Prova Concurso - Arquitetura - 2013-TRT-8-REGIAO-PA-E-AP-ANALISTA-JUDICIARIO-ARQUITETURA - CESPE - TRT - 2013

Prova - Arquitetura - 2013-TRT-8-REGIAO-PA-E-AP-ANALISTA-JUDICIARIO-ARQUITETURA - CESPE - TRT - 2013

Detalhes

Profissão: Arquitetura
Cargo: 2013-TRT-8-REGIAO-PA-E-AP-ANALISTA-JUDICIARIO-ARQUITETURA
Órgão: TRT
Banca: CESPE
Ano: 2013
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

ARQUITETOEBSERH2018
ESPECIALISTA-PORTUARIO-ARQUITETURAEMAP2018
ARQUITETOPREFEITURA2018

Gabarito

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-gabarito.pdf-html.html

 

PODER JUDICIÁRIO

 

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO – TRT 8ª REGIÃO

 

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA

NOS CARGOS DE ANALISTA JUDICIÁRIO E DE TÉCNICO JUDICIÁRIO - C-332

Aplicação: 15/9/2013

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

C

C

A

C

B

E

D

E

D

E

D

D

C

B

A

A

D

B

D

E

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

C

A

C

E

C

E

C

D

C

E

E

C

C

B

B

C

A

B

B

B

41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

D

B

A

E

E

E

D

D

E

D

E

E

A

C

B

E

D

A

B

B

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

0

Gabarito

Questão

Gabarito

Questão

Gabarito

0

GABARITOS OFICIAIS PRELIMINARES

0

TRT8R13_002_08

Questão

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

0

Prova

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

Nas questões de 1 a 60, marque, para cada uma, a única opção correta, de acordo com o respectivo comando. Para as devidas marcações,
use a Folha de Respostas, único documento válido para a correção da sua prova.

PROVA OBJETIVA

QUESTÃO 1

 

 

3

2

1

O croqui acima representa o projeto do complexo arquitetônico de

São Pedro, no Vaticano, com seus vários períodos urbanos. Com

base nesse croqui, assinale a opção na qual há a correta associação

numérica entre a estrutura correspondente à intervenção do período

maneirista italiano e o seu autor

A

1 – praça de São Pedro; Bernini

B

3 – cúpula; Michelângelo

C

2 – basílica; Carlo Maderno

D

1 – praça de São Pedro; Borromini

E

2 – basílica; Michelângelo

QUESTÃO 2

Durante o período do Barroco Romano, que ocorreu no pontificado

de Nicolau V, promoveu-se o esplendor exuberante da arquitetura,

juntamente com os grandes eixos urbanos monumentais. Entre os

arquitetos que contribuíram para esse acontecimento, incluem-se

A

Palladio e Borromini.

B

Bernini e Bruneleschi.

C

Bernini e Borromini.

D

Rafael Sanzio e Leonardo da Vinci.

E

Alberti e Vitruvius.

QUESTÃO 3

Em 1931, na Carta de Atenas, foram traçadas diretrizes e fórmulas

para o conceito de urbanismo moderno, que apresentaram como

referência 

A

a separação das atividades urbanas do habitar, circular,

trabalhar e divertir.

B

as conquistas do novo estado operário e as perspectivas abertas

pela industrialização.

C

determinadas práticas, como a deriva, a psicogeografia e as

perambulações ao acaso pela cidade.

D

o projeto do arquiteto japonês Kenzo Tange para a Baía de

Tóquio.

E

a alta tecnologia (high tech) como forma de expressão.

QUESTÃO 4

Villa Savoye. InJosé Baltanás. Walking Through Le Corbusier.

Assinale a opção em que é apresentada uma descrição adequada da

Villa Savoye, que foi projetada, em 1928, por Le Corbusier.

A

Na Villa Savoye, a arte da subtração e a extrema simplicidade

da aparência permitem a percepção da beleza pura dos

volumes. Os pilares foram transferidos para o exterior, a fim de

conferir flexibilidade ao espaço interno.

B

Na Villa Savoye, o volume é rigorosamente cúbico, visto que,

nessa estrutura, escavaram-se os espaços abertos da moradia. 

C

A casa foi implantada no centro do terreno, como um contêiner

alto, com vista para o exterior. Desse modo, observa-se o

grande contraste entre natureza e espaço construído. 

D

A forma exterior do edifício é o arquétipo de uma casa. A

cobertura é fortemente inclinada, o que recorda um desenho

infantil.

E

A fusão da Villa Savoye com a paisagem é total, visto que,

apesar do extenso uso de vidros horizontais, a natureza

permeia toda a estrutura.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 1 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 5

Assinale a opção em que é apresentada a planta baixa do croqui
proposto acima. 

A

B

C

D

E

QUESTÃO 6

O levantamento de um projeto de edificação é definido como uma
etapa técnica destinada

A

à concepção e à representação das informações técnicas dos
elementos da edificação.

B

à concepção e à representação do conjunto de informações
técnicas iniciais necessárias ao entendimento da configuração
da edificação.

C

à elaboração de análise, à avaliação para a seleção e à
recomendação de alternativas para a concepção da edificação.

D

à determinação das exigências de caráter prescritivo ou de
desempenho relacionadas às necessidades e às expectativas dos
usuários.

E

à coleta de informações e referências, que representam as
condições preexistentes de interesse para instrução sobre a
elaboração do projeto.

QUESTÃO 7

Assinale a opção que corresponde à projeção referente à visada
indicada na peça acima.

A

B

C

D

E

QUESTÃO 8

No sistema de representação em perspectiva, a linha do horizonte
é definida como 

A

a interseção entre o plano de projeção e o plano de base.

B

a linha perpendicular ao plano de base.

C

a interseção entre as linhas de projeção e plano de projeção.

D

a interseção entre o cone de visão e o plano de projeção.

E

o lugar geométrico dos pontos de fuga.

QUESTÃO 9

No que se refere aos recursos operacionais do sketchup, é correto
afirmar que a ferramenta

A

zoon desloca lateralmente o observador em relação ao projeto.

B

measure aproxima e afasta o observador do centro da tela.

C

offset move linhas, faces ou objetos inteiros.

D

place model exporta seu projeto no formato Google Earth.

E

rotate faz o observador orbitar (girar em todas as direções) em
volta do centro dos eixos de orientação.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 2 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 10

A respeito dos conceitos e procedimentos da escala em desenho
arquitetônico, assinale a opção correta. 

A

A escala natural é a representação do objeto ou elemento na
escala 1:100.

B

A escala 1:50 equivale a 1 metro dividido por 100 vezes.

C

Quando houver o uso de mais de uma escala na folha para
desenho, as escalas devem ser indicadas na legenda.

D

A escala de redução representa o objeto ou elemento maior que
sua verdadeira grandeza.

