Prova Concurso - Administração - 2010-PREFEITURA-DE-MANAUS-AM-ANALISTA-ADMINISTRACAO-DE-REDES - MOVENS - PREFEITURA - 2010

Prova - Administração - 2010-PREFEITURA-DE-MANAUS-AM-ANALISTA-ADMINISTRACAO-DE-REDES - MOVENS - PREFEITURA - 2010

Detalhes

Profissão: Administração
Cargo: 2010-PREFEITURA-DE-MANAUS-AM-ANALISTA-ADMINISTRACAO-DE-REDES
Órgão: PREFEITURA
Banca: MOVENS
Ano: 2010
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

AGENTE-ADMINISTRATIVO-PREVIDENCIARIOCONCURSOS2018
ASSISTENTE-DE-ADMINISTRACAOFUNPAPA2018
AUXILIAR-DE-ADMINISTRACAOFUNPAPA2018

Gabarito

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 13: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

D

A

C

D

A

B

A

C

B

D

B

D

A

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

A

C

C

D

B

B

A

D

C

C

C

A

C

A

CARGO 14: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

C

D

C

A

C

A

D

B

D

B

D

A

A

C

B

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

C

B

C

B

A

C

A

B

B

A

D

C

D

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

B

D

A

C

D

C

A

A

A

D

C

A

B

D

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - RACIOCÍNIO LÓGICO

21 a 30 - LEGISLAÇÃO

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

B

B

C

A

C

B

A

C

B

A

C

D

D

B

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

C

D

C

A

C

A

D

B

D

B

D

A

A

C

B

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

C

B

C

B

A

C

A

B

B

A

D

C

D

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

C

A

D

B

B

A

D

C

A

D

C

A

D

B

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - RACIOCÍNIO LÓGICO

21 a 30 - LEGISLAÇÃO

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

C

C

D

D

A

A

B

C

D

A

A

C

A

B

CARGO 16: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ARQUITETURA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

D

A

C

D

A

D

B

C

C

B

D

A

D

C

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

B

D

B

A

A

C

D

A

C

B

D

A

D

B

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 17: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ANÁLISE DE SISTEMAS

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

C

D

C

A

C

A

D

B

D

B

D

A

A

C

B

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

C

B

C

B

A

C

A

B

B

A

D

C

D

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

D

A

A

B

C

D

C

D

C

B

D

C

A

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - RACIOCÍNIO LÓGICO

21 a 30 - LEGISLAÇÃO

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

A

D

D

B

D

A

B

A

C

A

C

B

A

C

B

CARGO 18: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ASSISTÊNCIA SOCIAL

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

D

B

A

C

D

B

B

B

C

A

B

C

C

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

C

B

D

C

A

A

D

B

A

D

B

D

A

C

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 19: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: BIBLIOTECONOMIA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

D

D

C

B

B

C

C

C

A

B

A

D

A

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

A

D

C

D

B

C

A

B

D

C

D

D

B

C

CARGO 20: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: CONTABILIDADE

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

D

B

D

A

X

D

C

A

C

B

D

B

D

A

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

B

C

C

A

B

A

D

B

D

B

C

D

A

C

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 21: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: DIREITO

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

D

C

A

C

A

D

B

D

B

C

D

C

D

B

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

A

B

C

B

A

A

D

B

C

A

B

A

D

C

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

C

D

A

B

D

C

A

A

B

D

A

C

B

D

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

21 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

A

C

A

D

C

C

A

B

D

B

A

D

A

B

CARGO 22: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ENGENHARIA CIVIL

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

D

C

B

A

C

D

D

C

C

A

B

X

A

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

B

C

D

B

B

A

C

B

B

A

D

C

C

B

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 23: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ENGENHARIA ELÉTRICA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

C

B

C

A

B

D

D

D

C

D

C

B

B

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

C

A

D

D

C

D

B

A

B

B

B

C

D

C

CARGO 24: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ESTATÍSTICA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

C

B

D

D

B

D

B

B

A

A

C

D

A

B

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

A

C

A

B

C

D

D

A

B

D

C

C

B

B

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 25: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: FISIOTERAPIA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

D

A

X

D

A

B

B

B

C

B

C

D

A

X

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

A

B

C

C

D

B

C

D

C

B

C

C

B

A

C

CARGO 26: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: FONOAUDIOLOGIA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

D

B

D

X

A

D

D

D

D

D

D

C

B

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

B

C

D

C

D

A

B

D

C

D

B

C

A

D

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 27: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: NUTRIÇÃO

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

B

D

C

D

B

C

A

C

B

B

D

A

X

B

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

D

B

B

C

C

D

A

C

D

A

D

D

C

A

CARGO 28: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ODONTOLOGIA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

C

D

A

A

D

A

X

D

C

C

C

B

B

B

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

B

C

D

A

C

A

C

B

D

B

D

B

C

A

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Superior

CARGO 29: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: PROGRAMAÇÃO DE COMPUTADOR

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

C

D

C

A

C

A

D

B

D

B

D

A

A

C

B

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

C

B

C

B

A

C

A

B

B

A

D

C

D

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

C

C

A

C

A

B

B

A

C

A

B

D

B

D

D

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - RACIOCÍNIO LÓGICO

21 a 30 - LEGISLAÇÃO

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

C

A

B

A

C

B

C

D

C

D

C

B

A

B

CARGO 30: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: PSICOLOGIA

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

A

B

D

A

B

D

A

A

C

A

C

B

A

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

A

B

B

A

D

C

D

A

C

C

B

B

C

A

A

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

A

A

D

D

C

C

A

D

B

C

D

A

B

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - RACIOCÍNIO LÓGICO

14 a 23 - LEGISLAÇÃO

24 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

D

A

B

D

B

C

D

B

B

B

C

A

B

A

B

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Médio

CARGO 31: ASSISTENTE DE ADMINISTRAÇÃO - TIPO A

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

C

B

A

C

C

A

A

C

D

D

A

B

A

D

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

D

C

C

B

A

C

B

A

D

D

C

C

B

B

C

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

C

B

D

A

C

C

B

D

C

A

D

C

B

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - MATEMÁTICA

21 a 30 - RACIOCÍNIO LÓGICO

31 a 50 - LEGISLAÇÃO

51 a 60 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

Gabarito

A

D

D

B

C

D

B

A

A

B

B

D

C

C

C

CARGO 31: ASSISTENTE DE ADMINISTRAÇÃO - TIPO B

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

C

D

A

B

C

C

A

A

C

D

D

B

A

A

D

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

C

C

D

B

A

C

C

B

B

C

B

C

D

A

D

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

B

C

A

D

C

C

A

D

B

C

D

A

C

B

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 10 - LÍNGUA PORTUGUESA

11 a 20 - MATEMÁTICA

21 a 30 - RACIOCÍNIO LÓGICO

31 a 50 - LEGISLAÇÃO

51 a 60 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

Gabarito

A

D

D

C

B

D

A

B

B

A

D

B

C

C

C

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Médio

CARGO 32: GEOPROCESSAMENTO

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

A

D

A

A

D

A

A

B

D

C

B

D

C

B

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

C

A

B

C

B

C

A

A

D

D

D

A

C

A

B

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

D

C

B

C

B

C

A

D

A

C

D

A

D

A

C

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 5 - LÍNGUA PORTUGUESA

6 a 10 - MATEMÁTICA

11 a 15 - RACIOCÍNIO LÓGICO

16 a 25 - LEGISLAÇÃO

26 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

C

C

A

A

A

B

C

B

D

D

B

D

D

B

A

CARGO 33: HARDWARE/REDES

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

D

D

A

C

D

A

A

A

B

A

D

D

C

B

A

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

D

D

C

B

C

C

A

B

C

A

B

C

D

A

D

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

D

D

B

C

D

A

C

B

A

B

B

D

C

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 7 - LÍNGUA PORTUGUESA

8 a 13 - MATEMÁTICA

14 a 20 - RACIOCÍNIO LÓGICO

21 a 30 - LEGISLAÇÃO

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

B

A

D

D

C

D

C

B

A

D

B

A

C

D

C

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-gabarito.pdf-html.html

PREFEITURA MUNICIPAL DE MANAUS

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

GABARITO DEFINITIVO

LEGENDA

X

= Questão Anulada

Letra Vermelha

= Questão com Gabarito Alterado

Nível Médio

CARGO 34: SISTEMA AutoCAD (CADISTA)

Questão

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

QUESTÕES POR

ÁREA DE CONHECIMENTO

Gabarito

A

D

A

A

D

A

A

B

D

C

B

D

C

B

C

Questão

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

Gabarito

C

A

B

C

B

C

A

A

D

D

D

A

C

A

B

Questão

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

Gabarito

A

C

C

A

A

D

B

C

D

D

B

C

C

B

A

Questão

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

1 a 5 - LÍNGUA PORTUGUESA

6 a 10 - MATEMÁTICA

11 a 15 - RACIOCÍNIO LÓGICO

16 a 25 - LEGISLAÇÃO

26 a 30 - NOÇÕES DE INFORMÁTICA

31 a 60 – CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Gabarito

A

D

C

C

B

D

D

B

A

D

C

C

B

B

B

Prova

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

   

   

                          

    

                 

 

           ! " #   $%

   &   '        &

     ()

*              

!

