Prova Concurso - Engenharia - 2006-CEAGESP-ENGENHEIRO-CIVIL-JUNIOR - CONSULPLAN - CEAGESP - 2006

Prova - Engenharia - 2006-CEAGESP-ENGENHEIRO-CIVIL-JUNIOR - CONSULPLAN - CEAGESP - 2006

Detalhes

Profissão: Engenharia
Cargo: 2006-CEAGESP-ENGENHEIRO-CIVIL-JUNIOR
Órgão: CEAGESP
Banca: CONSULPLAN
Ano: 2006
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

ENGENHEIRO-NUCLEARAMAZUL2018
ENGENHEIRO-AREA-MECANICAUFPA2018
ENGENHEIRO-ENGENHARIA-MECANICAUFPA2018

Gabarito

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AGENTE DE SEGURANÇA 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: INSPETOR DE SEGURANÇA 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ORIENTADOR DE MERCADO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: OFICIAL DE MANUTENÇÃO I (CIVIL) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AUXILIAR DE ADMINISTRAÇÃO I 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AUXILIAR DE OPERAÇÕES 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: OPERADOR II (SILO) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: CONFERENTE 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: FISCAL 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: OFICIAL DE MANUTENÇÃO II (ELETRICISTA) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: OFICIAL DE MANUTENÇÃO II (MECÂNICO) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ASSISTENTE DE ADMINISTRAÇÃO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AUXILIAR DE ADMINISTRAÇÃO II 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: TÉCNICO DE SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ASSISTENTE CONTÁBIL 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ASSISTENTE DE RECURSOS HUMANOS 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: PESQUISADOR DE MERCADO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: TÉCNICO AGRÍCOLA 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: TÉCNICO EM FOTOGRAFIA 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: SECRETÁRIA 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: COMPRADOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ENCARREGADO (OPERAÇÕES) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta altera da. 

 

CARGO: ENCARREGADO (ESCRITÓRIO) 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ADVOGADO JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: MÉDICO VETERINÁRIO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

 

CARGO: ENGENHEIRO MECÂNICO JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR  

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: MÉDICO DO TRABALHO 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ENGENHEIRO ELETRICISTA JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

 

CARGO: ENGENHEIRO CIVIL JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 
 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ENGENHEIRO AGRÔNOMO JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: AUDITOR JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE SISTEMAS JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE RECURSOS HUMANOS  

JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE O & M JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL JÚNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PLENO  

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-gabarito.pdf-html.html

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA CONTÁBIL JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

 

=================================================== 

 

GABARITO OFICIAL APÓS ANÁLISE E DECISÃO DOS 

RECURSOS EM 14/06/2006. 

 

CEAGESP – COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS DE SÃO PAULO 

 

  As questões com * foram anuladas; 

  As questões em negrito tiveram a alternativa de resposta alterada. 

 

CARGO: ANALISTA ADMINISTRATIVO / FINANCEIRO 

 JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

 

01 

11 

21 

31 

02 

12 

22 

32 

* 

03 

13 

23 

33 

04 

14 

24 

34 

05 

15 

25 

35 

06 

16 

26 

36 

* 

07 

17 

27 

37 

08 

18 

28 

38 

09 

19 

29 

39 

10 

20 

30 

40 

 

 

Prova

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO 

CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns  
Gerais de São Paulo 

INSTRUÇÕES

01- Material a ser utilizado: caneta esferográfica azul ou preta. Os objetos restantes devem ser colocados em local 

indicado pelo fiscal da sala; 

02- Não é permitido a consulta, utilização de livros, códigos, dicionários, apontamentos, apostilas, calculadoras, bips, 

telefones celulares, devendo mantê-lo DESLIGADO, ou qualquer outro material; 

03- Durante a prova, o (a) candidato (a) não deve levantar-se nem comunicar-se com outros (as) candidatos (as), é 

proibido fumar; 