E

Escala é a relação linear de um objeto ou elemento
representado no desenho para a dimensão real desse objeto ou
elemento.

QUESTÃO 11

Acerca do planejamento urbano e de suas etapas, assinale a opção
correta.

A

O planejamento urbano pressupõe ainda das etapas de
zoneamento econômico-ecológico e projeto urbano,
obedecendo às instruções normativas pertinentes.

B

Na etapa de formação da equipe, devem-se buscar profissionais
das mais diversas áreas, devendo-se deixar a participação
popular para uma etapa posterior, chamada de consulta
pública.

C

A realização de estudos prévios depende do levantamento de
dados primários que visam à compreensão dos aspectos do
meio físico, ecossistêmicos e socioeconômicos, bem como
históricos e culturais para embasar o planejamento.

D

A participação popular ocorre de diferentes maneiras, com o
envolvimento dos grupos focais, dos grupos de trabalho, das
audiências públicas, além do conselho deliberativo.

E

A participação popular no planejamento urbano se estabelece
por meio do fórum permanente de delegados, que é formado
por representantes eleitos pela população por meio de
delegados sindicais.

QUESTÃO 12

O uso do solo pode ser compreendido como um conjunto de
processos de apropriação, produção e reprodução de atividades que
uma sociedade desempenha sobre o espaço geográfico e deve ser
ordenado territorialmente. A respeito desse tema, assinale a opção
correta.

A

Segundo a regulamentação legal, o parcelamento de solo
urbano poderá ocorrer mediante três modalidades: loteamento,
agregação e desmembramento.

B

As áreas de uso comum são constituídas por área institucional,
área de arruamento, reserva legal e área verde.

C

Em áreas urbanas, o parcelamento do solo, para fins de
expansão urbana e rural ou de urbanização específica, deverá
ser previsto no plano diretor ou em lei municipal.

D

O uso do solo representa a combinação de um tipo de uso com
um tipo de assentamento.

E

As categorias de uso do solo são reguladas e controladas por
meio de leis de zoneamento ecológico-econômico.

QUESTÃO 13

Os estudos de impacto ambiental e relatório de impacto ambiental
visam avaliar as consequências de um projeto sobre os diversos
componentes ambientais. Acerca dos instrumentos de política
ambiental e suas relações com o planejamento urbano, assinale a
opção correta.

A

O diagnóstico dos elementos ambientais em EIA/RIMA é
realizado destacando os meios físico e ecossistêmico.

B

As licenças de instalação e de operação são exigidas para
projetos de parcelamento do uso do solo. Não se exige licença
prévia.

C

A fase de prognóstico de um EIA/RIMA é obtida na análise
dos impactos ambientais.

D

Medidas mitigadoras são exigidas para os impactos anteriores
à instalação do empreendimento. 

E

Nos termos de referência, são definidas as áreas de influência
dos empreendimentos, devendo constar obrigatoriamente a
área de influência direta, indireta e os impactos integrados na
bacia.

QUESTÃO 14

O Estatuto da Cidade foi bastante inovador ao propor a criação de
uma nova modalidade de usucapião, o coletivo. Um dos requisitos
para efetivar o usucapião coletivo é que

A

a posse da área pleiteada seja ininterrupta pelo prazo superior
a dez anos.

B

o usucapiente more efetivamente no local, sozinho ou com a
família.

C

a área ocupada pelas pessoas tenha mais de cento e cinquenta
metros quadrados.

D

a área seja ocupada por população de média e de baixa renda.

E

a área seja ocupada exclusivamente para uso residencial do
usucapiente e sua família.

QUESTÃO 15

O planejamento de uma cidade preconiza a distribuição
espacialmente equilibrada dos seus equipamentos comunitários;
assim, suas localizações devem seguir critérios de acessibilidade
com base na influência do equipamento para atender a comunidade.
A respeito desse assunto, assinale a opção correta.

A

Nos parques do tipo praças de vizinhança, deve-se indicar os
locais para o mobiliário urbano, sendo esse composto por
bancos, lixeiras, postes de iluminação e postes de sinalização;
devendo ter um mobiliário urbano para cada 10.000 habitantes,
com área mínima de 6.000 m².

B

O dimensionamento de um posto de saúde deve apresentar raio
de influência máxima superior a 5.000 metros, com área
mínima de 360 m². A cada 3.000 habitantes, deve haver uma
unidade de posto de saúde. 

C

Para um posto policial, deve-se buscar áreas de, no mínimo,
900 m², que sejam de fácil acesso, próximas a centros de
ensino infantil, creches e residências e com raio de influência
máximo de 2.000 m. 

D

Existe relação inversa entre o raio de influência máxima de um
equipamento comunitário de educação e a idade dos
estudantes.

E

Um batalhão de incêndio deve ser instalado em uma área
externa do tecido urbano, para facilitar o deslocamento a toda
a região. A cada 10.000 habitantes, deve haver uma unidade de
batalhão de incêndio.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 3 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 16

No que se refere ao sistema de infraestrutura urbana que garante as

condições adequadas de transporte, saúde, comunicação, educação

e segurança, assinale a opção correta. 

A

O subsistema de drenagem pluvial visa promover o

escoamento eficiente das águas pluviais que precipitam sob

áreas urbanas, mantendo o deslocamento do trânsito e a

proteção das edificações, além de evitar os efeitos danosos das

inundações.

B

O subsistema energético visa suprir a população urbana de

energia elétrica e dar suporte ao subsistema de comunicações

por meio de cabos e fios.

C

A integração dos subsistemas de transporte e a infraestrutura

de comunicação garantem acesso e deslocamento rápido e fácil

da população, sendo meta de planejamento em todos os

grandes centros urbanos no mundo.

D

Os subsistemas de segurança pública nas principais regiões

metropolitanas brasileiras são garantidos pela atuação das

diversas polícias sob responsabilidade do governo estadual, à

exceção da polícia federal, que é responsabilidade do governo

federal.

E

A rede telefônica e a de televisão a cabo, bem como os

serviços de correios e de divulgação de mídia impressa,

compõem o subsistema de comunicações, sendo que seu

cabeamento e fios pertencem ao subsistema energético.

QUESTÃO 17

A respeito dos subsistemas viário e de drenagem, assinale a opção

correta.

A

As vias coletoras ligam vias locais de setores ou bairros com

as arteriais e servem também ao tráfego de veículos de

transporte coletivo. 

B

As vias locais são utilizadas tanto por veículos como por

transeunte, ou seja, apresentam utilização exclusiva.

C

Quanto mais adensada for a área servida pela rede de

circulação, menor será o coeficiente de escoamento adotado no

método racional de determinação da vazão máxima de projeto

de drenagem.

