Prova Concurso - Engenharia - 2007-TRT-9-REGIAO-PR-ANALISTA-JUDICIARIO-ENGENHARIA-CIVIL - CESPE - TRT - 2007

Prova - Engenharia - 2007-TRT-9-REGIAO-PR-ANALISTA-JUDICIARIO-ENGENHARIA-CIVIL - CESPE - TRT - 2007

Detalhes

Profissão: Engenharia
Cargo: 2007-TRT-9-REGIAO-PR-ANALISTA-JUDICIARIO-ENGENHARIA-CIVIL
Órgão: TRT
Banca: CESPE
Ano: 2007
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

ENGENHEIRO-NUCLEARAMAZUL2018
ENGENHEIRO-AREA-MECANICAUFPA2018
ENGENHEIRO-ENGENHARIA-MECANICAUFPA2018

Gabarito

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-gabarito.pdf-html.html

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

C

C

E

C

C

C

C

E

C

E

C

E

E

E

C

C

E

C

C

C

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

E

E

C

C

C

E

E

C

C

E

C

E

C

E

C

E

C

C

E

C

41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

E

C

E

C

C

E

E

C

C

E

C

C

E

E

E

C

E

C

E

E

61

62

63

64

65

66

67

68

69

70

71

72

73

74

75

76

77

78

79

80

C

C

E

C

C

E

E

E

C

C

C

E

C

C

E

C

C

E

E

E

81

82

83

84

85

86

87

88

89

90

91

92

93

94

95

96

97

98

99

100

C

C

E

E

C

E

C

E

C

E

C

E

E

E

E

C

E

C

C

C

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

Caderno D

Gabarito

Item

Gabarito

Gabarito

Item

Gabarito

Item

CADERNO D

Item

Gabarito

Item

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 9.ª REGIÃO

CONCURSO PÚBLICO

GABARITOS OFICIAIS DEFINITIVOS DAS PROVAS OBJETIVAS

CARGO 2: ANALISTA JUDICIÁRIO – ÁREA APOIO ESPECIALIZADO – ESPECIALIDADE ENGENHARIA CIVIL

Aplicação: 11/11/2007

Prova

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html
cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 1 –

De acordo com o comando a que cada um dos itens de 1 a 100 se refira, marque, na folha de respostas, para cada item: o campo
designado com o código C, caso julgue o item CERTO; ou o campo designado com o código E, caso julgue o item ERRADO.
A ausência de marcação ou a marcação de ambos os campos não serão apenadas, ou seja, não receberão pontuação negativa. Para as
devidas marcações, use a folha de respostas, único documento válido para a correção das suas provas.

CONHECIMENTOS GERAIS

Relação é uma coisa que não pode existir, que não

1

pode ser, sem que haja uma outra coisa para completá-la.

Mas essa “outra coisa” fica sendo essencial dela. Passa a

pertencer à sua definição específica. 

4

Muitas vezes ficamos com a impressão,

principalmente devido aos exemplos que são dados, de que

relação seja algo que “une”, que “liga” duas coisas. Nem

7

sempre é assim. O conflito, por exemplo, é uma relação,

como a rejeição, a exclusão. Relação existe sempre que uma

coisa não pode, sozinha, dar conta de sua existência, de seu

10

ser. O conflito, a exclusão são relações, pois ninguém pode

brigar sozinho, e se há exclusão, há alguém que exclui e

alguém que é excluído. A percepção da exclusão é, pois, uma

13

relação dialética, percepção de que algumas coisas

“necessitam” de outras para serem elas mesmas.

Pedrinho Guareschi. Relações comunitárias.  Relações de dominação.

In: Psicologia social comunitária. Petrópolis: Vozes, 2002, p. 83 (com adaptações).

Acerca das idéias e das estruturas lingüísticas do texto acima,

julgue os seguintes itens.

1

Depreende-se do conjunto das idéias do texto que a

definição de “Relação” (

R

.1) é diferente da definição de

ligação, pois as partes que integram uma relação não

precisam estar unidas ou ligadas.

2

Na linha 2, o emprego do modo subjuntivo em “haja”, além

de ser exigido sintaticamente, indica que a existência de

“uma outra coisa” é uma hipótese ou uma conjectura.

3

Na linha 3, os pronomes “essa” e “dela” são flexionados no

feminino porque remetem ao mesmo referente do pronome

em “completá-la” (

R

.2).