)

+

!

 

!

!

(

,

!            

-  !       

  !

  .   ,  

   !   

             /

0   ! ,  !      !

       

1              

     

2

        .     .!  

(   !

 !    

 & ,   

 

(

 

,

  3 .    ,     

 &     !      

       ,  !   

  

   

  

 

           

$!

!

4

555

67

-. 

$ ,  !      

 !   !   

$ ,     

89  8:'6;'8;6;

87'6;'8;6;

8:  <;':'8;6;

89':'8;6;

 

NÍVEL SUPERIOR

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL  

ADMINISTRAÇÃO DE REDES

CHAVE DE SEGURANÇA: 

3 o 8 8 A c

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

2

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

U t i l i z e   e s t e   e s p a ç o   p a r a   r a s c u n h o .

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

3

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

CONHECIMENTOS

BÁSICOS

Leia o texto abaixo para responder às questões de 1 a 4.

 

A  palavra  “professor”  deriva  da  palavra  “professar”, 

que,  além  de  lecionar,  significa  “declarar  publicamente 
uma  convicção  ou  um  compromisso  de  conduta”.  Não  por 
acaso,  as  duas  têm  a  mesma  raiz.  Nós,  mestres,  somos 
profissionais em vários sentidos: por ensinarmos e por nos 
comprometermos  com  condutas  de  trabalho  –  em  uma 
atividade  que  exige  a  contínua  exposição  de  convicções. 
Essa condição também envolve responsabilidades múltiplas, 
com  conhecimentos  e  procedimentos,  especialmente  por 
lidarmos com muitos jovens e crianças e por um tempo longo. 
 

Precisamos nos lembrar disso, não para nos sentirmos 

mais  importantes  do  que  já  somos,  mas  para  termos 
consciência  de  que,  no  desempenho  dessa  função  social, 
não  dá  para  ignorar  limitações  pessoais  e  problemas,  ou 
seja, nossa condição humana.
 

As  responsabilidades  de  educador,  ainda  mais 

complexas,  são  cumpridas  em  circunstâncias  muito 
especiais, sob permanente exposição a dezenas de olhares 
daqueles que pretendemos formar. Aliás, os alunos não são 
passageiros  e  não  nos  consideram  somente  condutores 
de  classes  ou  especialistas  em  Ciências  ou  Arte.  Eles  nos 
enxergam  também  como  alguém  que  está  com  blusa 
colorida e sorriso animado, calça amarrotada e olheiras ou 
tênis  novos  e  expressão  impaciente.  Da  mesma  forma,  a 
turma  não  vê  palavras  e  números  surgirem  no  quadro  e 
converterem-se em sons, mas acompanham a mão firme ou  
trêmula segurando o giz e o tom grave ou agudo da voz que explica.
 

Ao sairmos para o trabalho, mesmo preocupados com 

a nova ruga flagrada no espelho ou a diferença entre o saldo 
bancário e a prestação vencida, nos investimos da “persona” 
professoral. Sensível sim, mas profissional. 

Luís Carlos de Menezes - Revista Nova Escola  

Edição 223 - junho 2009 (com adaptações)

Q

UESTÃO

 1

A  respeito  dos  aspectos  linguísticos  e  gramaticais  do 
texto,  julgue  os  itens  abaixo  e,  em  seguida,  assinale  a 
opção correta.

I  –  O  conector  “que”  (linha  2)  introduz  uma  oração 

subordinada  adverbial  concessiva,  já  que  restringe 
um fato expresso na oração principal.

II  –  O  emprego  proclítico  do  pronome  átono  em  “

não 

nos consideram

” (linha 20) é justificado por haver a 

atração de uma palavra de sentido negativo.

III  –  A  inserção  de  uma  vírgula  imediatamente  após 

“condição”  (linha  8)  e  “Precisamos”  (linha  11) 
acarretaria prejuízo gramatical ao texto.

IV  –  A  forma  verbal  “têm”  (linha  4)  recebe  acento 

circunflexo  por  se  encontrar  no  plural,  mas,  neste 
caso,  poderia  também  receber,  facultativamente,  o 
acento agudo.

A quantidade de itens certos é igual a 

(A)  1.
(B)  2.
(C)  3.
(D)  4.

Q

UESTÃO

 2

Com  relação  às  ideias  do  texto,  assinale  a  opção 
correta.

(A)  O  texto  reúne  elementos  que  não  condizem  com  a 

realidade do professor e que sequer funcionam como 
objetos  de  avaliação  por  parte  de  alunos,  como  é  o 
caso,  por  exemplo,  de  “calça  amarrotada”,  “olheiras” 
(linha 23) e “mão firme ou trêmula” (linhas 26 e 27). 

(B)  O  termo 

professoral

  (linha  31),  que  é  a  união  de 

professor  e  natural,  carrega  um  sentimentalismo 
exagerado  por  parte  do  autor  e,  ao  mesmo  tempo, 
revela o inconformismo do professor em relação a sua 
profissão.

(C)  A  tese  apresentada  no  segundo  parágrafo  do  texto 

contradiz a ideia apresentada no terceiro, já que, neste 
último, o autor afirma que os alunos veem o professor 
como aquele que meramente transmite conhecimento.

(D)  Ao longo do texto, o autor estabelece uma relação entre 

o ato de ensinar e a condição humana do professor.

Q

UESTÃO

 3

Considerando  os  aspectos  linguísticos  e  gramaticais  do 
texto,  julgue  os  itens  abaixo  como  Verdadeiros  (V)  ou 
Falsos (F) e, em seguida, assinale a opção correta.

I  – 

Caso o termo “flagrada” (linha 29) fosse substituído 
por fragada, o sentido do texto seria preservado, já 
que as duas palavras são homônimas.

II  – 

O  pronome  relativo  “que”  (linha  7)  possui  função 
restritiva.

III  –  A  forma  verbal  “vê”  (linha  25)  pode  ser  substituída 

por enxergam, já que, neste caso, poderia concordar 
com “turma” (linha 25), que tem valor coletivo. 

IV  –  Na  linha  20,  o  termo  “passageiros”  não  está 

empregado com função adjetiva, tampouco possui o 
sentido de efêmeros.

V  –  A  substituição  da  preposição  “com”  (linha  6)  pela 

preposição de não manteria a regência correta.

A sequência correta é:

(A)  V, V, V, F, F.
(B)  V, F, V, F, V.
(C)  F, V, F, V, V.
(D)  F, F, V, V, F.

Q

UESTÃO

 4

Acerca das estruturas do texto, julgue os itens abaixo e, 
em seguida, assinale a opção correta.

I  –  Na linha 5, o vocábulo “por”, em suas duas ocorrências, 

pertence à mesma classe de palavras.

II  –  Na linha 4, a expressão “as duas” tem como referentes 

as palavras “professor” e “professar” (linha 1).

III  –  Caso o vocábulo “a” (linha 18) fosse substituído por 

à, seria mantida a correção gramatical, já que, neste 
caso, o uso do sinal indicativo de crase é facultativo.

IV  – 

No texto, o verbo “lembrar” (linha 11), por apresentar-
se na forma pronominal, é transitivo indireto.

V  –  A  palavra  “sob”  (linha  18)  pode  ser  substituída  por 

sobre, sem acarretar prejuízo de sentido ao texto, já 
que ambas são preposições.

Estão certos apenas os itens

(A)  I, II e IV.
(B)  I, III e V.
(C)  I e IV.
(D)  II, III, IV e V.

1

5

10

15

20

25

30

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

4

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Leia o texto abaixo para responder às questões de 5 a 7.

Educação do olhar

 

Educar  é  mostrar  a  vida  a  quem  ainda  não  a  viu.  O 

educador  diz:  “Veja!”  –  e,  ao  falar,  aponta.  O  aluno  olha 
na direção apontada e vê o que nunca viu. Seu mundo se 
expande.  Ele  fica  mais  rico  interiormente.  E,  ficando  mais 
rico interiormente, ele pode sentir mais alegria e dar mais 
alegria – que é a razão pela qual vivemos.
 

Já  li  muitos  livros  sobre  psicologia  da  educação, 

sociologia  da  educação,  filosofia  da  educação  –  mas,  por 
mais que me esforce, não consigo me lembrar de qualquer 
referência à educação do olhar ou à importância do olhar na 
educação, em qualquer deles. 
 

A primeira tarefa da educação é ensinar a ver. É através 

dos olhos que as crianças tomam contato com a beleza e o 
fascínio do mundo. Os olhos têm de ser educados para que 
nossa alegria aumente.
 

Quero  ensinar  as  crianças.  Elas  ainda  têm  olhos 

encantados. Seus olhos são dotados daquela qualidade que, 
para os gregos, era o início do pensamento: a capacidade 
de se assombrar diante do banal. Para as crianças, tudo é 
espantoso: um ovo, uma minhoca, uma concha de caramujo, 
o  voo  dos  urubus,  os  pulos  dos  gafanhotos,  uma  pipa  no 
céu, um pião na terra. Coisas que os eruditos não veem.
 