D

As vias expressas são de alta velocidade, unidirecionais, não

possuem cruzamentos e podem ter também mais de duas pistas

de rolamento e acostamento. Esse tipo de via não é indicada

para tráfego de pedestres.

E

As vias arteriais são geralmente denominadas avenidas e

interligam áreas distantes em pistas bidirecionais.

QUESTÃO 18

Os subsistemas de abastecimento de água partem da captação para

depois tratar e distribuir a água. A respeito desse subsistema,

assinale a opção correta.

A

A captação por meio de poço escavado é realizada em

escavação cilíndrica, com profundidade média de 10 metros,

visando a captação água do lençol freático.

B

Para captar a água da chuva, é necessária uma área

relativamente grande para que seu aproveitamento seja

satisfatório, sendo que, na maioria dos casos, utiliza-se a área

do telhado.

C

Para o dimensionamento da capacidade de um reservatório de

cisterna, basta que se leve em conta o consumo e o volume

anual captado, sendo esse cálculo adotado pelo governo federal

para abastecimento no semiárido.

D

O dimensionamento da rede externa de um sistema de

distribuição de água para vários prédios com reservatórios

próprios deve atender instantaneamente às demandas dos

aparelhos sanitários. 

E

A captação de fontes de encosta pressupõe a utilização de

caixas adutoras que se destinam à proteção da água nos seus

pontos de afloramento.

QUESTÃO 19

Para a obtenção de mapas, é necessário que haja a projeção da

superfície real ou física em formas geométricas, sendo que alguns

ajustes prévios são necessários para que se possa fazer a projeção

cartográfica. Acerca das noções de cartografia, assinale a opção

correta.

A

A escala cartográfica é uma relação de proporcionalidade

existente entre a dimensão real e a dimensão gráfica, expressa

em centímetros.

B

O geoide é a forma da Terra que, por ser definida como

achatada nos polos e mais larga no equador, apresenta o

formato de uma elipse.

C

Por ser irregular, a superfície física da Terra tem de ser

suavizada por meio do elipsoide de rotação e depois deve-se

fazer regularização geométrica por meio do geoide.

D

Ondulação ou altura geoidal é a distância ou o espaçamento

existente entre o geoide e o elipsoide, obtido sob a normal ao

elipsoide.

E

O datum horizontal do Sistema Geodésico Brasileiro é a

estação maregráfica do Porto de Imbituba em Santa Catarina.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 4 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 20

Sustentabilidade urbana busca a harmonia da sociedade com o meio
ambiente no âmbito das cidades. A respeito desse tema, assinale a
opção correta.

A

A criação de ciclovias, coleta seletiva, plantio direto,
transporte solidário são exemplos de alternativas que visam
atingir a harmonia ambiental e social nas cidades.

B

Como exemplo de sustentabilidade urbana, alguns aterros
sanitários próximos aos centros urbanos têm sido utilizados
para geração de energia elétrica a partir da queima do biogás
ou dióxido de carbono produzido pela decomposição do lixo.

C

A utilização de verde urbano como indicador de qualidade
ambiental urbana deve se basear na quantidade de vegetação
existente em todo o município, em relação à área construída.

D

Os domos urbanos de CO

2

 são decorrentes do calor emitido

pelos materiais empregados na construção civil, estando
concentrados no centro da cidade e reduzindo-se à medida que
se desloca para as áreas periféricas.

E

Assentamentos humanos equitativos são aqueles nos quais
todas as pessoas, sem qualquer tipo de distinção, têm acesso
igual à moradia, infraestrutura, serviços de saúde, água e
alimentação adequadas, educação e espaços abertos.

QUESTÃO 21

Figura I 

Áreas reservadas para cadeiras

de rodas junto às escadas

largura da escada

A

X

Y

Figura II

As imagens acima, extraídas da NBR 9050, ilustram o espaço
reservado para cadeiras de rodas (M.R.) em áreas de resgate
localizadas em rotas de fuga. Com base nessas informações e
considerando que a largura útil da escada seja de 1,20 m, assinale
a opção correta.

A

As ilustrações mostradas na figura I sinalizam a rota de fuga
para usuários de cadeira de rodas.

B

Na figura II, os elementos especificados com a letra A
constituem a sinalização tátil direcional e destinam-se a
deficientes visuais.

C

Na figura II, A medida X é igual a 3,20 m.

D

A medida Y, na figura II, é igual a 2,40 m.

E

O retângulo com as medidas do M.R., na figura II, deve ser
demarcado no piso; os símbolos ilustrados na figura I devem
ser aplicados na parede oposta à demarcação.

QUESTÃO 22

A construção e a transformação das paisagens é um longo

processo cultural que reflete os valores das sociedades que as criam

e que delas usufruem. No Brasil, o paisagismo se constituiu

inicialmente sob influência da colonização portuguesa, com duas

características básicas: a exploração predatória da paisagem e a dos

recursos naturais. Entre o século XIX e o início do século XX,

importaram-se modelos paisagísticos embasados no modelo de

cultura francês, tendo exercido grande influência nesse momento o

paisagista francês Auguste Marie François Glaziou, que implantou

vários jardins e parques públicos na cidade do Rio de Janeiro.

Nesse contexto, surge o trabalho de Roberto Burle Marx, que, como

paisagista, trouxe uma proposta de valorização da cultura nacional.

Lúcia Maria S. A. Costa. Burle Marx e o Paisagismo no Brasil Contemporâneo.

In:  Revista Municipal de Engenharia. jan.-mar./1949 (com adaptações). 

Tendo como referência o texto acima e considerando os múltiplos

aspectos a ele relacionados, assinale a opção correta.

A

Para Burle Marx, o desenho de um jardim é, principalmente,

uma reintegração estética dos elementos da paisagem

envolvente.

B

Os primeiros jardins e parques públicos implantados no Rio de

Janeiro foram criticados pela exploração predatória da

paisagem e dos recursos naturais.

C

O paisagismo de François Glaziou tinha como premissa a

valorização da paisagem tropical.

D

A grande inovação de Burle Marx em paisagismo foi utilizar

plantas nativas, seguindo uma estética ligada ao Renascimento.

E

Burle Marx é considerado modernista devido ao constante uso

de linhas retas em seus jardins.

QUESTÃO 23

Uma aglomeração urbana não apresenta, necessariamente, as

mesmas condições climáticas relativas ao macroclima regional no

qual está inserida. Considerando que as alterações climáticas são

provocadas por diversos fatores, assinale a opção correta.

A

As massas de edificações contribuem para baixar as

temperaturas localizadas devido ao sombreamento que

provocam.

B

Durante a noite, as áreas próximas ao oceano recebem uma

brisa no sentido mar - terra, resultante do movimento do ar da

região mais fria para a mais quente.

C

Um relevo acidentado pode modificar as condições de umidade

e de temperatura do ar em relação à escala regional.

