Martinelli - Serviço Social Identidade e Alienação


'Serviço Social - identidade e alienação' é um estudo de natureza hermenêutica sobre o Serviço Social em suas relações com a sociedade capitalista, onde teve sua origem e desenvolvimento.

O livro aborda questões nos textos de Serviço Social, como a identidade profissional, a alienação, o fetiche da prática e a consciência de classe da categoria profissional.

A autora pretende desvendar as contradições e antagonismos que marcam a prática do Serviço Social no Brasil e afirma que exatamente por ser contraditória, tal prática abre espaços para novas totalizações, sintonizadas com o nível de desenvolvimento das contradições sociais, com os anseios da liberdade e democracia da sociedade brasileira.

 

7) Yolanda Guerra - A Instrumentalidade do Serviço Social


O livro tem se consolidado como um clássico no debate da profissão, mas mantém sua extrema atualidade. Nele, a autora questiona a visão hegemônica da instrumentalidade como referida nos instrumentos operativos; compreensão atrelada aos limites de uma razão formal abstrata.
 

8) Maria Cecília Minayo - Pesquisa Social – teoria, método e criatividade


Este livro introduz o estudante de graduação ao mundo da investigação social e da pesquisa qualitativa. Pela sua linguagem simples e objetiva, atende aos interesses dos universitários das mais diferentes áreas que desejam aprender a escrever um projeto de pesquisa e iniciar-se no trabalho empírico.
 

9) Vicente de Paula Faleiros - A política social do estado capitalista


Situa o alcance das medidas de política social no desenvolvimento do capitalismo e da luta de classes, apresentando um debate teórico em torno dessas políticas e de suas funções no Estado capitalista. Mostra que as conquistas no campo da política social são o resultado de lutas sociais e que somente organizadas e mobilizadas poderão as classes dominadas manter e aumentar seus benefícios sociais.
 

10) 2B Educação - Super Livro de Serviço Social para Concursos


O Super Livro de Serviço Social para Concursos é mais do que um livro, é uma jornada. Tudo isso para melhorar ainda mais a qualidade dos materiais que estávamos levando para os nossos estudantes de concursos de Serviço Social.

Com o Super Livro, além das questões comentadas, o estudante  terá acesso a resumos práticos e mapas mentais para fixar o conhecimento estudado.

Além de tudo isso, desenvolvemos uma plataforma online para o estudante ter acesso logo após a compra, e já iniciar os seus estudos.


Aproveite uma amostra grátis do Super Livro de Serviço Social para Concursos com este e-book gratuito! É só clicar aqui, colocar o seu e-mail e aproveitar! 

 

20 SEP

As 7 matérias que mais caem nos concursos de Serviço Social

Assistente Social Concurseira
7 matérias que mais caem em concursos de serviço social

Tópicos da postagem:
1. Assuntos mais cobrados
    A) Código de Ética do Serviço Social e Regulamentação da Profissão do Assistente Social
    B) Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990)
    C) Serviço Social e Saúde
    D) Assistência Social 
    E) Políticas Públicas e Sociais
    F) Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social (FHTM) 
    G) Serviço Social no campo Sociojurídico
2. Materiais indicados para estudar para concursos de serviço social

Quer receber notícias, dicas e informações exclusivas sobre concursos na área de serviço social? Se inscreva em nossa Lista VIP: Clique aqui e inscreva-se já.
 
Todo assistente social concurseiro que deseja ser aprovado num concurso de serviço social sabe que, para estar preparado para responder as questões de uma prova de um concurso de serviço social, é preciso ter tempo para estudar todas as matérias, ler os livros dos autores, estudar as legislações etc.
 
Os concursos de serviço social têm crescido cada vez mais e a concorrência só faz aumentar. Isso ocorre devido ao aumento dos cursos de serviço social, que acabam gerando um aumento no número de alunos, no número de profissionais e consequentemente no número de pessoas que desejam passar num concurso.
 
Para se destacar e se diferenciar dos demais concorrentes, é preciso conciliar tempo e estudo, pois são muitos conteúdos para estudar e pouco tempo para dar conta de todos eles. Dessa forma, a ideia aqui é ajudar você que está querendo estudar para ser aprovado numa prova de concursos de serviço social e não sabe por onde começar.
 