04- A duração da prova é de 04 (QUATRO) horas, já incluído o tempo destinado à identificação - que será feita no 

decorrer da prova - e ao preenchimento da FOLHA DE RESPOSTAS (GABARITO); 

05- Somente em caso de urgência pedir ao fiscal para ir ao banheiro, devendo no percurso permanecer absolutamente 

calado;

06- O caderno de provas consta de 40 (QUARENTA) questões objetivas de múltipla escolha. Leia atentamente e 

marque apenas uma alternativa; 

07- Ao terminar a conferência do caderno de provas, caso o mesmo esteja incompleto ou tenha qualquer defeito, o (a) 

candidato (a) deverá solicitar ao fiscal de sala que o substitua, não cabendo reclamações posteriores neste sentido; 

08- Os fiscais não estão autorizados a emitir opinião nem prestar esclarecimentos sobre o conteúdo das provas. Cabe 

única e exclusivamente ao candidato interpretar e decidir; 

09- O candidato mesmo terminando a prova deverá permanecer na sala de provas por 90 (noventa) minutos, e somente 

após este período poderá sair da sala. Levando o caderno de provas apenas com 30 (trinta) minutos para o 
encerramento das provas escritas, devendo obrigatoriamente devolver ao fiscal o Cartão Respostas, devidamente 
assinado no verso. 

10- Em nenhuma hipótese a Consulplan informará o resultado por telefone; 

11- É proibida a reprodução total ou parcial deste material, por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa da 

Consulplan Consultoria Ltda.; 

12- Deve-se marcar no GABARITO/FOLHA DE RESPOSTAS apenas uma opção em cada questão, com caneta azul ou 

preta, SEM RASURAS, SEM AMASSÁ-LO, SEM PERFURÁ-LO, caso contrário, a questão será anulada; 

13- A desobediência a qualquer uma das recomendações constantes nas presentes instruções, poderá implicar na 

anulação da prova do (a) candidato (a); 

RESULTADOS E RECURSOS

- O gabarito oficial será divulgado no endereço eletrônico da organizadora Consulplan Consultoria

www.consulplan.net

e no site da CEAGESP 

www.ceagesp.gov.br

 , a partir das 13:00 horas do dia subseqüente a

prova aplicada. 

- Os recursos deverão ser apresentados conforme determinado no item 11 do Edital 001/2006, não esquecendo, 

principalmente dos seguintes aspectos: 

a) Caberá recurso contra questões das provas e contra erros ou omissões no gabarito, até 02(dois) dias, após divulgação 

do gabarito. 

b) A decisão proferida pela Banca Examinadora tem caráter irrecorrível na esfera administrativa, razão pela qual não 

caberão recursos adicionais. 

c) Os recursos devem ser datilografados ou digitados, devendo ser uma folha para cada questão recorrida, até 02(dois) 

dias úteis após divulgação do gabarito oficial. 

d) Os recursos devem ser enviados obrigatoriamente para a organizadora Consulpan Consultoria via e-mail: 

atendimento@consulplan.com

, ou via fax: (32) 37214216, ou ainda via postal (ECT), apenas sedex, para o endereço 

da organizadora: Consulplan Consultoria, Rua Judith Pompei, nº 02 – Bairro Augusto Abreu – Muriaé – MG, 
CEP 36880-000. 

e) Serão rejeitados os recursos não fundamentados e os que não contiverem dados necessários à identificação do 

candidato. Serão rejeitados também recursos enviados pelo correio, fax, ou qualquer outro meio que não previsto no 
Edital. 

CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº 001/2006

www.pciconcursos.com.br

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO – CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo

CONSULPLAN CONSULTORIA LTDA                

www.consulplan.net  atendimento@consulplan.com 

2

CARGO: ENGENHEIRO CIVIL JÚNIOR – PLENO – SÊNIOR 

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

01) O projeto de engenharia para reabilitação do pavimento de rodovia incluindo melhoramentos físicos e operacionais 

decorrentes de intervenção de baixo custo, consiste no conjunto de estudos e projetos desenvolvidos com o objetivo 
primordial de reforçar o pavimento existente, por adição de novas camadas estruturais ou por substituição de uma 
ou mais camadas, de forma que a estrutura resultante possa economicamente suportar a repetição das cargas por 
eixo incidentes durante o novo período de projeto estabelecido, em condições de conforto e segurança para o 
usuário. Na realização dos estudos de tráfego serão adotados os seguintes critérios, EXCETO: 
A) Proceder a contagens volumétricas e classificatórias durante trinta dias consecutivos em períodos de 24 horas, em 

número de postos compatíveis com a variação do fluxo. 

B) Realizar as contagens direcionais em interseções problemáticas durante três dias nos períodos mais críticos. 
C) Introduzir as correções sazonais dos dados, com base naqueles disponíveis. 
D) Adotar fatores de veículos de pesagens de tráfego disponíveis, caso necessário, realizando pesagens. Nestas pesagens 

serão determinados os pesos, por eixo/conjunto-de-eixos, dos diversos tipos de veículos que compõem a frota usuária 
do trecho considerado. 

E) Adotar taxa de crescimento de estudos econômicos consistentes, com base nas premissas de alocação de tráfego ou na 

existência de dados históricos que permitam projeções confiáveis. 

02) Estudos geotécnicos têm por objetivo a obtenção das informações geológicas e geotécnicas necessárias à análise e 

detalhamento de soluções propostas para uma determinada construção ou obra. Perfis de sondagem são 
representações de dados coletados para estes estudos e devem conter os seguintes elementos mínimos para sua 
análise, EXCETO: 
A) 

Referência 

de 

nível. 

 

    D) 

Tipo 

de 

amostrador. 

 

B) Data da sondagem.  

 

 

 

 

E) Legenda gráfica dos materiais. 

C) Posição do NA (nível d’água). 

03) Considerando medidas de proteção complementares na estabilização de taludes, a revegetação é uma prática muito 

utilizada, que exige análises edáfica e pedológica dos solos do talude, a fim de verificar a eventual deficiência de 
nutrientes para recomendar as dosagens de adubação. Já na seleção das espécies vegetais para a consorciação de 
gramíneas e leguminosas deverá ser considerado, EXCETO: 
A) Eficiência na fixação de fósforo.   

 

 

D) Resistência à seca, ao fogo, doenças e pragas. 

B) 

Rápido 

desenvolvimento 

inicial. 

   E) 

Propagação por sementes de fácil aquisição comercial. 

C) Tolerância aos solos ácidos e tóxicos. 

04) Analise as afirmativas abaixo: 

I. Em termos ambientais, a reciclagem não apresenta desvantagens. As críticas ao processo como um todo estão mais 

relacionadas com a maneira como geralmente é executada, por exemplo, a ação de catadores nos logradouros públicos 
ou nos lixões que poderão resultar em problemas de saúde pública. 

II. Nas cidades, a coleta seletiva é um instrumento concreto de incentivo a redução, a reutilização e a separação do 

material para a reciclagem buscando uma mudança de comportamento, principalmente em relação aos desperdícios 
inerentes à sociedade de consumo. 

III. A coleta seletiva pode ser utilizada na geração de postos de trabalho, absorvendo os “catadores de lixo” dentro de uma 

atividade mais rentável e com condições de salubridade controlada. 

Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s): 
A) I e II  

 

 

B) I e III 

 

C) II e III  

 

D) I, II e III 

 

E) N.R.A. 

05) Considerando os requisitos urbanísticos para elaboração de projeto de loteamento, a percentagem de áreas públicas 

previstas não poderá ser inferior a 35% (trinta e cinco por cento) da gleba, salvo nos loteamentos destinados ao uso 
industrial, caso em que a percentagem poderá ser reduzida. Neste caso, os lotes deverão ser maiores do que: 
A) 1.000 m

2

 (mil metros quadrados).   

 

 

D) 10.500 m

2

 (dez mil metros quadrados). 