D

Solos pouco úmidos, que se aquecem depressa durante o dia,

à noite dissipam rapidamente o calor armazenado, provocando

baixa amplitude térmica diária.

E

As ilhas de calor são ocasionadas pelas partículas sólidas em

suspensão, decorrentes da poluição do ar.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 5 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 24

Um dos critérios utilizados para que um programa seja

considerado complexo é a necessidade da existência de circulações

e áreas restritas na edificação. Diante disso, considere as seguintes

informações.

I

O programa de um aeroporto não abrange as funções restritas

por medida de segurança do pátio de manobras. Em sua

essência, ele considera apenas quatro funções básicas:

embarque, desembarque, lado ar e lado terra.

II

Algumas categorias de usuários de hospital são: paciente

externo transportado (paciente de emergência), que chega ou

parte de automóvel ou ambulância; paciente interno; visita ao

paciente internado; paciente externo de ambulatório.

III Outras categorias de usuários e(ou) funções de hospital são:

funcionários (médicos e enfermeiros); demais funcionários;

fornecedores e vendedores; remoção de resíduos.

Com base nessas informações, assinale a opção correta.

A

A circulação da categoria paciente interno, citada na afirmativa

II, é restrita.

B

Todas as categorias citadas na afirmativa III são de circulação

restrita.

C

Conforme o critério de restrição de circulações, a essência do

programa de um aeroporto, explicitada na afirmativa I, permite

classificar o aeroporto como um programa simples (não

complexo).

D

Uma habitação é considerada de pequeno porte se comparada

a um aeroporto. Mas, caso possua uma grande área com quarto

e banheiro de serviço contíguos, a habitação será considerada

um programa complexo, de acordo com o critério de restrição

de circulações.

E

No que diz respeito ao porte, um hospital pode ser classificado

como pequeno, médio, grande e especial, sendo o nível de

complexidade do programa diretamente proporcional ao

tamanho e ao grau de sofisticação tecnológica do

empreendimento.

QUESTÃO 25

A ordenação modular e a racionalização efetivam-se

principalmente pela adoção de uma medida de referência, chamada
módulo, que é a base de todos os elementos constituintes do objeto
a ser confeccionado.

Igor de Góes Tavares. Modulação no projeto arquitetônico de
estabelecimentos assistenciais de saúde
. Internet: <www.bvsms.saude.gov.br>

Tendo o texto acima como referência inicial e considerando que a
NBR 15.873:2010, que trata da coordenação modular para
edificações, especifica como padrão a medida de 100 mm para
módulos básicos, assinale a opção correta a respeito da modulação
e da racionalização da construção.

A

Considere a seguinte situação hipotética.
As vigas principais de uma malha estrutural de
3,75 m × 10,00 m, lançada sobre a malha de vedação de
1,25 m × 1,25 m vencem vãos de 10,00 m, e as nervuras
secundárias vencem vãos de 3,75 m. Nessa situação, um
volume possível gerado por esses módulos deverá medir, na
planta, 20,00 m × 39,25 m.

B

As vagas de garagem oferecem boa referência para a
modulação de uma edificação que nasce do subsolo.
O submúltiplo de suas medidas de 2,50 m x 5,00 m gera uma
malha quadrada de 1,25 m, que, além de ser muito prática para
dimensionar ambientes, atende à norma.

C

Aço, concreto e madeira são materiais adequados à
racionalização e à pré-moldagem.

D

Extensibilidade consiste na adequação da edificação a
mudanças de programa, sem que sejam alteradas as dimensões
da planta modular.

E

A flexibilidade, possível a partir da coordenação modular, é a
capacidade de, em uma edificação, serem gerados espaços
flexíveis nos quais as reformas são mais onerosas e os custos
iniciais são menores.

QUESTÃO 26

A respeito de conforto térmico, assinale a opção correta. 

A

Em climas secos (desérticos ou semidesérticos), em que a
temperatura é elevada, o uso de pouca roupa garante condições
mais confortáveis para os indivíduos.

B

Temperatura basal, temperatura radiante média, umidade
relativa e velocidade do ar são parâmetros de conforto térmico
referentes ao ambiente em que o indivíduo se encontra.

C

A ventilação ajuda a remover, por condução, o calor gerado
pelo corpo. Ao retirar o ar saturado próximo da pele, o
movimento do ar facilita a evaporação do suor e o resfriamento
do corpo.

D

É possível avaliar a condição de conforto térmico de um
ambiente por meio da temperatura efetiva (te), em °C,
calculada em função, exclusivamente, da temperatura de bulbo
seco.

E

A sensação de bem-estar ou de conforto térmico pressupõe que
o resultado das trocas de calor entre o corpo humano e o
ambiente obedeça à relação M ± C ± R ± Cv 

! E = 0, em que

M é o metabolismo, C, a condução de calor, R, a radiação,
Cv, a convecção e E, a evaporação. 

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 6 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 27

A concepção do projeto arquitetônico de auditórios inicia-

se com o estudo da volumetria e da geometria. O formato do
auditório é considerado um dos itens mais importantes do projeto
e está relacionado à qualidade acústica da sala e à visibilidade do
palco. O volume do auditório deve ser decidido em proporção à
intensidade sonora que será gerada no ambiente.

Carolina Soler et al.  Conforto em auditórios: proposta
de procedimento para o projeto
Maceió: Encac/Elacac, 2005.

Tendo como referência inicial o texto acima, assinale a opção
correta acerca de projetos de auditório.

A

O piso escalonado, ainda que melhore a visibilidade, reduz o
raio sonoro, o que diminui a energia sonora recebida pela
plateia. 

B

O volume de um auditório para música deve ser maior do que
o de um auditório destinado apenas para palestras.
Considerando que, em um auditório, a área de cada assento
varie de 0,55 m

2

 a 0,70 m

2

, e o volume de cada assento, de

2,0 m

3

 a 5,0 m

3

, é correto afirmar que o volume de um

auditório a ser utilizado para concertos de música de câmara,
com capacidade para 300 pessoas, deve ser de
aproximadamente 210 m

3

.

C

Na figura abaixo, se as superfícies mais próximas ao palco —
1 e 2 — forem reflexivas — para que o som possa chegar às
últimas fileiras — e a superfície atrás da plateia — 4 — for
absorvente, o revestimento das superfícies indicadas na figura
pelo número 3 dependerá da necessidade de controlar o tempo
de reverberação do som.

M. Mehta, J. Johnson, J. Rocafort. Recomendações gerais para as superfícies do auditório.
InArchitectural Acoustics: principles and design. New Jersey: Courier Kendallville Inc., 1999.

D

Para garantir uma boa visibilidade em auditórios, a dimensão
x — mostrada na figura abaixo, que ilustra as dimensões da
linha de visibilidade entre fileiras de poltronas em auditórios
— deve ser igual a 10 cm.