4

Preservam-se a correção gramatical e a coerência textual, ao

se retirar do texto a expressão “que são” (

R

.6).

5

Em “a rejeição, a exclusão” (

R

.9), a substituição da vírgula

pela conjunção e preserva a coerência e a correção

gramatical do texto.

6

No contexto em que ocorre, o emprego da flexão de plural

em “serem” (

R

.15) é opcional segundo as regras gramaticais,

podendo, portanto, a forma “serem” ser substituída pelo

singular correspondente: ser.

Costumamos olhar pouco para fora do Brasil

1

quando tentamos compreender o que estamos vivendo. Faz

muito que a distância entre os países desapareceu, no plano

objetivo. Continuamos, porém, vivendo “isolados do

4

mundo”, como diz uma canção, ainda que apenas na

subjetividade.

Se pensarmos no que está à nossa volta, na América

7

do Sul, então, mais ainda. Mesmo quando é bem informado,

o brasileiro típico se mostra mais capaz de dar notícia do que

ocorre na Europa e nos Estados Unidos da América do que

10

em qualquer de nossos vizinhos.

É pena, pois estar mais informados sobre o que

acontece além das fronteiras pode ajudar muito a que nos

13

entendamos como país.

Marcos Coimbra. Olhando à nossa volta. In: Correio
Braziliense

, 23/9/2007 (com adaptações).

Com relação às idéias e estruturas lingüísticas do texto acima,

julgue os itens a seguir.

7

O emprego da primeira pessoa do plural nos verbos do texto

tem o efeito argumentativo de situar autor e leitor como

brasileiros, ou como pessoas que vivem no Brasil.

8

O autor do texto, em sua argumentação, opõe o

desaparecimento da distância entre os Estados Unidos da

América e a Europa, no “plano objetivo” (

R

.3-4), à

preservação dessa distância entre os países da América do

Sul, no plano subjetivo. 

9

Depreende-se do desenvolvimento das idéias do texto que

“mais ainda” (

R

.8) intensifica a característica de os

brasileiros viverem ‘isolados do mundo’ (

R

.4-5).

10

Na linha 9, a preposição de, em “do que”, introduz o

segundo termo de uma comparação iniciada com “mais

capaz de”.

11

De acordo com a organização das idéias do texto, com o

termo “além das fronteiras” (

R

.13), identificam-se países da

América do Sul que são “nossos vizinhos” (

R

.11). 

12

Preservam-se a coerência textual e a correção gramatical ao

se empregar o artigo o em lugar de “como” (

R

.14). 

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 2 –

Não somos livres como acreditamos ser. Quando se

1

entende isso, fica evidente que a maior parte dos nossos atos
e pensamentos não é tão livre de condicionamentos como
gostamos de acreditar. Nossa certeza de sermos livres, de

4

fazermos tudo aquilo que queremos, e quando queremos, é
quase sempre uma ilusão. Quase todos, na verdade,
carregamos condicionamentos mais ou menos ocultos que,

7

com freqüência, tornam difícil a manifestação de uma
honestidade genuína, uma criatividade livre, uma intimidade
simples e pura. É preciso sublinhar o fato de que todas as

10

posições existenciais necessitam de pelo menos duas pessoas
cujos papéis combinem entre si. O algoz, por exemplo, não
pode continuar a sê-lo sem ao menos uma vítima. A vítima

13

procurará seu salvador e este último, uma vítima para salvar.
O condicionamento para o desempenho de um dos papéis é
bastante sorrateiro e trabalha de forma invisível.

16

Planeta

, set./2007 (com adaptações).

Julgue os próximos itens, a respeito das idéias e estruturas
lingüísticas do texto acima.

13

A expressão “a maior parte dos” (

R

.2) poderia ser substituída

por  quase todos  os, sem prejuízo da coerência ou da
correção gramatical do texto, já que as duas expressões têm
função significativa semelhante.

14

O período iniciado por “Quase todos” (

R

.6) fundamenta ou

justifica a afirmação imediatamente anterior, de que ser livre
é “uma ilusão”; por isso, seria coerente e gramaticalmente
correto assim iniciá-lo: Por que na verdade, quase todos
carregamos.