Na  escola  eu  aprendi  complicadas  classificações 

botânicas, taxonomias, nomes latinos – mas esqueci. Mas 
nenhum professor, jamais, chamou a minha atenção para a 
beleza de uma árvore ou para o curioso das simetrias das 
folhas.
 

As  palavras  só  têm  sentido  se  nos  ajudam  a  ver  o 

mundo  melhor.  Aprendemos  palavras  para  melhorar  os 
olhos. Quando a gente abre os olhos, abrem-se as janelas 
do corpo, e o mundo aparece refletido dentro da gente.
 

Jardins bonitos há muitos, mas só traz alegria o jardim 

que nascer dentro da gente. São as crianças que, sem falar, 
nos  ensinam  as  razões  para  viver.  Elas  não  têm  saberes 
a  transmitir.  No  entanto,  elas  sabem  o  essencial  da  vida. 
Quem não muda sua maneira adulta de ver e sentir e não se 
torna como criança jamais será sábio.

Rubem Alves. Internet: www.rubemalves.com.br (com adaptações) 

Q

UESTÃO

 5

Acerca da tipologia e das estruturas gramaticais do texto, 
assinale a opção correta.

(A)  O  texto  apresenta-se  como  descritivo  em  toda  a 

sua  estrutura  e,  ao  mesmo  tempo,  revela  uma  tese 
inconsistente  e  contraditória  do  quarto  ao  último 
parágrafo.

(B)  O  texto  contém  elementos  de  narração  e  descrição 

e  apresenta  a  defesa  de  uma  tese  baseada  em  fatos 
jamais vivenciados pelo autor.

(C)  O travessão apresentado na linha 6 pode ser substituído 

por  vírgula,  sem  qualquer  prejuízo  gramatical  ao 
texto.

(D)  As  palavras  “crianças”  e  “encantados”  (linhas  16  e 

17)  possuem  a  mesma  função  sintática  do  termo 
“espantoso” (linha 20).

Q

UESTÃO

 6

De  acordo  com  as  estruturas  linguísticas  e  gramaticais 
do texto, julgue os itens abaixo como Verdadeiros (V) ou 
Falsos (F) e, em seguida, assinale a opção correta.

I  –  A forma verbal “traz” (linha 32) pode ser substituída 

por  trazem,  já  que,  neste  caso,  é  permitida  a 
concordância com “Jardins bonitos” (linha 32).

II  –  As palavras “Educar” (linha 1) e “educador” (linha 2) 

pertencem à mesma classe de palavras, ou seja, são 
verbos no infinitivo.

III  –  A  palavra  “saberes”  (linha  34)  está  empregada  no 

texto com o sentido de conhecimento.

IV  – 

Em  suas  duas  ocorrências,  o  pronome  “ele”  (linhas 
4 e 5) tem como referente “aluno” (linha 2) e, não, 
“mundo” (linha 3). 

V  –  A oração “abrem-se as janelas do corpo” (linhas 30 

e  31)  está  na  voz  passiva  sintética,  justificada  pela 
presença  de  um  verbo  transitivo  direto  na  terceira 
pessoa  do  plural  acompanhado  de  um  pronome 
apassivador.

A sequência correta é:

(A)  F, F, V, V, V.
(B)  V, F, F, F, F.
(C)  V, F, V, F, V.
(D)  F, V, F, V, F.

Q

UESTÃO

 7

Acerca das ideias apresentadas no texto, julgue os itens 
abaixo e, em seguida, assinale a opção correta.

I  –  O  autor  faz  reflexões  a  respeito  de  uma  educação 

voltada para a capacidade de se enxergar sob ângulos 
e  referenciais  diferentes,  enfoques  sob  os  quais  a 
maioria das pessoas ainda não está habituada.

II  –  Infere-se do quarto parágrafo que as crianças possuem 

mais subjetividade, poesia e alegria na forma de olhar 
do que os adultos.

III  –  Educar,  na  visão  do  autor,  é  encarar  o  processo  de 

ensinar e de aprender com a desconstrução do olhar 
engessado sobre tudo.

IV  –  Ao  mencionar  que  as  crianças  “ainda  têm  olhos 

encantados”  (linhas  16  e  17),  infere-se  que  ela  é 
desperta para o imaginário e o poético, viaja através 
das palavras e é capaz de se surpreender com coisas 
simples. 

A quantidade de itens certos é igual a

(A)  1.
(B)  2.
(C)  3.
(D)  4.

1

5

10

15

20

25

30

35

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

5

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Leia  o  texto  abaixo  para  responder  às  questões  de  8  a 
10.

Educação para a cidadania

 

A  educação  para  a  cidadania  pretende  fazer  de  cada 

pessoa  um  agente  de  transformação.  Isso  exige  uma 
reflexão que possibilite compreender as raízes históricas da 
situação de miséria e exclusão nas quais vive boa parte da 
população. A formação política, que tem no universo escolar 
um espaço privilegiado, deve propor caminhos para mudar 
as situações de opressão.
 

Muito  embora  outros  segmentos,  como  a  família  ou 

os  meios  de  comunicação,  participem  dessa  formação 
não  haverá  democracia  substancial  se  inexistir  essa 
responsabilidade  propiciada,  sobretudo  pelo  ambiente 
escolar. A ideia de educação deve estar intimamente ligada à 
de liberdade, democracia e cidadania. A educação não pode 
preparar  nada  para  a  democracia  a  não  ser  que  também 
seja democrática. 
 

Uma  nova  cidadania  acontece  por  intermédio  dos 

currículos oficiais e, para isso, é necessário que os currículos 
sejam  revistos.  É  necessário  ensinar  às  crianças  e  aos 
jovens brasileiros não apenas a ler e a escrever, mas a olhar 
o  mundo  a  partir  de  novas  perspectivas.  Ensinar  a  ouvir, 
a falar, a escutar, a desenvolver atitudes de solidariedade; 
aprender a dizer “não” ao consumismo imposto pela mídia, 
a dizer “não” ao individualismo e, sim, à paz. 
 

Educar para a cidadania é adotar uma postura; é fazer 

escolhas;  é  despertar  para  as  consciências  dos  direitos 
e  deveres;  é  lutar  pela  justiça  e  não  servir  a  interesses 
seculares. Esta é uma urgência que grita e que deveria ecoar 
nos corações humanos e, não, nos alarmes das propriedades 
que tentam proteger a vergonha do que a civilização humana 
construiu. Para se alcançar isso, não se pode ficar somente 
no  “ensinar  para  a  cidadania”.  É  preciso  que  se  construa 
o  espaço  de  se  “educar  na  cidadania”.  E,  nesse  sentido, 
não é somente a preposição que muda: muda a postura do 
professor que, de cidadão que somente exige seus direitos, 
passa a se lembrar também dos seus deveres. 

Márcia Regina Cabral – Educação e Cidadania 

Internet: http://www.webartigos.com/articles/10791/1/Educacao-e-Cidadania/

pagina1.html#ixzz0uVT9nG12

Q

UESTÃO

 8

Segundo  as  ideias  apresentadas  no  texto,  assinale  a 
opção correta.

(A)  O ato de educar para a cidadania, na visão do autor, 

exige  do  professor  uma  mudança  de  comportamento 
que busque a luta pelos seus interesses particulares, ou 
seja, seus direitos, sobrepujando a situação de miséria 
e  exclusão  nas  quais  vive  boa  parte  da  população 
brasileira.

(B)  De  acordo  com  o  autor,  haverá  uma  mudança 

significativa na situação de opressão com a qual convive 
boa  parte  da  população  brasileira,  caso  haja  maior 
responsabilidade e comprometimento das pessoas com 
a educação. 

(C)  Pode-se dizer que, para se alcançar a cidadania, faz-se 

necessária  a  privação  de  liberdade  e  de  democracia, 
principalmente no ambiente escolar. 

(D)  No  terceiro  parágrafo,  o  autor,  que  acredita  que  as 

crianças e os jovens são influenciados pela família e pela 
mídia e que, por isso, não conseguem aprender a ler e 
a escrever, propõe alterações nos currículos escolares 
com  vistas  a  melhorar  o  ensino  da  alfabetização  no 
Brasil.

Q

UESTÃO

 9

Com  relação  aos  aspectos  semânticos  e  gramaticais  do 
texto,  julgue  os  itens  abaixo  como  Verdadeiros  (V)  ou 
Falsos (F) e, em seguida, assinale a opção correta.

I  –  A  palavra  “segmentos”  (linha  8)  não  pode  ser 

substituída por seguimentos, pois causaria prejuízo 
semântico ao texto.

II  –  O  trecho  “é  necessário  que  os  currículos  sejam 

revistos” (linhas 17 e 18) está empregado em sentido 
denotativo.

III  –  O vocábulo “postura” (linha 24 e 33), em suas duas 

ocorrências, possui o mesmo sentido de maneira de 
agir
.