Seguindo esse guia das disciplinas, você terá chance de acertar, pelo menos, 75% das provas de concurso de serviço social. A lógica é simples: quem ganha uma certa prática no estudo das provas de concurso de serviço social verifica um certo padrão no conteúdo que cai. A maioria das provas cobra conteúdos bastante similares e, por isso, analisando as disciplinas certas da maneira correta, você garantirá a melhor preparação para um concurso de serviço social.

Confira nosso banco gratuito de provas gabaritadas de concursos de Serviço Social: Clique aqui
 
Por isso, depois de analisar diversas provas de serviço social, a nossa equipe montou esse guia das 7 matérias que mais caem em concursos de serviço social. Vamos lá!
 

1. Assuntos mais cobrados:

A) Código de Ética do Serviço Social e Regulamentação da Profissão do Assistente Social

Quem estuda para concurso de serviço social sabe que um assunto muito cobrado nos concursos é o Código de Ética do Serviço Social. Muitos concurseiros acabam errando questões de código de ética por não possuírem um conhecimento aprofundado desse tema. Para melhorar o seu conhecimento e garantir uma melhor preparação para um concurso, não esqueça de buscar materiais que abordem esse assunto. Não se esqueça de anotar as observações importantes e de treinar com questões comentadas de código de ética.

B) Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990)

Essa lei é certeza que deve cair num concurso de serviço social. Trata-se do Estatuto da Criança e do Adolescente. Leitura obrigatória para todo concurseiro de serviço social. O melhor jeito de estudar é através do seguinte passo a passo: fazer primeiro uma leitura exploratória do assunto, e depois uma segunda leitura grifando os pontos mais importantes, treinando com questões comentadas do assunto e marcando o trecho da lei que cai em cada questão.
 

C) Serviço Social e Saúde

Um assunto bem recorrente nos concursos de serviço social é Serviço Social e Saúde. Dentro dessa matéria o foco é  SUS: Lei Orgânica da Saúde (LOS), Lei nº 8.080 de 1990 e Lei nº 8.142 de 1990. Esse assunto tem sido bastante cobrado nos últimos concursos. Também vale a pena estudar previdência social, que também tem caído muito no concursos.

D) Assistência Social 

Essa disciplina é muito importante!!! Não deixem de estudar a Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS – Lei nº 8.742/1993 e Lei nº 12.435/2011). Muitos concurseiros acabam fazendo a prova sem um conhecimento da nossa própria lei. Vale ressaltar que essa lei foi alterada pela Lei n° 12.435, de 2011. Essa lei alterou alguns pontos da LOAS e é importante que você realize a leitura das duas leis.
 
Dentro dessa matéria ainda devemos priorizar também a Política Nacional de Assistência Social (PNAS). Com ela você terá acesso ao conhecimento das diversas políticas na área de Serviço Social; por esse motivo, não deixe de estudar esse material.
 
Outro assunto importante é o Sistema Único de Assistência Social (SUAS). A assistência social é assunto certo nas provas dos diversos concursos na área de serviço social, e o concurseiro tem de estar preparado para responder essas questões. Não se esqueça de sempre treinar com questões comentadas.
 

E) Políticas Públicas e Sociais

Estudar políticas públicas e sociais, sobretudo focando nas Políticas Sociais pós-Constituição Federal de 1988 e no contexto neoliberal, é importante, pois esse assunto tem caído nos últimos concursos de serviço social. Para o concurseiro de serviço social é importante dominar esse tema e saber se diferenciar dos demais concorrentes.

F) Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social (FHTM)

É importante que o concurseiro de serviço social esteja situado quanto ao surgimento e a institucionalização do serviço social. Por esse motivo, e imprescindível que domine o assunto Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social. Há diversos materiais para estudar esse assunto, por isso, busque estudar o assunto e treinar com questões comentadas.
 

G) Serviço Social no campo Sociojurídico

Foi constatado que nos últimos concursos essa matéria caiu bastante. Por isso, para fechar a nossa lista das 7 matérias que mais caem nos concursos de serviço social, a matéria Serviço Social Sociojurídico não poderia deixar de faltar.
 

2. Materiais indicados para estudar para concursos de serviço social

Como já foi frisado, o grande dilema do concurseiro é conciliar tempo e demanda de estudo. Focando nessas disciplinas, as chances de acertar o que irá cair no concurso aumentam consideravelmente. Não existe melhor jeito de estudar para concurso que com base numa análise do passado. E é exatamente isso que foi feito aqui!
 