15

A flexão da primeira pessoa do plural em “carregamos” (

R

.7)

enfatiza que o sujeito subentendido desse verbo é nós,
utilizado nas orações anteriores, mas seria também coerente
e gramaticalmente correto empregar a flexão na terceira
pessoa: carregam.

16

Na linha 9, a inserção da preposição de imediatamente antes
de “uma criatividade” e de “uma intimidade” preservaria a
coerência e a correção gramatical do texto, explicitando
haver mais de um complemento para “manifestação” (

R

.8). 

17

Em decorrência da organização das idéias no texto,
admite-se a inserção do sinal de dois-pontos logo depois de
“sublinhar” (

R

.10) para ressaltar o que será sublinhado, sem

prejuízo da coerência ou da correção gramatical.

18

Nas linhas 11 e 12, o pronome “cujos” atribui a “pessoas” a
posse de uma característica que também pode ser expressa
da seguinte maneira: com papéis que combinem entre si.

19

O uso do futuro do presente em “procurará” (

R

.14) sugere

mais uma probabilidade ou suposição decorrente da situação
do que uma realização em tempo posterior à fala.

20

No desenvolvimento textual, a expressão “um dos papéis”
(

R

.15) remete aos papéis de “algoz” (

R

.12), “vítima” (

R

.14) e

“salvador” (

R

.14). 

Há séculos os estudiosos tentam entender os

1

motivos que levam algumas sociedades a evoluir mais rápido

que outras. Só recentemente ficou patente que, além da

liberdade, outros fatores intangíveis são essenciais ao

4

desenvolvimento das nações. O principal deles é a

capacidade de as sociedades criarem regras de conduta que,

caso desrespeitadas, sejam implacavelmente seguidas de

7

sanções.

Veja

, 5/9/2007 (com adaptações).

Julgue os seguintes itens, a respeito da organização das idéias no

texto acima.

21

A ausência de sinal indicativo de crase em “a evoluir” (

R

.2)

indica que o fato de evoluir é considerado de maneira

genérica e indeterminada; se a opção fosse pela

determinação, com a presença de artigo definido, seria

obrigatório o uso de crase.

22

Ao expressar a relação de comparação como “mais rápido

que outras” (

R

.2-3), e, não, como mais rápido do que

outras, o autor do texto faz opção por um maior grau de

formalidade, respeitando regra gramatical da norma culta

que prescreve ser errado o emprego da preposição nesse

contexto.

23

Depreende-se da argumentação do texto que “liberdade”

(

R

.4) é um dos fatores tomados como “essenciais ao

desenvolvimento das nações” (

R

.4-5).

24

O emprego da preposição de separada do artigo que

determina “sociedades”, em “a capacidade de as sociedades”

(

R

.5-6), indica que o termo “as sociedades” é o sujeito da

oração subordinada.

Em cada um dos itens de 25 a 28 a seguir, é apresentada uma

situação hipotética, seguida de uma assertiva a ser julgada.

25

O piso de uma sala deve ser revestido com peças de

cerâmica em forma de triângulos retângulos isósceles cuja

hipotenusa mede 

 cm. Calculou-se que seriam

necessárias pelo menos 3.000 peças para cobrir todo o piso.

Nessa situação, conclui-se que a área desse piso é superior

a 38 m

2

.

26

Os tribunais utilizam códigos em seus sistemas internos e,

usualmente, os processos protocolados nesses órgãos seguem

uma codificação única formada por 6 campos. O terceiro

desses campos, identificado como código da vara jurídica

correspondente à região geográfica, é constituído por

3 algarismos com valores, cada um, entre 0 e 9. Supondo-se

que, nesses códigos, os três algarismos não sejam todos

iguais, conclui-se que podem ser criados, no máximo, 90

códigos distintos para identificar as varas jurídicas.

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 3 –

27

Um órgão especial de um tribunal é composto por

15 desembargadores. Excetuando-se o presidente, o

vice-presidente e o corregedor, os demais membros desse

órgão especial podem integrar turmas, cada uma delas

constituída de 5 membros, cuja função é julgar os processos.

Nesse caso, o número de turmas distintas que podem ser

formadas é superior a 10

4

.

28

De 100 processos guardados em um armário, verificou-se

que 10 correspondiam a processos com sentenças anuladas,

20 estavam solucionados sem mérito e 30 estavam

pendentes, aguardando a decisão de juiz, mas dentro do

prazo vigente. Nessa situação, a probabilidade de se retirar

desse armário um processo que esteja com sentença anulada,

ou que seja um processo solucionado sem mérito, ou que

seja um processo pendente, aguardando a decisão de juiz,

mas dentro do prazo vigente, é igual a 

.