1.

05-

1.

16 m

0.9-1.0 m

E

De acordo com a tabela abaixo, é correto afirmar que, em um
auditório adequado a espetáculos de mímicas, a largura deve
ser de 20 m, e o comprimento, de 30 m.

visibilidade dos elementos de

comunicação

distância máxima

(m)

expressões faciais

12

gestos

20

movimentos corporais maiores

30

Johnson Mehta e Rocafort. Relação entre a distância
máxima (visibilidade) e as expressões humanas
, 1999.

QUESTÃO 28

II

I

600 VA

600 VA

5.400 VA

Figura I - instalação elétrica de um apartamento

200 VA

SALA

COZ

200 VA

140 VA

6

0

0

 V

A

III

V

VI

IV

VII

Figura II - ligações de esgoto com ralo sifonado

bidê

lavatório

ralo

banheira

ralo sifonado

Com base nas figuras I e II acima, assinale a opção correta a
respeito das instalações elétricas e hidrossanitárias.

A

Na figura I, II representa uma tomada alta.

B

Na figura I, a previsão de cargas na sala é de 800 VA e, na
cozinha, de 5.300 VA. 

C

As especificações marcadas com V e VI, na figura II,
correspondem, respectivamente, ao tubo de queda e ao esgoto
secundário.

D

As especificações marcadas com III, IV e VII, na figura II,
correspondem, respectivamente, à coluna de ventilação, ao
ramal de ventilação e aos ramais de descarga.

E

Na figura I, I representa um interruptor a média altura. 

QUESTÃO 29

Na figura acima, é apresentado detalhe de uma calha para águas
pluviais, com as especificações numeradas de I a VI. De acordo
com a figura, assinale a opção que estabelece a correta relação entre
o algarismo romano e a descrição da estrutura. 

A

III ― telha trapezoidal.

B

IV― treliça confeccionada com tubos metálicos h = 1,00 m.

C

V ― pilar de concreto.

D

I ― calha de chapa 

 18 galvanizada de 25 cm x 30 cm.

E

II ― terça: perfil C dobrado a frio de 10 cm x 20 cm a cada
5,00 m.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 7 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 30

Figura I

Figura II

Com base nas figuras acima, assinale a opção correta.

A

De acordo com a NBR 9.077:2001, o lanço mínimo de escadas
deve ser de cinco degraus e o lanço máximo entre dois
patamares consecutivos não deve ultrapassar 2,10 m de altura.

B

Conforme a NBR 9.077:2001, a largura das escadas deve ser
diretamente proporcional à área da edificação, salvo quando
houver recomendação municipal específica.

C

A parte da escada assinalada com o número 2, na figura I,
corresponde à saliência do piso sobre o espelho, ou seja, ao
bocel.

D

Sabendo-se que a altura do pé-direito de uma edificação é igual
a 2,70 m e que a espessura acabada da laje do piso superior é
igual a 0,18 m, é correto afirmar que, aplicando-se a fórmula
de Blondel para a construção de uma escada de 18 degraus
nessa edificação, o valor de y, mostrado na figura I, será igual
a 0,17 m.

E

Considerando que uma escada de n espelhos possui n – 1
pisos, a distância d, mostrada na figura II, será igual ao
produto da largura do piso encontrado pelo número de
espelhos menos 1.

QUESTÃO 31

Existem diversos elementos que devem ser levados em
consideração na fase de planejamento de um canteiro de obras e seu
arranjo físico. Se o arranjo não for bem analisado, pode gerar
padrões de fluxo excessivamente longos, operações sem
flexibilidade e, consequentemente, acréscimo de tempo e custo.
Assinale a opção em que se apresenta o arranjo físico de canteiro
mais adequado com relação às obras.

A

por processo

B

celular

C

por produto

D

funcional

E

posicional

QUESTÃO 32

Assinale a opção em que se apresentam atividades que podem ser
exercidas por arquitetos.

A

perícia e consultoria em transmissão, distribuição e utilização
de energia elétrica

B

fiscalização e controle de qualidade em obras de barragens e
diques

C

estudo de viabilidade técnica e orçamentação de edificações

D

projeto e execução de obras rodoviárias

E

projeto de instalações industriais e execução de obras
rodoviárias

QUESTÃO 33

 

1

2

4

3

5

A figura acima representa uma rede PERT-CPM de um projeto, no
qual as atividades A, B, C e D possuem a mesma duração de
cinco dias, e a atividade E tem uma duração de quatro dias. O
cronograma foi elaborado considerando-se que as atividades devem
começar o mais cedo possível. Com base nessas informações,
assinale a opção correta.

A

As atividades B e E são críticas.

B

A seta tracejada representa uma atividade recorrente.

C

O projeto possui dois caminhos críticos.

D

A atividade E é a última prevista a ser concluída.

E

A duração do projeto é de nove dias.

QUESTÃO 34

Uma obra foi orçada em um milhão de reais, tendo sido adotadas
bonificações e despesas indiretas (BDI) de 25% e tendo sido
considerados a administração local, administração central e os
impostos diretos como custos indiretos. A respeito do orçamento
dessa obra, assinale a opção correta. 

A

O lucro previsto é de 25%.

B

O preço de cada serviço é calculado, multiplicando-se o
respectivo custo direto por 1,25.

C

O valor do BDI é de R$ 250.000,00.

D

Se a administração local passar a ser custo direto, o valor da
obra diminui.

E

Os valores da administração local, da administração central e
dos impostos totalizam 25%.

RASCUNHO

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 8 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 35

Na execução de uma obra, os equipamentos de proteção individual
(EPI) e coletivo (EPC) são indispensáveis para garantir a
integridade física dos trabalhadores. Com referência à segurança no
trabalho, assinale a opção correta. 

A

É atribuição do empregado substituir o EPI extraviado ou
danificado.

B

É atribuição do empregador selecionar o EPI adequado, desde
que não haja obrigação de se constituir o serviço especializado
em engenharia de segurança e em medicina do trabalho
(SESMET).

C

O cinturão de segurança, por ser de uso rotativo, é considerado
equipamento de proteção coletiva. 

D

É obrigação do empregado adquirir o EPI quando a atividade
o exigir, devendo o empregador antecipar o salário para que o
funcionário efetue a compra.

E

O empregador deve recomendar, mas não pode exigir que o
funcionário faça uso do EPI.

QUESTÃO 36

Constitui uma atribuição da fiscalização durante a execução de uma
obra

A

participar como coautor pela responsabilidade técnica da
execução.

B

atender prontamente às determinações do engenheiro executor.

C

esclarecer ao contratado qualquer incoerência verificada nos
projetos apresentados pela contratante.

D

determinar a contratação de mais profissionais para a
conclusão da obra.