IV  –  O vocábulo “sobretudo” (linha 11) é uma preposição 

e pode ser substituído por ainda mais sem acarretar 
prejuízo sintático e de sentido ao texto.

V  –  No  texto,  a  forma  verbal  “ecoar”  (linha  27)  tem  o 

sentido de repetir.

A sequência correta é:
 

(A)  F, F, F, V, F.
(B)  V, F, V, F, V.
(C)  F, V, V, V, F.
(D)  V, V, V, F, V.

Q

UESTÃO

 10

Com  base  nas  propriedades  textuais  e  gramaticais  do 
texto, assinale a opção INCORRETA.

(A)  Na  linha  10,  a  expressão  ”se  inexistir”  possui  valor 

condicional e pode ser substituída por caso inexista
mantendo, dessa forma, o sentido do texto e a correção 
sintática. 

(B)  O  vocábulo  “à”  (linha  12)  tem  como  referente 

“educação” (linha 12).

(C)  A forma verbal “construiu” (linha 30) não se apresenta 

no  pretérito  imperfeito  do  indicativo,  mas  está  no 
singular  para  concordar  com  “civilização  humana” 
(linha 29) e, não, com “vergonha” (linha 29).

(D)  A  oração  “que  tem  no  universo  escolar  um  espaço 

privilegiado” (linhas 5 e 6) não é subordinada adverbial 
consecutiva.

Q

UESTÃO

 11

Se  o  oceano  não  é  poluído,  então  os  peixes  nadam. 
Se  o  oceano  é  poluído,  então  as  gaivotas  não  voam. 
Considerando  que  as  gaivotas  voam,  é  correto  afirmar 
que 

(A)  o oceano é poluído e os peixes nadam.
(B)  o oceano é poluído e os peixes não nadam.
(C)  se as gaivotas voam, então os peixes nadam.
(D)  o oceano não é poluído e os peixes nadam.

Q

UESTÃO

 12

 

Três  amigos  (Beto,  Raul  e  Lauro)  foram  até  uma 

concessionária  e  lá  escolheram  modelos  diferentes  de 
automóveis  para  comprar.  Escolheram  um  Fiesta,  um  Gol 
e  um  Corsa,  não  necessariamente  nesta  ordem.  As  cores 
escolhidas por eles foram amarelo, prata e vermelho. Sabe-
se que o carro de Beto é amarelo e o automóvel escolhido por 
Lauro é um Corsa. Raul decidiu que a cor de seu automóvel 
não seria prata e o modelo não seria Fiesta. 

Assim,  é  correto  afirmar  que  as  cores  dos  automóveis 
Fiesta, Gol e Corsa, nessa ordem, são

(A)  amarelo, vermelho e prata.
(B)  vermelho, prata e amarelo.
(C)  prata, amarelo e vermelho.
(D)  prata, vermelho e amarelo.

1

5

10

15

20

25

30

35

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

6

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 13

 

Uma reportagem sobre “Comportamento no Trânsito” 

foi  feita  por  um  jornal  de  grande  veiculação  em  uma 
determinada  cidade  brasileira.  Nessa  reportagem,  foi  feito 
um teste com 120 pessoas para entender como seriam suas 
reações diante de uma situação de risco no trânsito. O teste 
obteve os seguintes resultados:

 

–  60% das pessoas responderam que, quando o celular 

toca, logo atendem;

 

–  50%  das  pessoas  responderam  que  nunca  dirigem 

após a ingestão de bebida alcoólica; e

 

–  30%  das  pessoas  responderam  que  atendem  ao  

celular  e  nunca  dirigem  após  ingerirem  bebida 
alcoólica. 

A partir desses dados, é correto afirmar que

(A)  96 pessoas atendem ao celular ou não ingerem bebida 

alcoólica se forem dirigir.

(B)  80 pessoas atendem ao celular ou não ingerem bebida 

alcoólica se forem dirigir.

(C)  60  pessoas  não  responderam  a  nenhuma  das  

perguntas do teste.

(D)  24 pessoas nunca dirigem após a ingestão de bebida 

alcoólica.

Q

UESTÃO

 14

Supondo-se  que  seis  recenseadores  do  IBGE  serão 
distribuídos  em  quatro  ruas  diferentes  da  cidade  de 
Manaus  para  efetuarem  seu  trabalho,  assinale  a  opção 
que apresenta de quantas maneiras distintas, no máximo, 
esses recenseadores poderão ser distribuídos.

(A)  24 
(B)  60 
(C)  360 
(D)  300 

Q

UESTÃO

 15

Dada  a  proposição  ”O  Desporto  é  um  time  ruim  e  o 
Consolação  é  um  time  bom”,  assinale  a  opção  que 
apresenta a correta negação dessa proposição.

(A)  O Desporto é um time ruim e o Consolação não é um 

time bom.

(B)  O Desporto não é um time ruim ou o Consolação não é 

um time bom.

(C)  O Desporto é um time ruim e o Consolação não é um 

time bom.

(D)  O Desporto não é um time ruim se, e somente se, o 

Consolação é um time bom.

Q

UESTÃO

 16

 

A lógica é a “arte do bem pensar”, defendem alguns 

autores.  As  fórmulas  bem  formadas  da  linguagem  da 
lógica proposicional são construídas a partir de símbolos do 
alfabeto e de várias regras.

 

–  Este animal é um coelho ou um cachorro.

 

–  Não é um coelho.

 

–  Logo, é um cachorro.

Acerca das proposições acima, assinale a opção correta.

(A)  (p ∨ q)  ∧ ~p ∴ q

(B)  (p ∧ q)  ∧ ~p ∴ q

(C)  (p → q)  ∧ ~p ∴ q

(D)  (p → q)  ∧ ~p ∴ q

Q

UESTÃO

 17

A sentença “Hoje não nevou, então Lucas não foi patinar 

e Gustavo não foi à escola” é corretamente representada 

por

(A)  ~p ∨ (~r ∧ ~q)

(B)  ~p ∧ (~r ∨ ~q)

(C)  ~p → (~r ∧ ~q)

(D)  p → (~r ∧ ~q)

Q

UESTÃO

 18

 

Considere  que  uma  pesquisa  de  mercado  tenha  sido 

realizada na cidade de Parintins. Após o resultado, verificou-

se que 1.000 pessoas usavam dois tipos de cremes dentais 

branqueadores, denominados E ou F; que o creme dental F 

é usado por 400 pessoas; e que 160 usam os dois cremes. 

Assinale a opção que apresenta o número de pessoas que 

usam apenas o creme dental E.

(A)  760 

(B)  600 

(C)  240 

(D)  670 

Q

UESTÃO

 19

Qualquer  ordenação  das  letras  de  uma  palavra  é 

denominada anagrama.  Assinale a opção que apresenta o 

número de anagramas formados pela palavra MANAUS.

(A)  1.440 

(B)  720 

(C)  360 

(D)  300 

Q

UESTÃO

 20

 

Considere  que,  de  um  grupo  de  75  servidores  do 

governo municipal de Manaus, 16 servidores relataram em 

uma  pesquisa  que  gostam  de  música,  esportes  e  viagens 

como  lazer;  24  gostam  de  música  e  esporte;  30  gostam 

de música e viagens; 22 gostam de esportes e viagens; 7 

gostam  somente  de  música;  9,  somente  de  esporte;  e  4, 

somente de viagens.

Assinale  a  opção  que  apresenta  a  possibilidade  de,  ao 

acaso, um desses servidores gostarem de música.

(A)  0,53

(B)  0,60

(C)  0,70

(D)  0,80

R

ASCUNHO

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

7

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 21

A  respeito  das  denominadas  “mutações  funcionais” 
previstas  no  Estatuto  dos  Servidores  Públicos  do 
Município de Manaus, assinale a opção correta. 

(A)  A substituição de titular de cargo em função gratificada 

será  remunerada,  qualquer  que  seja  a  natureza  do 
afastamento, desde que igual ou superior a 30 dias e 
com manifestação financeira atribuída ao substituído.

(B)  A designação para a função gratificada vigorará a partir 

do  ato  respectivo,  competindo  à  autoridade  a  que 
estiver  subordinado  o  funcionário  designado  dar-lhe 
exercício apenas após o termo de posse.

(C)  Readaptação é a investidura do funcionário em cargo 

ou  função  mais  compatível  com  a  sua  capacidade 
física ou intelectual e vocação, independentemente da 
existência de vaga. 

(D)  A permuta será processada a pedido escrito de ambos 

os  interessados,  desconsiderando-se  os  requisitos  da 
promoção.

Q

UESTÃO

 22

No  que  se  refere  às  promoções  dos  servidores  do 
Município de Manaus, assinale a opção correta.

(A)  Havendo  fusão  de  classe,  a  antiguidade  abrangerá  o 

efetivo exercício na classe atual.

(B)  Em  nenhum  caso,  será  promovido  o  funcionário  em 

estágio probatório, salvo se não houver interessado na 
vaga.

(C)  Só por antiguidade poderá ser promovido o funcionário 

em  exercício  de  mandato  legislativo  federal,  estadual 
ou municipal, desde que remunerado este último.