Em um tribunal, tramitam três diferentes processos,

respectivamente, em nome de Clóvis, Sílvia e Laerte. Em dias

distintos da semana, cada uma dessas pessoas procurou, no

tribunal, informações acerca do andamento do processo que lhe

diz respeito. Na tabela a seguir estão marcadas com V células

cujas informações da linha e da coluna correspondentes e

referentes a esses três processos sejam verdadeiras. Por exemplo,

Sílvia foi procurar informação a respeito do processo de sua

licença, e a informação sobre o processo de demissão foi

solicitada na quinta-feira. Uma célula é marcada com F quando

a informação da linha e da coluna correspondente é falsa, isto é,

quando o fato correspondente não ocorreu. Observe que o

processo em nome de Laerte não se refere a contratação e que

Sílvia e não procurou o tribunal na quarta-feira.

Clóvis

te

a-

fe

ira

li

ce

a

cont

ra

ta

çã

o

de

mi

ss

ão

Laerte

terça-feira

F

V

V

F

F

F

F

F

F

F

F

F

quinta-feira

qu

in

ta

-f

ei

ra

quarta-feira

qu

ar

ta

-f

eir

a

Sílvia

Com base nessas instruções e nas células já preenchidas, é

possível preencher logicamente toda a tabela. Após esse

procedimento, julgue os itens a seguir.

29

O processo em nome de Laerte refere-se a demissão e ele foi

ao tribunal na quinta-feira.

30

É verdadeira a proposição “Se Sílvia não tem processo de

contratação, então o processo de licença foi procurado na

quarta-feira”.

RASCUNHO

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 4 –

Julgue os itens seguintes, acerca dos Poderes Legislativo e
Judiciário e da fiscalização contábil, financeira e orçamentária
da União.

31

Compete ao Tribunal de Contas da União (TCU) fiscalizar
a aplicação de recursos públicos repassados pela União
mediante convênio aos estados, ao Distrito Federal ou a
município.

32

As ações de trabalhadores contra sindicatos são julgadas pela
justiça comum, já que não haveria, nessa hipótese, relação de
trabalho a atrair a competência da justiça trabalhista.

33

Os tribunais regionais do trabalho podem funcionar
descentralizadamente, constituindo câmaras regionais, de
forma a assegurar o pleno acesso do jurisdicionado à justiça
em todas as fases do processo.

Julgue os itens a seguir quanto ao poder hierárquico e ao processo
administrativo (Lei n.º 9.784/1999).

34

Como a delegação tem natureza jurídica de mandato, a
responsabilidade pelos atos praticados pelo delegado será
imputada ao delegante, no que se refere aos poderes
transferidos, o que não abrange os atos que exorbitarem dos
limites da delegação.

35

Quando a matéria do processo administrativo envolver
assunto de interesse geral, poderá ser aberta consulta pública
para manifestação de terceiros, que não se confunde com a
audiência pública, já que nesta há convocação de pessoas
específicas para debaterem acerca de matéria relevante, antes
da tomada de decisão da autoridade competente.

A respeito de atos administrativos e de atos de improbidade,
julgue os itens que se seguem.

36

O poder da administração de revogar os seus próprios atos,
quando importarem em benefícios para a pessoa do
destinatário, decai em 5 anos, salvo quando houver má-fe.

37

Constitui ato de improbidade que atenta contra os princípios
da administração pública revelar ou permitir que chegue ao
conhecimento de terceiro, antes da respectiva divulgação
oficial, teor de medida política ou econômica capaz de afetar
o preço de mercadoria bem ou serviço.

Com relação ao regime jurídico dos servidores públicos, julgue
os itens subseqüentes.

38

É possível a reversão do ex-servidor estável, aposentado
vonluntariamente, se houver interesse da administração e
quando houver vaga, desde que a aposentadoria não tenha
ocorrido há mais de 5 anos.

39

O servidor pode substituir outro servidor que ocupe cargo
efetivo ou em comissão. Nesse caso, o substituto fará jus à
remuneração do cargo somente se a substituição for por
período superior a 30 dias.