E

alterar o projeto sem o conhecimento do projetista.

QUESTÃO 37

A parcela do custo-horário relacionada à perda de valor do
equipamento decorrente de uso ou obsolescência é denominada

A

depreciação.

B

operação.

C

recuperação.

D

juros.

E

manutenção. 

QUESTÃO 38

Durante a avaliação de um imóvel, foi constatada uma rachadura na
parede, gerada por recalque de fundação, com risco de desabamento
e ameaça aos moradores. Ao se verificar o projeto, observou-se que
o projetista havia falhado no dimensionamento das sapatas. Essa
situação representa

A

um estado de conservação.

B

um defeito construtivo.

C

um padrão construtivo.

D

um vício de utilização.

E

uma depreciação física.

QUESTÃO 39

De acordo com a norma regulamentadora NR-18, do Ministério do

Trabalho e Emprego, em relação ao programa de condições e meio

ambiente de trabalho na indústria da construção (PCMAT), assinale

a opção correta.

A

Por não ser uma atividade fim de engenharia, o PCMAT pode

ser elaborado por qualquer profissional de nível superior,

desde que seja membro do quadro efetivo da empresa

construtora e aceito pelo sindicato.

B

O leiaute do canteiro de obras e o dimensionamento das áreas

de vivência integram o PCMAT.

C

A elaboração e o cumprimento do PCMAT são obrigatórios

em quaisquer obras, independentemente do número de

trabalhadores.

D

Nos estabelecimentos que adotam o PCMAT, é desnecessária

a aplicação da norma regulamentadora que trata do programa

de prevenção e riscos ambientais.

E

Cabe ao Sindicato da Indústria da Construção a execução do

PCMAT nos canteiros de obras.

QUESTÃO 40

Com relação a orçamentação de obras, assinale a opção correta.

A

Para compensar os encargos sociais, o custo-horário de mão-

de-obra considera 24 horas de trabalho diário.

B

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é

considerado um encargo social tanto sobre o salário-hora

quanto sobre o salário mensal.

C

Na composição de custos, o consumo de material desconsidera

as perdas, se são computadas em bonificações e despesas

indiretas (BDI). 

D

Os salários dos funcionários da sede são considerados custos

diretos.

E

Os encargos sociais da parcela de mão-de-obra dos serviços

previstos na planilha de orçamento são considerados custos

indiretos.

QUESTÃO 41

As normas constitucionais de aplicabilidade direta e imediata cuja

abrangência pode ser reduzida por outras normas constitucionais ou

infraconstitucionais denominam-se normas constitucionais

A

de eficácia plena.

B

programáticas.

C

de eficácia plena com efeito limitado.

D

de eficácia contida.

E

de eficácia limitada.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 9 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 42

Acerca dos direitos e garantias fundamentais, assinale a opção

correta.

A

O brasileiro nato só poderá ser extraditado, a pedido de

governo estrangeiro que possua tratado de extradição com o

Brasil, em razão da prática de crime doloso contra a vida ou

tráfico ilícito de entorpecentes cometidos no exterior.

B

Um estrangeiro não naturalizado que venha a ser preso em

flagrante em território nacional tem legitimidade para impetrar

habeas corpus

C

Os direitos sociais, consolidados pela CF são classificados

como direitos fundamentais de terceira dimensão.

D

A CF estabeleceu um rol de direitos sociais dos trabalhadores

urbanos e rurais, mas não fez referência aos trabalhadores

avulsos e os domésticos, que são tratados apenas na legislação

ordinária.

E

Os direitos fundamentais são personalíssimos, de forma que

somente a própria pessoa pode a eles renunciar.

QUESTÃO 43

Ana, analista judiciária do TRT, casada com João, espanhol, foi

enviada à França para representar o órgão em um evento. Ao chegar

naquele país, em decorrência de complicações na gravidez, deu à

luz seu filho, Pedro.

Nessa situação, Pedro é considerado

A

brasileiro nato.

B

brasileiro nato, desde que opte pela nacionalidade brasileira a

qualquer tempo, depois de atingir a maioridade.

C

estrangeiro.

D

estrangeiro, podendo optar pela nacionalidade brasileira a

qualquer tempo, depois de atingir a maioridade.

E

brasileiro naturalizado.

QUESTÃO 44

Acerca dos direitos políticos, assinale a opção correta.

A

Emenda constitucional determinou a obrigatoriedade do voto

aos analfabetos.

B

Enquanto durarem os efeitos da condenação criminal transitada

em julgado, consideram-se cassados os direitos políticos do

condenado.

C

Lei que altere o processo eleitoral possui eficácia plena a partir

de sua publicação, sendo, portanto, aplicável em eventual

eleição que ocorra no mesmo ano de sua edição.

D

O exercício da soberania popular se dá por meio do sufrágio

universal, do voto direto e secreto e do mandado de segurança.

E

Capacidade eleitoral é o direito de votar e ser votado.

QUESTÃO 45

Conforme a CF, o desmembramento de estado-membro da

Federação depende, entre outros requisitos, de

A

emenda à Constituição.

B

referendo.

C

ação popular.

D

iniciativa popular.

E

plebiscito.

QUESTÃO 46

Com relação à organização político-administrativa do Estado

brasileiro, assinale a opção correta.

A

Nos termos da CF, embora os estados-membros e municípios

possam estabelecer cultos religiosos ou igrejas, lhes é vedado

subvencioná-los.

B

A competência material ou administrativa, atividade

legiferante, pode ser tanto exclusiva da União quanto comum

aos entes federativos.

C

Os municípios e territórios federais são considerados entes

federativos.

D

O Distrito Federal é a capital federal do Brasil.

E

De acordo com a CF, lei complementar federal pode autorizar

os estados-membros a legislarem sobre questões específicas em

matéria de competência privativa da União.

QUESTÃO 47

Com relação aos princípios fundamentais da administração pública

estabelecidos na Constituição Federal de 1988, assinale a opção

correta.

A

De acordo com o princípio da eficiência, é considerado válido

um ato praticado contrariamente à lei, desde que seja

demonstrado, no caso concreto, que a prática do ato é

vantajosa para a administração.

B

Em razão do princípio da legalidade, a administração poderá

praticar qualquer ato, desde que não haja proibição legal.

C

De acordo com o princípio da impessoalidade, é vedado à

administração, em qualquer circunstância, conceder um direito

exclusivo a um particular.

D

O princípio da publicidade poderá ser restringido quando o

sigilo for necessário à segurança da sociedade.

E

A moralidade administrativa se confunde com a moralidade

comum, o que impede servidores públicos de se comportarem

contrariamente aos padrões morais e filosóficos da sociedade.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 10 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 48

São princípios aplicáveis à administração pública 

A

a motivação, a finalidade e a competência.