(D)  A  promoção  por  merecimento,  no  âmbito  do  Poder 

Executivo, recairá sobre o servidor indicado pelo chefe 
imediato da repartição onde se encontrar lotado, entre 
os  que  figurarem  na  lista  tríplice  organizada  para  tal 
fim.

Q

UESTÃO

 23

Acerca  da  transferência,  reintegração,  reversão  e  ao 
aproveitamento dos servidores do Município de Manaus, 
assinale a opção correta.

(A)  A transferência far-se-á para cargo de igual vencimento 

ou  remuneração  e  somente  será  concedida  ao 
funcionário que contar, no mínimo, um ano de efetivo 
exercício na classe ou no cargo isolado.

(B)  O  servidor  que  estiver  ocupando  o  cargo  objeto  da 

reintegração será colocado em disponibilidade, ou, se 
ocupava  outro  cargo  municipal,  a  este  reconduzido 
após prévia indenização.

(C)  Exceto para efeitos de disponibilidade, a reversão não 

dará direito à contagem do tempo em que o funcionário 
esteve aposentado.

(D)  Aproveitamento  é  o  reingresso  no  serviço  público 

do  servidor  em  disponibilidade  ou  aposentado  por 
invalidez, quando cessados os motivos desta.

Q

UESTÃO

 24

Em relação aos denominados créditos adicionais, assinale 
a opção correta. 

(A)  Os  créditos  adicionais  especiais  são  os  destinados  ao 

reforço de dotação orçamentária.

(B)  Os créditos suplementares e especiais serão autorizados 

por lei e abertos por decreto executivo.

(C)  Entende-se  por  superávit  financeiro  a  diferença 

positiva entre o ativo financeiro e o passivo financeiro, 
desconsiderando-se  os  saldos  dos  créditos  adicionais 
transferidos  e  as  operações  de  crédito  a  eles 
vinculadas.

(D)  Em regra, os créditos adicionais terão vigência por, no 

máximo, dois exercícios financeiros consecutivos.

Q

UESTÃO

 25

Acerca do controle da execução orçamentária, assinale a 

opção correta.

(A)  Quando  no  município  não  houver  tribunal  de  contas 

ou órgão equivalente, as contas do prefeito devem ser 

submetidas ao tribunal de contas estadual, vedando-se 

à  câmara  de  vereadores  a  emissão  de  parecer  sobre 

tais contas.

(B)  Além da prestação ou tomada de contas anual, quando 

instituída em lei, ou por fim de gestão, poderá haver, 

a qualquer tempo, levantamento, prestação ou tomada 

de contas de todos os responsáveis por bens ou valores 

públicos.

(C)  Os Poderes Executivos federal, estadual e municipal, a 

cada bimestre, prestarão contas ao Poder Legislativo, 

no prazo estabelecido na Constituição Federal.

(D)  A  verificação  da  legalidade  dos  atos  de  execução 

orçamentária por parte dos órgãos de controle interno 

da administração será apenas prévia, pois a verificação 

final é competência da corte de contas de cada ente da 

Federação.

Q

UESTÃO

 26

Sobre  as  disposições  que  tratam  da  transparência,  do 
controle  e  da  fiscalização  na  Lei  Complementar  n.º 
101/2000  (Responsabilidade  Fiscal),  é  correto  afirmar 

que 

(A)  os  Estados  encaminharão  suas  contas  ao  Poder  

Executivo  da  União,  nos  prazos  definidos  em  lei, 

sendo  certo  que  o  descumprimento  dessa  obrigação 

impedirá, até que a situação seja regularizada, que o 

ente da Federação receba transferências voluntárias e 

contrate  operações  de  crédito,  exceto  as  destinadas 

ao  refinanciamento  do  principal  atualizado  da  dívida 

mobiliária.

(B)  as  contas  prestadas  pelos  chefes  do  Poder  Executivo 

incluirão, além das suas próprias, apenas as do chefe 

do Ministério Público, as quais receberão parecer prévio, 

em conjunto, do respectivo Tribunal de Contas.

(C)  não se inclui na esfera de competência dos Tribunais de 

Contas a verificação dos cálculos dos limites da despesa 

total com pessoal de cada Poder, pois tal competência 

foi atribuída por lei apenas ao Poder Legislativo de cada 

ente da Federação.

(D)  os  Tribunais  de  Contas  não  entrarão  em  recesso  

enquanto  existirem  contas  de  Poder  pendente  de 

parecer  prévio,  sendo  certo  que,  na  mera  pendência 

de  apreciação  de  contas  de  órgão,  o  recesso  não 

restará  prejudicado,  devendo  a  análise,  no  entanto, 

ser efetuada nos quinze primeiros dias após o retorno 

aos trabalhos. 

Q

UESTÃO

 27

A  respeito  dos  princípios  que  regem  as  licitações,  

assinale a opção correta.

(A)  Todas  as  obras,  serviços,  exceto  de  publicidade, 

compras,  alienações,  concessões,  permissões  e 

locações da administração pública, quando contratadas 

com  terceiros,  serão  necessariamente  precedidos  de 

licitação.

(B)  Sob  pena  de  ofensa  ao  caráter  competitivo,  nos 

processos  de  licitação  não  poderá  ser  estabelecida 

margem de preferência para produtos manufaturados.

(C)  É  vedado  à  administração  estabelecer  tratamento 

diferenciado  de  natureza  comercial,  legal,  trabalhista 

ou  previdenciária  entre  empresas  brasileiras  e 

estrangeiras,  inclusive  no  que  se  refere  a  moeda, 

modalidade  e  local  de  pagamentos,  exceto  quando 

envolvidos financiamentos de agências internacionais.

(D)  Em igualdade de condições, como critério de desempate, 

será  assegurada  preferência,  sucessivamente,  aos 

bens  e  serviços  produzidos  no  País,  produzidos  ou 

prestados  por  empresas  brasileiras  e  produzidos  ou 

prestados  por  empresas  que  invistam  em  pesquisa  e 

no desenvolvimento de tecnologia no País. 

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

8

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 28

Em relação às obras e serviços no âmbito das licitações, 
assinale a opção correta. 

(A)  É vedada a realização de licitação cujo objeto inclua bens 

e serviços de marcas, características e especificações 
exclusivas,  sendo  certo  que  tal  regra  não  comporta 
exceções. 

(B)  A  execução  de  cada  etapa  será,  obrigatoriamente, 

precedida  da  conclusão  e  aprovação,  pela  autoridade 
competente,  dos  trabalhos  relativos  às  etapas 
anteriores, inclusive quanto ao projeto executivo.

(C)  É vedado incluir no objeto da licitação a obtenção de 

recursos financeiros para sua execução, qualquer que 
seja a sua origem, exceto nos casos de empreendimentos 
executados e explorados sob o regime de concessão. 

(D)  As  obras  e  serviços  destinados  aos  mesmos  fins  não 

poderão ter projetos padronizados por tipos, categorias 
ou  classes,  uma  vez  que  cada  empreendimento  deve 
ser executado de forma individualizada.

Q

UESTÃO

 29

De  acordo  com  as  limitações  previstas  na  Lei  Orgânica 
do Município de Manaus, relativas ao poder de tributar, 
assinale a opção correta. 

(A)  A  concessão  de  isenção,  anistia  ou  moratória  gera 

direito adquirido e não será revogada de ofício, ainda 
que se apure que o beneficiário deixou de cumprir os 
requisitos para sua concessão.

(B)  A  concessão  de  isenção  e  de  anistia  de  tributos 

municipais, bem como a dispensa de correção monetária 
nos débitos dos contribuintes inadimplentes, dispensa 
autorização legislativa, podendo ser efetivada por meio 
de decreto do Poder Executivo. 

(C)  A  remissão  de  créditos  tributários  somente  poderá 

ocorrer  nos  casos  de  calamidade  pública,  devendo  a 
lei que a autorize ser aprovada por maioria simples dos 
membros da Câmara Municipal.

(D)  É vedado ao município estabelecer limitações ao tráfego 

de pessoas ou bens por meio de tributos, ressalvada a 
cobrança de pedágio pela utilização de vias conservadas 
pelo Poder Público.

Q

UESTÃO

 30

Sobre  as  multas  e  demais  sanções  aplicáveis  pelo  
Tribunal  de  Contas  do  Estado  do  Amazonas  (TCE/AM), 
assinale a opção correta. 

(A)  Quando o responsável for julgado em débito, o Tribunal 

poderá aplicar-lhe multa de até 100% do valor do dano 
causado ao erário, corrigido monetariamente.  

(B)  As  multas  aplicáveis  pelo  TCE/AM  não  poderão  ser 

gradativas  em  função  da  gravidade  da  infração,  mas 
apenas em razão da condição econômica do infrator. 

(C)  O  TCE/AM  poderá  efetuar  diretamente  o  arresto  de 

bens  dos  agentes  públicos  infratores  até  a  quantia 
necessária a cobrir o prejuízo que estes provocarem ao 
erário. 