B) 2.500 m

2

 (dois mil e quinhentos metros quadrados). 

E) 15.000 m

2

 (quinze mil metros quadrados). 

C) 5.000 m

2

 (cinco mil metros quadrados). 

06) São atividades ou empreendimentos dispensados de licenciamento ambiental, junto a Companhia de Tecnologia e 

Saneamento Ambiental do Estado de São Paulo, EXCETO: 
A) Demolição e preparação do terreno. 
B) Aluguel de equipamentos de construção e demolição com operários. 
C) Comércio atacadista de resíduos e sucatas. 
D) Loteamento ou desmembramento de imóveis. 
E) Incorporação de imóveis por conta própria. 

07) Marque dentre as opções abaixo, o tipo de cimento que apresenta maior impermeabilidade e durabilidade, além de 

baixo calor de hidratação, assim como alta resistência à expansão devido à reação álcali-agregado, além de ser 
resistente a sulfatos é particularmente vantajoso em obras de concreto-massa tais como barragens, peças de grandes 
dimensões, fundações de máquinas, obras em ambientes agressivos,  esgotos e efluentes industriais, concretos com 
agregados reativos, obras submersas, pavimentação de estradas e pistas de aeroportos: 
A) CP I – S   

 

B) CP II – Z 

 

C) CP III 

 

D) CP IV – 32   

E) CP V ARI 

www.pciconcursos.com.br

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO – CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo

CONSULPLAN CONSULTORIA LTDA                

www.consulplan.net  atendimento@consulplan.com 

3

08) Em relação a organização de um canteiro de obras, analise as afirmativas abaixo: 

I. No caso da existência de alojamento no canteiro de obras dentro do mesmo será obrigatório o fornecimento de água 

potável, filtrada e fresca, para os trabalhadores por meio de bebedouros de jato inclinado ou equipamento similar que 
garanta as mesmas condições, na proporção de 1 (um) para cada grupo de 50 (vinte e cinco) trabalhadores ou fração. 

II. Em um alojamento, dentro de um canteiro de obras será proibido o uso de 2 (duas) ou mais camas na mesma vertical. 

III. Todo canteiro de obra deve possuir vestiário para troca de roupa dos trabalhadores que não residem no local. 

Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s): 
A) I  

 

 

B) II 

 

 

C) III 

D) I e II  

 

E) II e III  

09) Em relação a ocorrências de trincas e fissuras em obras de construção civil é INCORRETO afirmar que: 

A) As platibandas, em função da forma geralmente alongada tendem a comportar-se como muros de divisa. Normalmente 

surgirão fissuras verticais regularmente espaçadas, caso não tenham sido convenientemente projetadas juntas ao longo da 
mesma. 

B) As fissuras em argamassas de revestimento, provocadas por movimentações térmicas das paredes irão depender 

sobretudo do módulo de deformação da argamassa, sendo sempre desejável que a capacidade de deformação do 
revestimento supere com boa folga a capacidade de deformação da parede propriamente dita. 

C) As fissuras induzidas por movimentações térmicas no corpo do revestimento geralmente são regularmente distribuídas e 

com aberturas bastante reduzidas (espécie de gretagem) assemelhando-se às fissuras provocadas por retração de 
secagem. 

D) Paredes monolíticas construídas com solo estabilizado (solo-cimento) são pouco suscetíveis à formação de fissuras, 

tanto se considerarmos a retração inicial quanto pelas movimentações higroscópicas reversíveis do material. 

E) Consumos de água excepcionalmente altos, identificados pela coloração esbranquiçada que assume o concreto após a 

secagem produzirão fissuras com diferentes configurações, inclusive fissuras mapeadas similares àquelas que ocorrem 
com maior freqüência nas argamassas de revestimento. 