Se você ainda tem dúvida de material para estudar essas disciplinas, aqui abaixo vai a dica de alguns livros que podem lhe ajudar a focar nesses assuntos:
 

Curso Jornada 2B de Serviço Social PREMIUM

Super Livro de Serviço Social para concursos

20 SEP

As 7 matérias que mais caem nos concursos de Serviço Social

Assistente Social Concurseira
7 matérias que mais caem em concursos de serviço social

Tópicos da postagem:
1. Assuntos mais cobrados
    A) Código de Ética do Serviço Social e Regulamentação da Profissão do Assistente Social
    B) Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990)
    C) Serviço Social e Saúde
    D) Assistência Social 
    E) Políticas Públicas e Sociais
    F) Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social (FHTM) 
    G) Serviço Social no campo Sociojurídico
2. Materiais indicados para estudar para concursos de serviço social

Quer receber notícias, dicas e informações exclusivas sobre concursos na área de serviço social? Se inscreva em nossa Lista VIP: Clique aqui e inscreva-se já.
 
Todo assistente social concurseiro que deseja ser aprovado num concurso de serviço social sabe que, para estar preparado para responder as questões de uma prova de um concurso de serviço social, é preciso ter tempo para estudar todas as matérias, ler os livros dos autores, estudar as legislações etc.
 
Os concursos de serviço social têm crescido cada vez mais e a concorrência só faz aumentar. Isso ocorre devido ao aumento dos cursos de serviço social, que acabam gerando um aumento no número de alunos, no número de profissionais e consequentemente no número de pessoas que desejam passar num concurso.
 
Para se destacar e se diferenciar dos demais concorrentes, é preciso conciliar tempo e estudo, pois são muitos conteúdos para estudar e pouco tempo para dar conta de todos eles. Dessa forma, a ideia aqui é ajudar você que está querendo estudar para ser aprovado numa prova de concursos de serviço social e não sabe por onde começar.
 
Seguindo esse guia das disciplinas, você terá chance de acertar, pelo menos, 75% das provas de concurso de serviço social. A lógica é simples: quem ganha uma certa prática no estudo das provas de concurso de serviço social verifica um certo padrão no conteúdo que cai. A maioria das provas cobra conteúdos bastante similares e, por isso, analisando as disciplinas certas da maneira correta, você garantirá a melhor preparação para um concurso de serviço social.

Confira nosso banco gratuito de provas gabaritadas de concursos de Serviço Social: Clique aqui
 
Por isso, depois de analisar diversas provas de serviço social, a nossa equipe montou esse guia das 7 matérias que mais caem em concursos de serviço social. Vamos lá!
 

1. Assuntos mais cobrados:

A) Código de Ética do Serviço Social e Regulamentação da Profissão do Assistente Social

Quem estuda para concurso de serviço social sabe que um assunto muito cobrado nos concursos é o Código de Ética do Serviço Social. Muitos concurseiros acabam errando questões de código de ética por não possuírem um conhecimento aprofundado desse tema. Para melhorar o seu conhecimento e garantir uma melhor preparação para um concurso, não esqueça de buscar materiais que abordem esse assunto. Não se esqueça de anotar as observações importantes e de treinar com questões comentadas de código de ética.

B) Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei nº 8.069/1990)

Essa lei é certeza que deve cair num concurso de serviço social. Trata-se do Estatuto da Criança e do Adolescente. Leitura obrigatória para todo concurseiro de serviço social. O melhor jeito de estudar é através do seguinte passo a passo: fazer primeiro uma leitura exploratória do assunto, e depois uma segunda leitura grifando os pontos mais importantes, treinando com questões comentadas do assunto e marcando o trecho da lei que cai em cada questão.
 

C) Serviço Social e Saúde

Um assunto bem recorrente nos concursos de serviço social é Serviço Social e Saúde. Dentro dessa matéria o foco é  SUS: Lei Orgânica da Saúde (LOS), Lei nº 8.080 de 1990 e Lei nº 8.142 de 1990. Esse assunto tem sido bastante cobrado nos últimos concursos. Também vale a pena estudar previdência social, que também tem caído muito no concursos.