(D)  Sempre  que  a  maioria  dos  membros  do  TCE/AM 

considerar  grave  a  infração  cometida,  o  responsável 
ficará inabilitado por 8 anos para o exercício de cargo 
em comissão, ou função de confiança, em qualquer dos 
órgãos da administração estadual.

CONHECIMENTOS 

ESPECÍFICOS

Q

UESTÃO

 31

 

A  tecnologia  de  fibras  óticas  possibilitou  um  grande 

salto nas telecomunicações. As transmissões de dados e voz 
alcançaram alto nível de confiabilidade e grande velocidade. 
Atualmente,  existem  cabos  de  fibras  óticas  interligando 
continentes e esses cabos permitem a criação de milhões de 
canais de comunicação.

Acerca  da  tecnologia  de  fibras  óticas,  assinale  a  opção 
correta.

(A)  A  fibra  monomodo  é  normalmente  utilizada  em 

distâncias mais curtas, por apresentar grande perda de 
sinal em longas distâncias.

(B)  O núcleo de uma fibra monomodo, por ser mais largo 

do que o núcleo de uma fibra multimodo, permite que 
a luz seja refletida dentro da fibra. 

(C)  Fibras  óticas  são  imunes  a  campos  elétricos  ou 

magnéticos, sendo assim, é uma ótima alternativa para 
transmissão de dados em ambientes industriais.

(D)  Uma das vantagens da fibra ótica sobre cabos de cobre 

está na maior confiabilidade e no menor custo.

Q

UESTÃO

 32

 

Considere uma rede de computadores organizada em 

duas redes interconectadas por um roteador. A rede LAN1 
está localizada em um terceiro andar de um edifício e tem 3 
desktops e 1 servidor; e a rede LAN2, localizada no térreo, 
tem apenas 2 desktops. O roteador se encontra também no 
terceiro andar e está ligado diretamente às duas redes.

Conforme a descrição da rede e topologia apresen tada, 
assinale a opção correta.

(A)  Na  topologia  apresentada,  existem  2  domínios  de 

broadcast.

(B)  A  topologia  apresentada  é  do  tipo  estrela,  com  o 

roteador no centro da estrela.

(C)  O  endereçamento  IP  nas  duas  redes,  LAN1  e  LAN2, 

deve ser o mesmo para permitir a comunicação entre 
os computadores.

(D)  Um broadcast transmitido por um computador da rede 

LAN1 será capturado por todos computadores da LAN1 
e LAN2.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

9

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 33

 

Em  uma  determinada  rede  de  computadores,  a 

comunicação entre sistemas computacionais ocorre através 
de protocolos IP. Esses protocolos implementam um conjunto 
de  regras  de  comunicação  que  permite  a  transmissão  de 
dados mesmo entre diferentes plataformas. 

Com  relação  aos  protocolos  utilizados  na  internet, 
relacione  a  primeira  coluna  à  segunda  e,  em    seguida, 
assinale a opção correta.

1  –  DNS
2  –  FTP
3  –  SSH
4  –  SMTP
5  –  NTP

(   )  Protocolo  usado  para  transferência  de  arquivos  entre 

dois computadores 

(   )  Protocolo usado para acesso  remoto
(   )  Protocolo  usado  para  sincronização  de  relógios  dos 

computadores

(   )  Protocolo usado para transmissão de correio eletrônico
(   )  Protocolo usado para tradução de endereços URL para 

endereços IP

A sequência correta é:

(A)  4, 1, 3, 5, 2.
(B)  5, 2, 1, 3, 4.
(C)  3, 5, 4, 1, 2.
(D)  2, 3, 5, 4, 1.

Q

UESTÃO

 34

Uma  determinada  rede  de  computadores  baseada  em 
TCP/IP  deve  conectar  272  computadores.  Assinale  a 
opção  que  apresenta  um  endereço  de  rede  IP  e  uma 
máscara de rede que permitam a comunicação entre os 
272 computadores.

(A)  Endereço de Rede: 192.168.257.0
 

Máscara: 255.255.255.128

(B)  Endereço de Rede: 192.168.252.0
 

Máscara: 255.255.252.0 

(C)  Endereço de Rede: 10.10.10.0
 

Máscara: 255.255.233.0

(D)  Endereço de Rede: 172.17.29.0
 

Máscara: 255.255.255.0

Q

UESTÃO

 35

 

O syslog é um software de registro de eventos (logs) 

no  Linux  que  apresenta  grande  flexibilidade,  permitindo  o 
registro  de  eventos  de  diversas  origens  e  realizando  sua 
classificação.

De  acordo  com  os  níveis  de  severidade  dos  eventos  no 
syslog, assinale a opção que apresenta o nível mais alto 
de severidade.

(A)  alert
(B)  emerg
(C)  crit
(D)  warning

Q

UESTÃO

 36

Uma  rede  sem  fio  composta  de  diversos  grupos  de 
computadores,  ligados  a  diversos  Access  Points  e 
interligados  por  um  backbone,  é  uma  rede  sem  fio  do 
tipo

(A)  ESS – Extended Service Set
(B)  BSS – Basic Service Set
(C)  IBSS – Independent Basic Service Set
(D)  VLAN – Virtual LAN 

Q

UESTÃO

 37

No  modelo  de  camadas  OSI,  assinale  a  opção  que 
apresenta  a  camada  responsável  por  associar  os  dados 
recebidos com um aplicativo executado no computador.

(A)  Aplicação
(B)  Apresentação
(C)  Transporte
(D)  Sessão 

Q

UESTÃO

 38

 

A  adoção  da  tecnologia  de  Voz  sobre  IP  (VoIP)  nas 

empresas e organizações tem crescido por permitir grande 
redução de custos, particularmente com ligações de longa 
distância.  Os  principais  componentes  de  um  sistema  VoIP 
baseado  na  arquitetura  H.323  são  os  MCUs,  gateways, 
gatekeepers e os terminais.

Em  relação  às  funções  de  um  gatekeeper,  assinale  a 
opção correta.

(A)  Estabelece  a  comunicação  entre  a  arquitetura  H.323 

com  terminais  telefônicos  do  Serviço  Telefônico  Fixo 
Comutado.

(B)  Estabelece conferências telefônicas entre três ou mais 

terminais.

(C)  Realiza o controle da admissão de chamadas.
(D)  Realiza a conversão dos pacotes de dados em sons de 

forma a estabelecer a comunicação entre os usuários.

Q

UESTÃO

 39

 

O uso de protocolos de roteamento reduz o trabalho 

de  gerenciamento  de  uma  rede,  pois  as  rotas  são 
automaticamente atualizadas em decorrência de mudanças 
na rede.

Sobre  as  funcionalidades  e  características  do  protocolo 
de  roteamento  RIP  na  versão  1  e  versão  2,  assinale  a 
opção INCORRETA.

(A)  O  RIP  versão  1  não  implementa  o  método  split 

horizons.

(B)  O RIP versão 1 não implementa autenticação.
(C)  O RIP versão 2 suporta máscaras de subrede.
(D)  O RIP versão 2 suporta broadcast e multicast.

Q

UESTÃO

 40

 

Mudanças  em  uma  infraestrutura  de  rede  de 

computadores  podem  ocorrer  de  forma  proativa,  para  se 
melhorar  o  serviço  ou  minimizar  riscos,  como  podem  ser 
reativas, quando relacionadas a um incidente ou problema. 
Entretanto, mudanças com falhas de planejamento podem 
ocasionar  prejuízos  e  danos  muito  sérios.  Por  isso,  o 
gerenciamento de mudanças é um importante processo do 
ITIL v3 realizado em muitas organizações. Nesse processo, 
o  Comitê  Consultivo  de  Mudanças  desempenha  um  papel 
muito importante.

Com base no Comitê Consultivo de Mudanças, assinale a 
opção correta.

(A)  É responsabilidade do Comitê Consultivo de Mudanças 

definir, organizar e publicar a Política de Gerenciamento 
de Mudanças. 

(B)  O  Comitê  Consultivo  de  Mudanças  deve  ser  fixo  e 

se  reunir  de  forma  periódica  para  analisar  todas  as 
requisições de mudança.

(C)  Fornecedores  não  devem  fazer  parte  do  Comitê 

Consultivo  de  Mudança,  pois  eles  são  externos  à 
organização.

(D)   É responsabilidade do Comitê Consultivo de Mudanças 

auxiliar o gerente de mudanças na avaliação, priorização 
e agendamento das requisições de mudança.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

10

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 41

Observe a figura abaixo.

De acordo com a figura acima, assinale a opção que apresenta os endereços IP e MAC, de origem e destino, de um 

pacote IP recebido pelo PC B e enviado pelo PC A.