10) Segundo a NBR 6118, uma fissuração é considerada nociva ao concreto armado, com possibilidade de corrosão da 

armadura em meios agressivos, quando a abertura das fissuras na superfície do concreto ultrapassar o seguinte 
valor: 
A) 0,1 mm   

 

B) 0,2 mm

C) 0,3 mm 

 

D) 1,0 mm 

 

E) 2,0 mm 

11) Dimensione uma sapata na condição mais econômica, para um pilar de dimensões iguais a 30 x 30 cm e carga de  

800 KN sendo a taxa admissível no solo igual a 0,20 MNm

2

. Marque a opção correta, que corresponde às dimensões 

da sapata dimensionada: 
A) 0,80 m x 0,80 m   

B) 1,00 m x 1,00 m 

C) 1,50 m x 1,00 m 

D) 1,50 m x 1,50 m       E) 2,00 m x 2,00 m 

12) É uma das propriedades dos materiais de construção, indica a relação entre o volume compactado (sem vazios) e o 

volume total, expresso em porcentagem: 
A) porosidade 

 

B) massa unitária 

C) permeabilidade 

D) compacidade  

E) ductibilidade 

13) Considere o croqui abaixo (sem escala), de uma seção transversal de uma via secundária. Calcule a altura do meio 

fio, em centímetros: 

Marque a opção que corresponde a resposta correta: 
A) 15 cm    

 

B) 23 cm 

 

C) 28 cm 

 

D) 32 cm 

 

E) 35 cm

14) Correlacione alguns sistemas de tratamento de efluentes líquidos com suas respectivas freqüências de remoção de 

lodo:

I. Lagoa anaeróbia – Lagoa  facultativa 

(    ) menos de 05 anos 

II. Lagoa aerada mistura completa – Lagoa decantação  

(    ) menos de 10 anos 

III. Lagoa facultativa 

(    ) menos de 20 anos 

A seqüência está correta em: 
A) I – II – III 

 

B) II – III – I 

 

C) II – I – III 

 

D) III – I – II 

 

E) I – III - II 

15) Ao completar a formação em nível superior, a pessoa faz um juramento que significa sua adesão e 

comprometimento com a categoria profissional onde formalmente ingressa. Isto caracteriza: 
A) Adesão involuntária a um conjunto de regras da Ética Profissional. 
B) Adesão voluntária determinante de um sistema social da Ética Profissional. 
C) O aspecto moral da chamada Ética Profissional. 
D) Um conjunto de deveres que fogem à Ética Profissional. 
E) N.R.A. 

www.pciconcursos.com.br

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO – CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo

CONSULPLAN CONSULTORIA LTDA                

www.consulplan.net  atendimento@consulplan.com 

4

PORTUGUÊS

TRATAMENTO DE CHOQUE

A refrigeração é uma questão delicada para os fruticultores. As baixas temperaturas, ao mesmo tempo em que são 

necessárias à conservação das frutas, também podem causar danos ao produto, se a exposição ao frio for prolongada. Essa 
contradição, entretanto, está com os dias contados. É o que promete um novo método desenvolvido por pesquisadores do 
Laboratório de Fisiologia e Bioquímica Pós-Colheita da Esalq – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. 
 

O processo, chamado de condicionamento térmico, consiste em mergulhar o fruto em água quente antes de refrigerá-

lo. “O frio faz com que a fruta fique vulnerável à ação de substâncias que deterioram a casca, mas o uso da água quente ativa 
seu sistema de defesa”, afirma o pesquisador Ricardo Kluge. 
 

A temperatura da água e a duração do mergulho variam para cada espécie, mas, em média, as frutas são mantidas em 

52 graus por poucos minutos. Em alguns casos, o tratamento aumenta a conservação em até 50% do tempo; se um produto 
durava 40 dias em ambiente frio, pode passar a durar 60. 
 

Resistência. A Esalq também desenvolveu um outro tipo de tratamento, o “aquecimento intermitente”. Essa técnica 

consiste em pôr a fruta em ambiente refrigerado e, depois de dez dias, deixá-la em temperatura ambiente por 24 horas, para 
então devolvê-la à câmara fria. “Isso faz com que o produto crie resistência ao frio e não seja danificado”, afirma Ricardo 
Kluge. Para o produtor de pêssegos Waldir Parise, isso será muito válido, pois melhora a qualidade final do produto. Ele 
acredita que a nova técnica aumentará o valor da fruta no mercado. “Acho que facilitará bastante nossa vida.” 
 