40

As férias dos servidores públicos federais poderão ser
parceladas em até três etapas, desde que assim requeridas
pelo servidor e no interesse da administração pública.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Para a interpretação correta dos trabalhos de topografia utilizados
na engenharia civil, é importante que o profissional tenha
conhecimentos específicos acerca dos equipamentos utilizados
em cada tarefa e domine os conceitos relativos à representação
dos trabalhos topográficos. A respeito desse assunto, julgue os
itens seguintes.

41

O levantamento planimétrico de um linha aberta com um
teodolito resulta em erro angular igual ou inferior à precisão
do aparelho.

42

No nivelamento geométrico, as linhas de visada horizontais
necessitam ter seus desníveis medidos na vertical.

43

Nas medidas horizontais dos ângulos de um levantamento
topográfico, os azimutes representam a declinação vertical
da visada.

44

O teodolito é um dos equipamentos adequados para a
execução de levantamento planialtimétrico.

45

A curva de nível em uma planta topográfica representa a
linha sobre o terreno com mesma cota altimétrica.

A figura a seguir representa um esquema geral da execução de
uma obra.

A partir das informações que constam na figura, julgue os itens
a seguir.

46

O detalhe apontado pela letra A representa os tacos de
revestimento do piso.

47

O calço de madeira de lei isola a transmissão de esforços
para a viga baldrame.

48

A viga baldrame é executada em concreto.

49

A estrutura representada pela letra B está dentro de uma vala
no solo.

Conhecer as características do solo onde se pretende construir é
importante para o bom desenvolvimento do projeto,
principalmente no que toca às fundações. Para tanto, ensaios
específicos devem ser feitos e devidamente interpretados. Acerca
desse assunto, julgue os itens subseqüentes.

50

O coeficiente de permeabilidade de um solo diminui com o
aumento do diâmetro efetivo do solo.

51

As curvas tempo-recalque são a representação dos ensaios de
adensamento.

52

A determinação do limite de liquidez indica o ponto onde o
solo perde a capacidade de fluir e entra no estado plástico.

B

A

macaco

hidráulico

500
  a
700

~1.200

Ø 250

motor

elétrico

    mangueira

de alta pressão

viga baldrame

ou estrutura

de reação

tubos de concreto

    centrifugado

chapa metálica de 20 mm

      caso necessário

manômetro

bomba hidráulica

    calço de

madeira de lei

ABEF (2004). Manual de especificações de produtos
e procedimentos

. 3.ª ed., São Paulo: PINI, p. 254.

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 5 –

As fundações podem ser agrupadas em função das características

do funcionamento de seus componentes, sendo que uma das

classificações possíveis engloba as fundações profundas. Acerca

desse tipo de fundação, julgue os itens seguintes.

53

Nas estacas escavadas mecanicamente, a máquina de

perfuração hidráulica permite diâmetro de perfuração de até

2,0 metros.

54

A estaca raiz é caracterizada por estaca pré-moldada de

concreto, com cravação vertical ou inclinada.

55

Na execução de estaca do tipo hélice contínua, a armadura

helicoidal é introduzida no concreto ainda fresco, com o

auxílio de máquina de torque.

Em uma obra de engenharia civil, há diversas situações que

apresentam a necessidade de se conter o solo em nível superior

ao restante da obra, como, por exemplo, nos cortes para uma

rodovia ou em um aterro para a construção de uma plataforma

nivelada. Uma das soluções possíveis nessas condições é o

emprego dos muros e de técnicas associadas. Quanto a essa

questão, julgue os itens que se seguem.

56

O empuxo ativo sobre um muro é diretamente proporcional

à massa específica do solo contido.

57

Para materiais não-coesivos, o ângulo de atrito interno é

sempre igual ao ângulo de atrito entre o aterro e o muro.

58

No estudo da segurança ao escorregamento, a força

resistente depende do coeficiente de atrito do muro com o

solo e da massa total do muro.

59

A ruptura do terreno de fundação não é significativa no

estudo de estabilidade de um muro de arrimo.

60

A geometria do muro de arrimo exige que a face de contato

entre o muro e o solo a ser contido seja vertical.

Para viabilizar a execução do projeto estrutural, a etapa de análise

estrutural deve atender requisitos técnicos para a decomposição

da estrutura em elementos estruturais mais simples, permitindo a

utilização de modelos estruturais. Em relação a esse assunto,

julgue os seguintes itens.