B

a razoabilidade, a indisponibilidade do interesse público e a

discricionariedade.

C

a inércia, a presunção de legalidade e a imperatividade.

D

a isonomia, a autotutela e a proporcionalidade.

E

a supremacia do interesse público, a soberania e a continuidade

dos serviços públicos.

QUESTÃO 49

Acerca da nomeação para cargo público, assinale a opção correta.

A

De acordo com a Lei n.º 8.112/1990, durante o prazo de

validade do concurso público, a administração poderá abrir

novo concurso para provimento das mesmas vagas, desde que

seja priorizada a ordem de nomeação do primeiro concurso. 

B

A nomeação para provimento de cargo efetivo ou em comissão

deverá ser precedida de concurso público de provas ou de

provas e títulos.

C

Aquele que, após a nomeação, não tomar posse no prazo

previsto em lei será exonerado do cargo.

D

A nomeação do servidor ocorrerá com a assinatura do

respectivo termo, no qual deverão constar as atribuições, os

deveres, as responsabilidades e os direitos inerentes ao cargo

ocupado.

E

A nomeação, assim como a readaptação, a reintegração e a

recondução são formas de provimento em cargo público.

QUESTÃO 50

Com relação aos direitos e vantagens dos servidores públicos

federais previstos na Lei n.º 8.112/1990, assinale a opção correta.

A

É vedada a concessão de licença ao servidor público federal

para tratar de assuntos de interesses exclusivamente

particulares.

B

As indenizações incorporam-se aos vencimentos ao serem

pagas continuamente ao servidor.

C

É vedada, em qualquer hipótese, a prestação de serviços

gratuitos à administração pelo servidor público federal.

D

O servidor público federal tem direito à licença sem

remuneração para o desempenho de mandato em entidade de

classe ou para participar de gerência ou administração em

sociedade cooperativa constituída por servidores públicos para

prestar serviços a seus membros.

E

Somente mediante imposição legal ou decisão judicial poderá

haver desconto sobre a remuneração, não sendo suficiente a

autorização prévia do servidor.

QUESTÃO 51

Um servidor, após inúmeras tentativas frustradas de

imprimir um documento, levantou-se de sua cadeira, pegou a
impressora e a arremessou pela janela.
 
Com base na situação hipotética acima apresentada, assinale a
opção correta.

A

O processo administrativo disciplinar eventualmente instaurado
será encerrado, sem julgamento, se o servidor acusado for
exonerado a pedido.

B

A autoridade julgadora poderá decidir de forma diversa ao
relatório final da comissão processante, desde que não haja
imposição de pena mais grave.

C

Caso o servidor seja absolvido penalmente pelo crime de dano,
em razão da ausência de provas, não poderá ser
responsabilizado administrativamente pelo mesmo fato.

D

Caso seja comprovado que o servidor oferece risco à segurança
da repartição, poderá ser demitido antes da instauração do
respectivo processo administrativo disciplinar, hipótese em
que, caso seja absolvido após o julgamento, será reintegrado à
função que ocupava anteriormente.

E

É possível que o servidor, pelo mesmo ato, seja
responsabilizado penal, civil e administrativamente.

QUESTÃO 52

Acerca do regime jurídico das carreiras dos servidores do Poder
Judiciário da União, assinale a opção correta.

A

Os cargos em comissão dos órgãos do Poder Judiciário da
União serão ocupados somente por servidores integrantes das
carreiras dos quadros de pessoal do Poder Judiciário da União.

B

A gratificação judiciária (GAJ) será calculada mediante
aplicação do percentual de 30% sobre o vencimento básico.

C

Não se aplicam aos servidores do Poder Judiciário da União as
revisões gerais dos servidores públicos federais previstas na
Constituição.

D

É vedado aos órgãos do Poder Judiciário da União incluir
programa de formação como etapa do concurso público para
provimento de seus cargos.

E

O servidor das carreiras dos quadros de pessoal do Poder
Judiciário que possuir mestrado em áreas de interesse dos
órgãos do Poder Judiciário fará jus ao adicional de
qualificação no percentual de 10% sobre o vencimento básico
do servidor.

QUESTÃO 53

Entre os atributos de valor judiciário para a sociedade definidos na
Resolução n.º 70/2009 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ),
incluem-se

A

ética e imparcialidade.

B

credibilidade e parcialidade.

C

desídia e parcialidade.

D

economicidade e transparência.

E

tradição e economicidade.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 11 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

QUESTÃO 54

Os planejamentos estratégicos no âmbito do Judiciário incluem

A

objetivos e metas apenas de médio e longo prazos, em
consonância com os indicadores de desempenho; e pelo menos
um indicador de resultado para cada objetivo estratégico.

B

balanço contábil dos anos anteriores; e pelo menos um
indicador de resultado para cada objetivo estratégico.

C

metas de curto, médio e longo prazos, associadas aos
indicadores de resultado; e projetos e ações julgados
suficientes e necessários para o atingimento das metas fixadas.

D

projetos e ações julgados suficientes e necessários para o
atingimento das metas fixadas; e balanço contábil dos anos
anteriores.

E

balanço contábil dos anos anteriores; e metas de curto, médio
e longo prazos, associadas aos indicadores de resultado.

QUESTÃO 55

De acordo com objetivos, metas e projetos nacionais definidos pela
Resolução n.º 70/2009 do Conselho Nacional de Justiça, o CNJ

A

divulgará mensalmente o desempenho dos tribunais no
cumprimento de ações, projetos e metas nacionais.

B

coordenará a instituição de indicadores de resultados, bem
como de metas, projetos e ações de âmbito nacional, comum
a todos os tribunais.

C

conduzirá atividades de planejamento e gestão estratégica do
Poder Judiciário em conjunto com representantes dos tribunais
e com as associações nacionais de magistrados.

D

realizará encontros semestrais para avaliar a estratégia
nacional.

E

promoverá, em caráter provisório, metas de curto e médio
prazos alinhadas ao Plano Estratégico Nacional.

QUESTÃO 56

De acordo com o disposto na Resolução n.º 70/2009 do Conselho
Nacional de Justiça (CNJ), os projetos e as práticas a serem
incluídos no Banco de Boas Práticas de Gestão do Poder Judiciário
devem ser encaminhados para

A

os tribunais regionais federais.

B

o Superior Tribunal de Justiça (STJ).

C

o Supremo Tribunal Federal (STF).

D

a Comissão de Estatística e Gestão Estratégica dos Tribunais.

E

o Departamento de Gestão Estratégica do Conselho Nacional
de Justiça.

QUESTÃO 57

Segundo a Resolução n.º 70/2009 do Conselho Nacional de Justiça
(CNJ), as propostas orçamentárias dos tribunais devem ser
alinhadas aos seus respectivos planejamentos estratégicos com o
objetivo de

A

fortalecer e harmonizar as relações entre os poderes, os setores
e as instituições.