(A)  IP Origem: 10.20.7.1

 

MAC Origem: 1459.1eb2.ac00

 

IP Destino: 10.20.7.10

 

MAC Destino: 1a2b.453d.13ef

(B)  IP Origem: 192.168.10.10

 

MAC Origem: aa00.bb00.5ef4

 

IP Destino: 10.20.7.10

 

MAC Destino: adcb.0111.2acb

(C)  IP Origem: 192.168.10.10

 

MAC Origem: 1459.1eb2.ac00

 

IP Destino: 10.20.7.10

 

MAC Destino: adcb.0111.2acb 

(D)  IP Origem: 192.168.10.1

 

MAC Origem: bbcc.1212.45ac

 

IP Destino: 10.20.7.10

 

MAC Destino: adcb.0111.2acb

Q

UESTÃO

 42

 

Um grande desafio para as entidades que gerenciam 

a internet é a distribuição de endereços IPs válidos, porque 

a  quantidade  de  computadores  ligados  à  internet  cresceu 

exponencialmente, enquanto o protocolo IP tem um número 

fixo  de  IPs  válidos.  Uma  técnica  que  ajudou  a  conectar  a 

enorme quantidade de computadores no mundo à internet 

é a tradução de endereços de rede, também conhecida pela 

sigla inglesa NAT. Essa função é realizada pelo gateway da 

rede, geralmente o firewall ou o roteador.

Sobre  o  funcionamento  do  NAT,  assinale  a  opção 

correta.

(A)  O firewall, ao receber um pacote IP vindo da internet, 

deve  consultar  sua  tabela  de  tradução  de  endereços 

para  identificar  qual  computador  da  rede  iniciou  a 

comunicação. Nessa tabela, estão os IPs e as portas de 

origem e destino.

(B)  Ao realizar uma tradução de endereço, o firewall realiza 

somente a troca dos endereços MAC internos e privados 

para endereços MAC externos.

(C)  Durante  o  processo  de  tradução  de  endereços,  o 

cabeçalho  IP  dos  pacotes  permanece  inalterado, 

permitindo  seu  uso  em  qualquer  rede  baseada  em 

protocolo IP.

(D)  Devido a sua natureza de funcionamento transparente, 

o  NAT  pode  ser  utilizado  em  uma  rede  sem  prejuízo 

para  a  transferência  de  dados  e  é  particularmente 

importante quando utilizada criptografia com IPSec.

Q

UESTÃO

 43

 

Ao  instalar  o  Active  Directory,  alguns  grupos  são 

criados  por  padrão.  Esses  grupos  são  chamados  built-in  e 
têm permissões pré-configuradas para poder desempenhar 
determinadas atividades.

Considerando  os  grupos  built-in  do  Active  Directory, 
assinale a opção INCORRETA.

(A)  O  grupo  Enterprise  Admins  só  existe  no  domínio  raiz 

do  Active  Directory,  todavia  pode  ter  como  membros 
qualquer  conta  de  qualquer  domínio  da  floresta  do 
Active Directory.

(B)  O grupo Schema Admins só existe no domínio raiz do 

Active Directory. Se o Active Directory estiver no modo 
nativo, esse grupo é universal.

(C)  O grupo Server Operators existe em todos os domínios 

e  seus  membros  podem  gerenciar  Controladores  de 
Domínio.

(D)  O  grupo  Account  Operators  tem  permissão  para 

gerenciar as contas e grupos de usuários, incluindo os 
grupos Server Operators e Account Operators.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

11

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 44

Observe a figura abaixo.

De acordo com a numeração (1, 2, 3, 4) apresentada na figura, assinale a opção que completa, respectivamente, as 

lacunas abaixo.

1  –  _________: equipamento de rede que funciona na camada 2 do protocolo IP e realiza a interligação com computadores, 

utilizando uma tabela de endereços MAC para entregar os dados ao destino.

2  –  _________:  equipamento  de  rede  utilizado  no  controle  de  acesso,  liberando  ou  negando  acesso  de  acordo  com  um 

conjunto de regras baseadas em endereços IP e portas.

3  –  _________:  equipamento  de  rede  utilizado  para  monitorar  o  tráfego  da  rede,  capturando  os  dados  e  alertando  o 

administrador de eventos suspeitos.

4  –  _________: equipamento de rede que funciona na camada 3 do protocolo IP e utilizado para interligar uma rede local a 

outras através de links remotos WAN.

Os nomes dos equipamentos numerados são

(A)  1– HUB

 

2– Access Point

 

3– Sniffer

 

4– Modem

(B)  1– Switch

 

2– Firewall

 

3– IDS

 

4– Roteador

(C)  1– Brigde

 

2– Roteador

 

3– Firewall

 

4– Modem

(D)  1– Access Point

 

2– Firewall

 

3– Proxy

 

4– Roteador

Q

UESTÃO

 45

 

Com  a  diminuição  dos  preços  dos  switchs,  eles 

substituíram  os  hubs  como  principal  equipamento  de 

interconexão  de  computadores  em  uma  rede  local.  Os 

switchs utilizam dois métodos para transmitir os pacotes: o 

Cut-through e o Store-and-forward.

Com  relação  aos  dois  métodos  de  funcionamento  dos 

switchs, assinale a opção correta.

(A)  No  método  Store-and-forward,  o  switch  armazena 

cópias  dos  pacotes  transferidos,  para  retransmiti-los, 

se  necessário,  acelerando  assim  as  transferências  de 

rede.

(B)  No  método  cut-through,  a  integridade  do  pacote  é 

verificada antes de transferi-lo para seu destino.

(C)  No método cut-through, o switch inicia a transferência 

do pacote para seu destino antes de ter recebido todo 

o pacote.

 (D) No  método  Store-and-forward,  um  pacote  enviado  é 

sempre armazenado e replicado para todas as portas 

do switch, de forma a garantir a transferência do pacote 

para o destino correto.

Q

UESTÃO

 46

 

O  Application  Pool  é  uma  funcionalidade  importante 

para manutenção e organização do servidor de aplicação da 
Microsoft, o IIS 6.0.

Acerca da configuração e funcionamento do Application 
Pool, é correto afirmar que

(A)  uma  limitação  dessa  funcionalidade  é  que  cada 

Application Pool só pode conter uma única aplicação.

 (B) o  Application  Pool  é  utilizado  para  formar  grupos  de 

aplicações, no qual cada grupo será executado em um 
ou mais processos separados.

 (C) dentro das propriedades do Application Pool, a função 

de Recycling realiza a limpeza dos arquivos temporários 
da aplicação, movendo-os para a lixeira.

(D)  dentro das propriedades do Application Pool, a função 

Rapid-Fail Protection permite a recuperação rápida da 
aplicação em caso de falha.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

12

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 47

 

Considere que a topologia de rede apresentada abaixo utilize o protocolo de roteamento OSPF e que esteja funcionando 

há um tempo suficiente para que todos os roteadores tenham as suas link-state database idênticas e capazes de descrever um 

mapa completo de toda a rede. Considere, ainda, que haja uma falha no link entre os roteadores 1 e 2, impedindo totalmente 

a comunicação por esse canal.

De acordo com o cenário apresentado, julgue os itens abaixo e, em seguida, assinale a opção correta.

I  –  Antes da falha no link entre os Roteadores 1 e 2, havia um loop nas tabelas de roteamento, que prejudicaria a comunicação 

da rede com o Roteador 6.

II  –  O Roteador 2 irá atualizar sua link-state database e enviará pacotes router-LSA, indicando que possui conexão apenas 

com o Roteador 3 e o Roteador 6.

III  –  O Roteador 1 poderá perceber a queda da conexão pelos protocolos da camada 1.

IV  –  Pacotes do tipo OSPF Hello seriam enviados entre os Roteadores 4 e 5 para comunicar a falha do link.

Estão certos apenas os itens

(A)  III e IV. 

(B)  I, II e IV.

(C)  II e III.

(D)  I e III.

Q

UESTÃO

 48

 

Qualquer  entrada  em  um  diretório  OpenLDAP  é 

identificada  de  forma  única  pelo  seu  Distinguished  Name 
(DN),  que  poderia  ser  traduzido  como  Nome  Distinto. 
Considere, então, o cadastro de uma pessoa, armazenado 
em  um  diretório  OpenLDAP,  que  foi  realizado  da  seguinte 
forma:

DC (Domain Component): example.com
OU (Organizational Unit): contabilidade
CN (Canonical Name): Abel

Sobre o cenário exposto, assinale a opção que apresenta 
o  Distinguished  Name  correto  para  o  cadastro  indicado 
no diretório OpenLDAP.

(A)  dn: DC=example,DC=com,OU=contabilidade,CN=Abel
(B)  dn: DC=example,DC=com,CN=Abel,OU=contabilidade
(C)  dn: CN=Abel,OU=contabilidade,DC=example,DC=com 
(D)  dn: DC=com,DC=example,OU=contabilidade,CN=Abel

Q

UESTÃO

 49

 

No  Windows  Server  2003,  discos  rígidos  podem  ser 

gerenciados como discos básicos e discos dinâmicos. 

Com  relação  aos  dos  discos  dinâmicos  e  básicos  no 
Windows Server 2003, assinale a opção correta.

(A)  Ao se converter um disco básico para dinâmico, todos 

os dados são perdidos.

(B)  Os  discos  rígidos  instalados  em  um  servidor  com 

Windows Server 2003 são reconhecidos como dinâmicos 
por padrão.

(C)  Somente  discos  dinâmicos  podem  ser  utilizados  em 

clusters baseados em Windows 2003 server.