61

Quando se aplica a teoria de 1.ª ordem, as equações de

equilíbrio poderão ser estabelecidas com base na geometria

indeformada da estrutura.

62

Cargas distribuídas em linha podem ser provenientes de

reações das lajes nas vigas de bordo.

63

A análise estrutural trabalha com a determinação de esforços

internos e tensões, sem abordar deformações e

deslocamentos. 

No lançamento estrutural, define-se a disposição das peças da

estrutura, levando-se em conta os principais condicionantes

práticos para o desenvolvimento da edificação. Nessa etapa,

algumas diretrizes devem ser observadas. Acerca do lançamento

estrutural de vigas e pilares, julgue os itens que se seguem.

64

O arranjo de vigas e pilares deve ser visto de maneira

interdependente.

65

Embora o usual seja a disposição de vigas sob paredes de

alvenaria, existem casos em que essas paredes devem ser

apoiadas diretamente sobre a laje.

66

Na condição de vigas apoiadas sobre vigas, evita-se a

ocorrência de torção nos apoios.

Um bom projeto contempla o emprego de materiais adequados

como condição para se atingir o desempenho esperado da

edificação. Para tanto, especificações precisas são essenciais e

devem ser detalhadas o mais possível. Com relação a essas

especificações de materiais, julgue os itens subseqüentes.

67

Blocos cerâmicos de vedação são projetados para serem

assentados com os furos na vertical, para atuarem como

elementos portantes.

68

Argamassas colantes são produtos industrializados utilizados

no assentamento de blocos de concreto e de concreto celular.

69

No concreto leve, de argila expandida, os agregados normais

são substituídos por agregados de argila expandida, e o

produto final é empregado para isolamento térmico.

70

Hidrófugo colmatador integral é adicionado à água de

amassamento do concreto para reduzir a permeabilidade do

material.

71

Telhas duplas de alumínio são constituídas de chapas de

alumínio com alternativa de miolo de poliuretano.

Loteamentos são importantes componentes do processo de

ocupação do solo do município, e devem seguir diretrizes

específicas para que esse tipo de ação de urbanização cumpra seu

papel de permitir a expansão urbana com ordenamento.

A respeito dos loteamentos, julgue os itens a seguir.

72

Loteamentos ao longo de águas correntes e dormentes terão

que reservar obrigatoriamente uma faixa non aedificandi ao
longo de suas vias de acesso à área urbana regular.

73

Os lotes têm que contar com o padrão comum ou social de

infra-estrutura básica para que adquiram o status de lotes.

74

A localização aproximada dos terrenos destinados a

equipamento urbano e comunitário e das áreas livres de uso

público deve constar do requerimento para projeto de

loteamento.

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 6 –

Para sua utilização, os edifícios devem ter características
adequadas ao conforto ambiental. Essas características são
incorporadas ao projeto e, depois, devem ser atendidas durante os
processos construtivo e de manutenção. Quanto a esse assunto,
julgue os itens subseqüentes.

75

O controle térmico da radiação incidente nas fachadas é mais
eficaz quando feito com vidros, pois esse material é um bom
isolante térmico.

76

Em edificações com condicionamento de ar, para uma
mesma área construída, maiores volumes internos resultam
em maior consumo de energia.

77

Carga térmica é o fluxo de calor a ser retirado de um
ambiente para atingir padrões recomendáveis de conforto.

78

A principal razão para a limpeza periódica dos dutos de ar
condicionado é o consumo de energia devido à maior
resistência de escoamento.

79

Para melhor controle ambiental, termostatos e umidistatos
devem ser instalados acima de forros falsos.

O concreto armado é um dos materiais mais empregados na
construção civil. É aplicável a diversos tipos de edificação e pode
ser utilizado como elemento estrutural de grande
responsabilidade na estabilização das construções. Com relação
a esse material e aos procedimentos necessários à sua execução,
julgue os itens seguintes.

80

Durante a concretagem, a armadura poderá ficar em contato
direto com a forma.

81

Os agregados podem ser medidos em volume para compor
o traço especificado do concreto.

82

Para peças de grandes vãos passíveis de deformação, as
formas serão dotadas de contraflecha.

83

O emprego de aditivos para a modificação das condições de
pega só podem ser empregados em concretos usinados.