De acordo com o pesquisador Kluge, o grande desafio é fazer com que essa novidade passe a ser usada pelo produtor. 

“No começo é difícil, pois muitos apresentam resistência às novidades”, diz. Neste ano, os pesquisadores trabalharão mais 
próximos dos agricultores, tentando ensinar-lhes a técnica. “Acho que daqui a três anos ela será mais usada”. O Chile já usa o 
método nas ameixas. 
 

As frutas tropicais devem ser as mais abordadas pelo estudo, pois não apresentam resistência natural às baixas 

temperaturas. A pesquisa testou o método só no limão taiti, na laranja valência e no pêssego dourado-2. 

(Luis Roberto Toledo e Carlos Gutierrez. Revista Globo Rural – Março/2006) 

16) Segundo o texto, entre a refrigeração e os fruticultores há uma: 

A) Oposição ideológica.  

 

 

 

 

D) Ausência de utilidade. 

B) Semelhança espacial.  

 

   E) 

Utilização 

desnecessária. 

C) Utilização benéfica e maléfica. 

17) O emprego das aspas no segundo parágrafo: 

A) Ressalta a importância da nova técnica. 

 

 

D) Serve para complementar a reportagem. 

B) Serve para ressaltar a fala do autor da reportagem.   

E) Explica o que é o aquecimento intermitente. 

C) Serve para ressaltar a fala do pesquisador. 

18) “No começo é difícil, pois muitos apresentam resistências às novidades”. Pelo processo da intertextualidade a 

alternativa que contém uma citação com o mesmo valor semântico do período acima é: 
A) “À mente apavora o que ainda não é mesmo velho”. 
B) “...o horror de um progresso vazio” 
C) “Oh! Mundo tão desigual! De um lado esse carnaval, de outro a fome total”. 
D) “Foste um difícil começo”. 
E) “Como vai explicar vendo o céu clarear sem lhe pedir licença”. 

19) Assinale a frase em que o vocábulo destacado tem seu antônimo corretamente indicado: 

A) “A refrigeração é uma questão delicada para os fruticultores”: difícil 
B) “ ... se a exposição ao frio for prolongada”: rápida 
C) “ O  frio faz com que a fruta fique vulnerável à ação de substâncias...” : desamparados 
D) “Acho que facilitará bastante nossa vida.”: suficientemente 
E) “No começo é difícil, pois muitos apresentam resistência às novidades...” : empecilho. 

20) “Para o produtor de pêssegos Waldir Parise, isso será muito válido...” A palavra sublinhada nessa frase tem como 

referente:
A) “... a temperatura da água e a duração do mergulho...” 
B) “A refrigeração é uma questão delicada para os fruticultores”. 
C) “ ... o produto crie resistência ao frio e não seja danificado”. 
D) “Essa contradição, entretanto, está com os dias contados”. 
E) “ ... aumenta a conservação em até 50% do tempo...” 

21) A alternativa em que as três palavras são acentuadas pela mesma razão é: 

A) necessárias – substâncias – média   

 

 

D) vulnerável – espécie – difícil 

B) também – está – três 

 

 

 

 

E) até – pôr – só 

C) método – térmico – útil 

22) “As frutas tropicais devem ser as mais abordadas pelo estudopois não apresentam resistência natural às baixas 

temperaturas”. A palavra sublinhada na frase anterior, estabelece com o período anterior uma relação de: 
A) Conseqüência 

 

B) Tempo  

 

C) Adição 

 

D) Explicação   

E) Oposição 

www.pciconcursos.com.br

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO – CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo

CONSULPLAN CONSULTORIA LTDA                

www.consulplan.net  atendimento@consulplan.com 

5

23) “O processo, chamado de condicionamento térmico, consiste em mergulhar o fruto em água quente antes de 

refrigerá-lo”. O período sublinhado na frase: 
A) Substitui a palavra “processo”. 