D) Assistência Social 

Essa disciplina é muito importante!!! Não deixem de estudar a Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS – Lei nº 8.742/1993 e Lei nº 12.435/2011). Muitos concurseiros acabam fazendo a prova sem um conhecimento da nossa própria lei. Vale ressaltar que essa lei foi alterada pela Lei n° 12.435, de 2011. Essa lei alterou alguns pontos da LOAS e é importante que você realize a leitura das duas leis.
 
Dentro dessa matéria ainda devemos priorizar também a Política Nacional de Assistência Social (PNAS). Com ela você terá acesso ao conhecimento das diversas políticas na área de Serviço Social; por esse motivo, não deixe de estudar esse material.
 
Outro assunto importante é o Sistema Único de Assistência Social (SUAS). A assistência social é assunto certo nas provas dos diversos concursos na área de serviço social, e o concurseiro tem de estar preparado para responder essas questões. Não se esqueça de sempre treinar com questões comentadas.
 

E) Políticas Públicas e Sociais

Estudar políticas públicas e sociais, sobretudo focando nas Políticas Sociais pós-Constituição Federal de 1988 e no contexto neoliberal, é importante, pois esse assunto tem caído nos últimos concursos de serviço social. Para o concurseiro de serviço social é importante dominar esse tema e saber se diferenciar dos demais concorrentes.

F) Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social (FHTM)

É importante que o concurseiro de serviço social esteja situado quanto ao surgimento e a institucionalização do serviço social. Por esse motivo, e imprescindível que domine o assunto Fundamentos Históricos e Teórico-metodológicos do Serviço Social. Há diversos materiais para estudar esse assunto, por isso, busque estudar o assunto e treinar com questões comentadas.
 

G) Serviço Social no campo Sociojurídico

Foi constatado que nos últimos concursos essa matéria caiu bastante. Por isso, para fechar a nossa lista das 7 matérias que mais caem nos concursos de serviço social, a matéria Serviço Social Sociojurídico não poderia deixar de faltar.
 

2. Materiais indicados para estudar para concursos de serviço social

Como já foi frisado, o grande dilema do concurseiro é conciliar tempo e demanda de estudo. Focando nessas disciplinas, as chances de acertar o que irá cair no concurso aumentam consideravelmente. Não existe melhor jeito de estudar para concurso que com base numa análise do passado. E é exatamente isso que foi feito aqui!
 
Se você ainda tem dúvida de material para estudar essas disciplinas, aqui abaixo vai a dica de alguns livros que podem lhe ajudar a focar nesses assuntos:
 

Curso Jornada 2B de Serviço Social PREMIUM

Super Livro de Serviço Social para concursos

15 SEP

Concurso aberto da Prefeitura Municipal de Simão Dias - SE. Vagas para Serviço Social e Engenharia Civil!

Anúncio do Concurso da Prefeitura Municipal de Simão Dias - SE
 

Mais concursos abertos na área de:

Engenharia

Serviço Social

 

Sobre as inscrições e a prova:

- Inscrições: 10/09 a 11/10/2021

- Data da Prova: 12/12/2021

- Banca Organizadora: Objetiva Concursos

- Escolaridade: Ensino Superior Completo

 

Engenharia Civil:

- Cargo: Engenheiro Civil

- Vagas: 01 AC

- Remuneração: R$ 3.000,00

- Carga Horária: 40 horas semanais

- Requisitos: Ensino Superior completo em Engenharia Civil e registro no Conselho de Classe.

Material de estudo



Serviço Social:

Cargo: Assistente Social
 
Vagas: 03 AC 
 
Remuneração: R$ 1.500,00
 
Carga Horária: 30 horas semanais
 
Requisitos: Ensino Superior completo em Serviço Social e registro no Conselho de Classe.

Material de estudo



Confira materiais de estudo!

Engenharia Civil

Super Livro de Engenharia Civil para Concursos

2B Civil Platinum


Serviço Social
 
Super Livro de Serviço Social para Concursos
 
Jornada 2B – Curso online de Serviço Social para Concursos


 

Assine a nossa lista VIP 2B:

Ao se inscrever você recebe dicas, materiais de estudo gratuitos e notícias sobre editais que saíram e os que ainda estão por vir em primeira mão!
 

Lista VIP 2B para Engenharia Civil.

Lista VIP 2B para Serviço Social.

 

Edital

Acesse o edital do
Concurso da Prefeitura Municipal de Simão Dias - SE.