84

Para o transporte do concreto da betoneira ao ponto de
lançamento na concretagem, pode-se utilizar carrinhos de
mão ou jiricas com rodas de ferro.

O planejamento de custos acompanha todo o projeto de uma
edificação, permitindo inclusive o controle da execução. Na
determinação dos custos, algumas definições e métodos de
apropriação são usualmente empregados e fazem parte dos
fundamentos dessa área de planejamento. Julgue os itens a seguir,
referentes a esse assunto.

85

Os custos fixos, fora da amplitude utilizada para a sua
determinação, podem variar em função da quantidade
produzida.

86

Custos indiretos são determinados exclusivamente para os
componentes da administração empresarial.

87

O método de correlação é uma alternativa para se elaborar
uma estimativa orçamentária.

88

O valor do lucro e das despesas indiretas, também
denominado BDI, é determinado antes da aprovação do
orçamento da obra.

Por auxiliar diversas cadeias de tomada de decisão, o cronograma

é um elemento importante no controle da obra. Sua  apresentação

é feita segundo alguns métodos usuais empregados no

planejamento de obras. Julgue os itens seguintes, relativos a

cronogramas.

89

O cronograma em rede de atividades compreende a rede

PERT/CPM.

90

No cronograma de barras, cada barra representa uma etapa

da construção.

A Lei n.º 8.666/1993 estabelece normas gerais sobre licitações e

contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, inclusive

de publicidade, compras, alienações e locações no âmbito dos

poderes da União, dos estados, do Distrito Federal e dos

municípios. Com base nessa lei, julgue os itens a seguir.

91

Um dos elementos do projeto básico é o orçamento

detalhado do custo global da obra, fundamentado em

quantitativos de serviços e fornecimentos propriamente

avaliados.

92

O servidor do órgão responsável pela licitação de

determinado projeto poderá participar indiretamente da

execução de obras desse projeto.

93

No caso de igualdade de condições na licitação da obra de

um edifício, a antiguidade da empresa e o maior número de

projetos licitados são critérios de desempate.

94

Execução indireta é a modalidade em que o executor do

serviço é outro órgão da administração e não aquele que faz

a licitação. 

95

Serão dispensadas de recebimento provisório as obras com

equipamentos em que a verificação de funcionamento e de

produtividade seja demorada.

Uma importante ferramenta utilizada atualmente na engenharia

civil é o desenho auxiliado por computador. Existem diversos

programas de computador com essa finalidade, e o

Autocad 2004© é um deles. Julgue os itens que se seguem, a

respeito desse programa.

96

As coordenadas relativas utilizadas no programa podem

ser polares.

97

O comando básico ZOOM, na alternativa Realtime, permite

arrastar a tela de visualização sobre o desenho.

98

O comando básico TRIM permite recortar e aparar os

objetos, a partir de uma linha de corte.

99

O comando básico HATCH permite desenhar hachuras com

diferentes distâncias entre linhas.

100

Uma alternativa para cotar automaticamente um desenho é

o uso do comando básico DIMENSION.

cespe-2007-trt-9-regiao-pr-analista-judiciario-engenharia-civil-prova.pdf-html.html

UnB/CESPE – TRT 9.

a

 Região

Caderno D

Cargo 2: Analista Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Engenharia Civil

– 7 –

PROVA DISCURSIVA

Nesta prova — que vale quinze pontos —, faça o que se pede, usando o espaço indicado no presente caderno para rascunho.

Em seguida, transcreva o texto para a FOLHA DE TEXTO DEFINITIVO DA PROVA DISCURSIVA, no local apropriado,

pois não serão avaliados fragmentos de texto escritos em locais indevidos.

Qualquer fragmento de texto além da extensão máxima de vinte linhas será desconsiderado.

Na folha de texto definitivo, identifique-se apenas no cabeçalho da primeira página, pois não será avaliado texto que tenha

qualquer assinatura ou marca identificadora fora do local apropriado.

Com a finalidade de orientar a equipe que irá executar a sondagem de reconhecimento de um subsolo, redija um texto acerca dos

procedimentos a serem adotados na execução dessa sondagem, de acordo com o standard penetration test (SPT), abordando,
necessariamente, os seguintes aspectos:

<

descrição do equipamento;

<

desenvolvimento do ensaio;

<

tipo de amostragem.

Rascunho

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20