   D) 

Indica 

qualidade. 

B) Caracteriza o termo “condicionamento”.   

 

E) Completa o sentido do verbo “consiste”. 

C) Completa o sentido da palavra “processo”. 

24) Assinale a alternativa em que o acento da crase foi usado pela mesma razão que, em “... em que são necessárias à 

conservação das frutas”, EXCETO: 
A) “...fique vulnerável à ação de substâncias...” 
B) “... para então devolvê-la à câmara fria”. 
C) “... muitos apresentam resistência às novidades...” 
D) As frutas ficam, às vezes, muitas horas sob baixa temperatura. 
E) Os cientistas se dedicam à técnica de refrigeração. 

25) A forma de plural da palavra sublinhada na frase “A pesquisa testou o método só no limão taiti...” é a mesma com 

que se faz o plural das três palavras constantes da opção: 
A) órgão – melão – cão 

 

 

 

 

D) mão – alemão – pagão 

B) 

vilão 

– 

irmão 

– 

cão 

    E) 

N.R.A. 

C) botão – balão – anão 

MATEMÁTICA

26) Rui diz a Pedro: Se você me der 1/5 do dinheiro que possui, eu ficarei com uma quantia igual ao dobro do que lhe 

restará. Por outro lado, se eu lhe der R$ 6,00 do meu dinheiro, nós ficaremos com quantias iguais. Quanto de 
dinheiro possui Rui?
A) R$ 42,00  

 

B) R$ 31,00 

 

C) R$ 25,00 

 

D) R$ 28,00 

 

E) R$ 47,00 

27) Para que valores de   

a

, a equação   

x

2

 + a

x

 + a

2

 = 0

   possui duas raízes reais distintas?

A) Somente para 

a = 0. 

 

 

 

 

D) Para todo 

a real. 

B) Para todo 

a > 0.   

 

 

 

 

E) Para nenhum 

a real. 

C) Para todo 

a < 0. 

28) Qual o volume de um cubo cuja diagonal da face mede 8 cm?

A) 128

2

cm

3

B) 512 cm

3

C) 64 cm

3

D) 4

2

cm

3

E) N.R.A. 

29) Um lojista, na tentativa de aumentar as vendas deu um aumento de 25% nas suas mercadorias e depois anunciou 

20% de desconto. Podemos concluir que: 
A) A mercadoria subiu 5%.   

 

 

 

D) Diminuiu em média 2,5%. 

B) A mercadoria diminuiu 5%. 

 

 

 

E) A mercadoria manteve o preço. 

C) Aumentou em média 2,5%. 

30) 10

8

não é divisível por: 

A) 5

3    

B) 2

5  

 

C) 15

2  

 

D) 20

4  

 

E) N.R.A. 

CONHECIMENTOS GERAIS

31) A onda de violência nas últimas semanas no estado de São Paulo acarretou no pedido de exoneração de que 

secretário estadual? 
A) 

Secretário 

da 

Fazenda 

    D) 

Secretário 

de 

Segurança 

Pública 

B) 

Secretário 

de 

Governo 

    E) 

N.R.A. 

C)   Secretário da Justiça 

32) Um estudo conduzido pela Fundação Instituto de Administração (FIA) ligado à Universidade de São Paulo, 

dimensionou um fenômeno típico da sociedade de consumo do Brasil: 40% das compras em Supermercado são 
motivadas por impulso. A partir desta conclusão podemos afirmar também sobre as práticas adotadas atualmente 
pelas redes de supermercado: 

I. Na seção de hortifrutis, reproduz-se um clima de feira por meio de estandes que se assemelham as barracas e ao uso de 

iluminação que confere brilho às frutas e legumes. 

II. Os brasileiros nos supermercados compram geralmente por impulso: pilhas, filmes fotográficos, salgadinhos em 

pacote, chocolate e balas. 