B

implementar a gestão do planejamento estratégico.

C

assegurar a agilidade nos trâmites judiciais e administrativos.

D

garantir os recursos necessários à execução dos planejamentos
estratégicos.

E

buscar a excelência na gestão de custos operacionais.

QUESTÃO 58

O processamento e o julgamento de ação de greve em tramitação no

TRT da 8.ª Região competem 

A

à Seção Especializada I, exclusivamente.

B

às turmas do tribunal.

C

a qualquer das seções especializadas. 

D

ao tribunal pleno, originariamente.

E

ao juiz convocado para compor o tribunal pleno.

QUESTÃO 59

Considerando que, em ação proposta em uma vara do trabalho por

determinada empregada doméstica contra seu empregador, a

decisão do juiz tenha sido a ela favorável, assinale a opção correta

com base no Regimento Interno do TRT 8.ª da Região.

A

Se o empregador propuser ação rescisória, a execução da

sentença deve ser suspensa.

B

O prazo para o ajuizamento, pelo empregador, de ação

rescisória perante o tribunal é de dois anos do trânsito em

julgado da decisão.

C

Eventual ação rescisória ajuizada pelo empregador perante o

tribunal deverá ser encaminhada ao juiz que proferiu a decisão,

para novo julgamento.

D

Se considerar a decisão injusta, o empregador deverá propor

ação rescisória perante o tribunal, no prazo de dois anos do

trânsito em julgado da decisão.

E

Caso a decisão judicial tenha decorrido de má apreciação de

prova, o empregador terá o direito de propor ação rescisória

perante o tribunal.

QUESTÃO 60

No que se refere ao Código de Ética dos Servidores do TRT da 8.ª

Região, assinale a opção correta.

A

Servidor do TRT da 8.ª Região que receba brinde como

presente, independentemente do valor, deverá responder,

perante o próprio tribunal, por crime de improbidade

administrativa.

B

É expressamente vedada a discriminação de colega de trabalho

por sua orientação sexual. 

C

Para que um servidor do TRT da 8.ª Região componha

comissão de ética no âmbito do tribunal, basta que ele seja

servidor efetivo estável e conte com, no mínimo, três anos de

serviço. 

D

Servidor de tribunal não pode manter primo sob sua

subordinação hierárquica.

E

Servidor não estável pode compor comissão de ética do

tribunal se comprovar não ter sofrido punição penal nos

cinco anos anteriores a sua entrada em exercício no órgão.

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 12 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

PROVA DISCURSIVA

Nesta prova, faça o que se pede, usando, caso deseje, os espaços para rascunhos indicados no presente caderno. Em seguida, transcreva
os textos para o CADERNO DE TEXTOS DEFINITIVOS DA PROVA DISCURSIVA, nos locais apropriados, pois não será
avaliado fragmento de texto escrito em local indevido
.

Qualquer fragmento de texto que ultrapassar a extensão máxima de linhas disponibilizadas será desconsiderado. Será desconsiderado
também o texto que não for escrito na(s) folha(s) de texto definitivo correspondente(s).

No caderno de textos definitivos, identifique-se apenas no cabeçalho da primeira página, pois não será avaliado texto que tenha
qualquer assinatura ou marca identificadora fora do local apropriado.

Ao domínio do conteúdo de cada questão, serão atribuídos até 2,50 pontos, dos quais até 0,10 ponto será atribuído ao quesito
apresentação  (legibilidade, respeito às margens e indicação de parágrafos) e estrutura textual (organização das ideias em texto
estruturado).

Questão 1

Considere que determinado servidor público pertencente a outra instituição e vinculado ao TRT da 8.ª Região para prestar serviço de
natureza temporária não tenha desenvolvido, no desempenho da função que lhe tenha sido atribuída, práticas ecoeficientes previstas no
âmbito do referido tribunal. Em face dessa situação hipotética, responda, de forma justificada, aos seguintes questionamentos.

<

Quais são os princípios e valores fundamentais previstos no Código de Ética dos Servidores do TRT da 8.ª Região?
[valor: 1,20 ponto]

<

Que princípio ou valor fundamental o referido servidor deixou de observar no desempenho de sua função? [valor: 0,60 ponto]

<

As disposições do Código de Ética dos Servidores do TRT da 8.ª Região aplicam-se ao referido servidor? [valor: 0,60 ponto]

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 13 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

R

ASCUNHO 

 

Q

UESTÃO 

1

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 14 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

Questão 2

Charles Edouard Jeanneret, conhecido pelo pseudônimo Le Corbusier, é considerado um importante

arquiteto do século XX. Uma das suas grandes contribuições refere-se à criação dos cinco pontos da moderna

arquitetura, presentes no projeto da Vila Savoye (1928). 

Considerando que o fragmento de texto acima tem caráter motivador, redija um texto dissertativo no qual sejam apresentados os principais
elementos conceituais de cada um dos cinco pontos da moderna arquitetura. [valor: 2,40 pontos]

R

ASCUNHO 

 

Q

UESTÃO 

2

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 15 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

Questão 3

Disserte sobre o procedimento administrativo disciplinar no âmbito da administração pública, abordando, necessariamente, os seguintes
aspectos:

<

comissão processante; [valor: 1,00 ponto]

<

fases do processo;[valor: 0,70 ponto]

<

garantias asseguradas ao servidor submetido ao processo.[valor: 0,70 ponto]

R

ASCUNHO 

 

Q

UESTÃO 

3

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 16 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

Questão 4

 

cabos triangulados

corte transversal

Figura I

Figura II

Figura IV

Figura III

O Stade de France, ilustrado acima, é o maior estádio francês, com capacidade para 78.732 pessoas.

Inaugurado em 28 de janeiro de 1998, foi construído para a Copa do Mundo daquele ano. Hoje, acolhe
diversos eventos desportivos (futebol, rugby, atletismo, provas automobilísticas), concertos e grandes

espetáculos.

Tendo como base o texto e as figuras acima, redija um texto descrevendo o Stade de France. Em seu texto, aborde, necessariamente, os
seguintes aspectos:

<

propriedades arquitetônicas; [valor: 0,70 ponto]

<

sistema estrutural da cobertura: caminhamento das forças; [valor:1,00 ponto]

<

sistema estrutural da cobertura : diagonais da treliça, apoios e balanço. [valor: 0,70 ponto]

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 17 –

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

||TRT8R13_002_08N115008||

CESPE/UnB – TRT 8.ª Região/2013

R

ASCUNHO 

 

Q

UESTÃO 

4

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura

 – 18 –

cespe-2013-trt-8-regiao-pa-e-ap-analista-judiciario-arquitetura-prova.pdf-html.html

Cargo 2: Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Arquitetura