(D)  Uma  partição,  em  um  disco  dinâmico,  pode  ser 

estendida, sem perda de dados e sem necessidade de 
formatação.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

13

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 50

 

Quando  se  utiliza  o  servidor  web  Apache,  pode-se 

hospedar  diversos  websites  no  mesmo  computador,  sem 
a  necessidade  de  ter  diversos  endereços  IP  ou  utilizar 
diferentes portas para o serviço.

Assinale  a  opção  que  apresenta  a  funcionalidade  do 
servidor  web  Apache  que  permite  a  hospedagem  de 
múltiplos websites no mesmo computador.

(A)  MOD_DAV
(B)  WebDAV
(C)  Host URL
(D)  Virtual Hosts 

Q

UESTÃO

 51

 

Um  consultor  externo  trabalhou  no  período  de  

1º/5/2010  até  30/8/2010  e  precisava  de  um  acesso 
temporário  a  um  servidor  Linux  nesse  período.  O 
administrador  do  servidor  deveria  criar  uma  conta  para  o 
consultor com data programada para expirar.

Assinale a opção que apresenta o comando correto para 
realizar a operação desejada.

(A)  useradd consultor –e 08/30/2010
(B)  useradd consultor –f 90
(C)  useradd consultor –p 01/05/2010 30/08/2010
(D)  useradd consultor –lock 30/08/2010

Q

UESTÃO

 52

 

O  DHCP  é  um  dos  serviços  de  rede  mais  utilizados 

em um ambiente de rede. Sua popularidade se deve a sua 
capacidade de gerenciar automaticamente a configuração de 
placas de rede de muitos computadores, de forma simples e 
ágil, liberando um enorme trabalho administrativo.

Acerca do serviço DHCP em um servidor Windows Server 
2003, assinale a opção correta.

(A)  Opções definidas na pasta Server Options agem como 

definições padrão para todos os escopos existentes no 
servidor.

(B)  Reservas  de  endereços  IP  em  um  escopo  DHCP  são 

associadas com os hostnames dos computadores.

(C)  Superescopos são escopos que, além de endereços IP, 

fornecem endereços IPX.

(D)  Opções definidas na pasta Server Options sobrescrevem 

as opções definidas nos escopos.

Q

UESTÃO

 53

 

Para que uma comunicação entre dois computadores 

em  uma  rede  baseada  em  TCP/IP  aconteça,  é  necessário 
que  os  computadores  conheçam  o  endereço  físico  MAC 
do  destinatário  ou  do  seu  gateway.  O  protocolo  ARP  foi 
desenvolvido  para  resolver  o  problema  de  descobrir  o 
endereço físico de outros computadores da rede.

Considere o do protocolo ARP, assinale a opção correta.

(A)  O protocolo ARP funciona na camada de enlace da pilha 

TCP/IP.

(B)  O protocolo ARP utiliza o broadcast para transmitir seus 

pacotes.

(C)  O  protocolo  ARP  utiliza  o  endereço  224.0.0.9  de 

multicast para comunicação.

(D)  O  ARP  foi  substituído  pelo  DNS  como  protocolo  de 

resolução de endereço.

Q

UESTÃO

 54

A  respeito  dos  atributos  da  segurança  da  informação, 
assinale  a  opção  que  preenche,  respectivamente,  as 
lacunas abaixo.

 

As  boas  práticas  de  segurança  da  informação  são 

caracterizadas  pelos  atributos  de  confidencialidade, 
integridade e disponibilidade. A ____________ é a garantia 
de que as informações não foram ___________ durante seu 
processamento ou transmissão e de que estão ___________. 
Além  disso,  ______________  nas  informações  só  podem 
ser realizadas por pessoas autorizadas.

A sequência correta é:

(A)  disponibilidade, adulteradas, disponíveis, alterações
(B)  confidencialidade, removidas, divulgadas, atualizações 
(C)  integridade, alteradas, completas, modificações 
(D)  disponibilidade, excluídas, online, inclusões

Q

UESTÃO

 55

 

Considere  uma  rede  baseada  em  TCP/IP  com  52 

computadores. Seu administrador definiu a máscara da rede 
com a seguinte numeração: 255.255.255.192

De acordo com a máscara de rede acima, assinale a opção 
que apresenta o número de bits da máscara com o valor 1.

(A)  21
(B)  24
(C)  22
(D)  26

Q

UESTÃO

 56

 

Uma forma de classificar as transmissões de dados é 

sabendo-se  como  as  informações  são  distribuídas  para  os 
membros  de  uma  rede  de  telecomunicações.  Nesse  caso, 
a  transmissão  pode  acontecer  de  três  maneiras:  Unicast, 
Multicast e Broadcast.

Considerando  esses  modos  de  transmissão  de  dados, 
julgue  os  itens  abaixo  e,  em  seguida,  assinale  a  opção 
correta.

I  –  Uma transmissão broadcast, em uma rede de dados 

ethernet, sempre tem no endereço físico de destino 
todos os bits com o valor 1.

II  –  Uma  transmissão  unicast  é  caracterizada  pela  sua 

direção  única,  onde  o  transmissor  continuamente 
envia sinais e o receptor somente os recebe.

III  –  Uma  transmissão  multicast  é  caracterizada  pelo 

envio de múltiplos sinais simultâneos para um único 
destinatário,  acelerando  muito  a  transmissão  de 
dados.

Está(ão) certo(s) o(s) item(ns)

(A)  I, apenas.
(B)  I e II, apenas.
(C)  II e III, apenas.
(D)  I, II e III.

movens-2010-prefeitura-de-manaus-am-analista-administracao-de-redes-prova.pdf-html.html

Concurso Público da Prefeitura Municipal de Manaus - PMM

14

CARGO 15: ANALISTA MUNICIPAL – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

3 o 8 8 A c

Q

UESTÃO

 57

Acerca  dos  processos  do  ITIL  na  versão  3,  assinale  a 
opção  que  apresenta  o  processo  que  NÃO  faz  parte  do 
grupo de processos Operação de Serviços.

(A)  Gerenciamento de Eventos 
(B)  Gerenciamento da Mudança
(C)  Gerenciamento de Incidentes
(D)  Gerenciamento de Problemas

Q

UESTÃO

 58

Assinale  a  opção  que  preenche,  respectivamente,  as 
lacunas abaixo.

 

A  topologia  do  tipo  _________  é  definida  por 

conexões  onde  todos  os  computadores  estão  ligados  com 
___________. Apesar de ter uma grande tolerância a falhas, 
sua _____________ acarreta  ________________.

A sequência correta é:

(A)  estrela, fibra ótica, configuração, algumas falhas
(B)  anel, um concentrador, simplicidade, muitas falhas
(C)  grafo,  todos  os  computadores,  complexidade,  altos 

custos 

(D)  barramento, a Internet, montagem, novos investimentos

Q

UESTÃO

 59

 

A configuração de Qualidade do Serviço (sigla QoS em 

inglês) permite utilizar de forma mais eficiente os recursos 
de  telecomunicação  de  uma  empresa,  garantindo  que  a 
capacidade  necessária  para  os  serviços  mais  importantes 
esteja sempre disponível.

Acerca  da  tecnologia  de  Qualidade  do  Serviço  e  seus 
parâmetros  de  funcionamento,  assinale  a  opção 
INCORRETA.

(A)  Retardo  para  a  liberação  da  conexão  define  o  tempo 

entre  o  início  da  solicitação  de  transmissão  e  a 
transmissão em si.

(B)  Throughput trata da quantidade de bytes transferidos 

por segundo no canal de comunicação.

(C)  Retardo de Trânsito define o tempo que o pacote leva 

para percorrer da origem até o destino.

(D)  Prioridade garante que os serviços de maior prioridade 

sejam servidos antes que os de menor prioridade.

Q

UESTÃO

 60

 

Em  uma  VPN  baseada  no  protocolo  IPSec,  existem 

as  funcionalidades  de  autenticação  e  criptografia  dos 
pacotes de dados. Isso permite dar grande segurança aos 
dados, permitindo legitimar a origem dos dados e evitar o 
vazamento das informações durante sua transmissão. 

Com  relação  aos  mecanismos  Authentication  Header 
(AH)  e  Encapsulating  Security  Payload  (ESP)  utilizados 
em VPNs baseadas no protocolo IPSec, assinale a opção 
correta.

(A)  O  mecanismo  Authentication  Header  provê  proteção 

contra  leitura  não  autorizada  de  informação,  pois  ele 
criptografa os dados da transmissão.

(B)  Tanto  o  mecanismo  Authentication  Header  como  o 

Encapsulating  Security  Payload  possuem  funciona-
lidades de autenticação, podendo, inclusive, ser usados 
ao mesmo tempo sem incompatibilidades.

 (C) Apesar de o IPSec fornecer proteção contra leitura das 

informações  e  garantir  a  origem  da  transmissão,  o 
protocolo é vulnerável contra ataques de replay.

(D)  O mecanismo Encapsulating Security Payload não possui 

meios  de  garantia  da  integridade  das  informações, 
somente sobre sua confidencialidade.