III. Na área de carnes, a estratégia dos supermercados, é colocar luz fria sobre a carne para que ela pareça mais 

avermelhada. 

IV. Uma situação extra e atual para atrair os consumidores nos supermercados é colocar em frente ao caixa produtos, tais 

como: chocolates e cigarros. 

Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s): 
A) I, II 

 

 

B) II e IV 

 

C) I, II, III e IV   

 

D) III e IV 

 

E) IV 

www.pciconcursos.com.br

consulplan-2006-ceagesp-engenheiro-civil-junior-prova.pdf-html.html

CONCURSO PÚBLICO – CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo

CONSULPLAN CONSULTORIA LTDA                

www.consulplan.net  atendimento@consulplan.com 

6

33) A CEAGESP – Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, surgiu da fusão da CEASA e a 

CAGESP. A CEAGESP hoje consolidou sua atuação: 
A) 

Nos 

mini-varejões. 

      

B) Na comercialização de hortícolas e armazenagem de grãos.   
C) Como mercado livre do produtor. 
D) Como depósito de estoques reguladores. 
E) N.R.A. 

34) Qual a região brasileira que não é banhada pelo oceano atlântico? 

A) Sudeste   

 

B) Sul   

 

C) Centro-oeste   

 

D) Norte 

           E) N.R.A. 

35) A obra do americano Dan Brown, realidade ou fantasia, chega ao cinema e torna tudo muito questionável no que 

tange aos dogmas e fundamentos do cristianismo. Esta produção cinematográfica e bilionária é originada da obra 
que possui o seguinte título: 
A) 

Senhor 

dos 

Anéis 

     D) 

Titanic 

B) O Código Da Vinci 

 

 

 

 

E) Jesus Cristo super star 

C) Harry Potter 

INFORMÁTICA

36) Por que o Excel apresenta vários símbolos quando se digita algo no interior de uma célula?

A) O valor a ser inserido na célula ocupa mais espaço do o que lhe fora reservado.   
B) A referência da célula não é válida. 
C) O Excel não reconheceu o que está na célula. 
D) A célula em questão só aceita caracteres “txt”. 
E) Ocorreu um erro de fórmula ou de função. 

37) Qual será o resultado da fórmula: “=A2^B2” (sem aspas), de acordo com a tabela do Excel apresentada abaixo? 

A B C 

1

1 2

2

2 4

3

3 8

A) 

8   B) 

1/2 

 

  C) 

2,4 

  D) 

16 

  E) 

24 

38) Quantas etapas o assistente de gráfico do MS Excel possui? 

A) 2       

 

 

 

 

 

 

D) 5     

B) 3      

 

 

 

 

 

 

E) Nenhuma, pois o Excel não é voltado para gráfico. 

C) 4        

39) Para que se possa escrever algo no Cabeçalho e no Rodapé de um documento do MS Word deve-se: 

A) Na barra de Ferramentas Padrão, clicar em “Inserir” e em seguida em “Cabeçalho e Rodapé”. 
B) Na barra de Ferramentas Padrão, clicar em “Ferramentas” e em seguida em “Cabeçalho e Rodapé”. 
C) Na barra de Ferramentas Padrão, clicar em “Formatar” e em seguida em “Cabeçalho e Rodapé”. 
D) Na barra de Ferramentas Padrão, clicar em “Editar” e em seguida em “Cabeçalho e Rodapé”. 
E) Na barra de Ferramentas Padrão, clicar em “Exibir” e em seguida em “Cabeçalho e Rodapé”.    

40) No Windows, ao se clicar sobre as teclas “Windows+Break” o que acontece? 

A) Nada acontece. 
B) Aparece uma mensagem de erro “Tecla Inválida”.  
C) O computador é desligado. 
D) É mostrada a janela de Propriedades do Sistema.   
E) Se no momento em que as teclas forem clicadas estiver sendo efetuado, por exemplo, um download este é 

imediatamente interrompido.

www.pciconcursos.com.br