Prova Concurso - Administração - 2014-UFOB-ASSISTENTE-EM-ADMINISTRACAO - UFBA - UFOB - 2014

Prova - Administração - 2014-UFOB-ASSISTENTE-EM-ADMINISTRACAO - UFBA - UFOB - 2014

Detalhes

Profissão: Administração
Cargo: 2014-UFOB-ASSISTENTE-EM-ADMINISTRACAO
Órgão: UFOB
Banca: UFBA
Ano: 2014
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

AGENTE-ADMINISTRATIVO-PREVIDENCIARIOCONCURSOS2018
ASSISTENTE-DE-ADMINISTRACAOFUNPAPA2018
AUXILIAR-DE-ADMINISTRACAOFUNPAPA2018

Gabarito

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-gabarito.pdf-html.html

 

 

CONCURSO PÚBLICO PARA SERVIDOR TÉCNICO-ADMINISTRATIVO — 2014 / UFOB 

NÍVEL INTERMEDIÁRIO D — GABARITO 

 

CADERNO 19 - ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Em 02 de junho de 2014 

 
 

Antonia Elisa Caló Oliveira Lopes 

Diretora do SSOA/UFBA 

PORTUGUÊS 

Questão 

V / F 

Questão 

V / F 

01 

V 11 F

02 F  12 F
03 

V 13 V 

04 F  14 V 
05 

V 15 V 

06 F   
07 F   
08 

 

09 

 

10 

 

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Questão

V / F

Questão

V / F

16 F

26

V

17 

V

27

F

18 F

28

V

19 F

29

F

20 F

30

F

21 

V

22 

V

23 

V

24 F
25 F

INFORMÁTICA BÁSICA

Questão 

V / F 

Questão

V / F

31

F 41

V

32

V 42

V

33

V 43

F

34

V 44

V

35

F 45

V

36

37

38

39

40

ESPECÍFICAS

Questão

V / F

Questão

V / F

56 

V

71

V

57 

V

72

F

58 F

73

F

59 

V

74

F

60 F

75

F

61 F

76

V

62 F

77

V

63 

V

78

F

64 F

79

F

65 

V

80

V

66 F

81

F

67 F

82

F

68 

V

83

V

69 

V

84

F

70 

V

85

V

RACIOCÍNIO LÓGICO I

Questão

V / F

Questão

V / F

46 

V

51

V

47 

V

52

V

48 F

53

F

49 F

54

V

50 

V

55

F

Prova

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO

19

Intermediário D

Concurso Público para Servidor

Técnico - Administrativo

UFOB 2014

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

INSTRUÇÕES

Para a realização destas provas, você recebeu este Caderno de Questões e uma Folha de Respostas.
1.  Caderno de Questões

VerifiqueseesteCadernodeQuestõescontémasseguintesprovas:

  PORTUGUÊS  —  Questões de  01 a 15
  ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA  —  Questões de 16 a 30
  INFORMÁTICA BÁSICA  —  Questões de 31 a 45
  RACIOCÍNIO LÓGICO I  —  Questões de 46 a 55
  CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS  —  Questões de 56 a 85

QualquerirregularidadeconstatadanesteCadernodeQuestõesdeveserimediatamentecomunicadaao

Fiscal de sala.

Neste Caderno, você encontra apenas um tipo de questão: objetiva de proposição simples. Identifique a

respostacorreta,marcandonacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

 

 

 

   V,seaproposiçãoéverdadeira;

    

 

 

F,seaproposiçãoéfalsa.

 

ATENÇÃO: Antesdefazeramarcação,avaliecuidadosamentesuaresposta.

 

LEMBRE-SE:

Ø

 Arespostacorretavale1(um),istoé,você

ganha 1 (um) ponto.

Ø

 Arespostaerradavale–0,75(menossetentaecincocentésimos),istoé,você

não ganha o ponto 

daquestãoqueerroueainda

perde,emcadarespostaerrada,0,75(setentaecincocentésimos)

dospontosganhosemoutrasquestõesquevocêacertou.

Ø

 Aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).Você

não ganha 

nem perde nada.

2.  Folha de Respostas

AFolhadeRespostasépré-identificada;confiraosdadosregistradosnocabeçalhoeassine-ocomcaneta

esferográficadetinta

 PRETA.Nãoultrapasseoespaçoreservadoparaessefim.

NÃO AMASSE, NÃO DOBRE, NÃO SUJE, NÃO RASURE ESSA FOLHA DE RESPOSTAS.

Amarcaçãodarespostadeveserfeitapreenchendo-seoespaçocorrespondentecomcaneta

esferográficadetinta

 PRETA.Nãoultrapasseoespaçoreservadoparaessefim.

  Exemplo de Marcação

  na folha de Respostas

01

F

02

V

03

V

04

F

05

V

O tempo disponível para a realização das provas e o preenchimento da Folha de Respostas é de 

4(quatro)horas.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

1

PROVA DE PORTUGUÊS

Q

UESTÕES de 01 a 15

I

NSTRUÇÃO: 

Paracadaquestão,de

01 a 15,marquenacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

  

V,seaproposiçãoéverdadeira;

  

F,seaproposiçãoéfalsa.

Arespostacorretavale1(umponto);arespostaerradavale-0,75(menos setenta e cinco 

centésimos);aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – PORTUGUÊS / Intermediário D

Q

UESTÕES de 01 a 10

TEXTO:
  Adeterminaçãodesecomunicaredialogarcomosseussemelhantespodetersidouma

motivaçãoprimordialparaaevoluçãodaespéciehumana.Determinaçãoaperfeiçoadanodecorrer

dahistóriaatéapredominânciadapalavraescrita,comosímboloasertransmitido,edolivro,

comoformaderegistroapropriado.

5 –   

Em sua introdução ao livro Por que ler os clássicos?, o escritor Italo Calvino analisa inúmeras 

razõespelasquaisaspessoasjustificamalegitimidadedostextosclássicos.Suaconclusãoparece

singela,massugestiva:“Aúnicarazãoquesepodeapresentaréquelerosclássicosémelhordo

quenãolerosclássicos”.Resultadaíqueumacaracterísticaassociadaaoclássicopodesersua

capacidadedecontinuarsecomunicandocomasgeraçõesposteriores.

10– 

De fato, parecemos ser fascinados por histórias. O ser humano parece ter se moldado,

um pouco, a partir da necessidade de ouvir e narrar seus feitos, experiências e histórias.

Herança,certamente,dostemposemqueopoder–earesponsabilidade–pelatransmissão

dos ensinamentos, tradições e acontecimentos da comunidade se configurava questão de

sobrevivênciaeestavanasmãosdealgunssábios.

15– 

Porisso,aolongodeincontáveisanos,diferentespovosemdiversasetapasdacivilização

reuniram-seaoredordeumafogueira–centrodoespaçopúblicodessestempos–paracompartilhar

oexercíciomágicodedecifrarosperigoseosencantamentosdomundo.

Somosfascinadosporaquelesquesabemcontarhistórias.Porcerto,reconhecemossua

capacidadeinventiva,espéciededomsobrenatural,capazdedarforma,densidadeeconteúdo

20– aos sinais invisíveis daquilo que não ousamos imaginar. Capaz de dar sentido às escolhas e

ordenarasincertezasvinculadasaodestino.Capazdeextrairpoesiadoimprovável,comoMario

Quintana,aosugerirque“amentiraéumaverdadequeseesqueceudeacontecer”.

MIRANDA,D.S.de.Fascinaçãopelapalavra.In:NOVAES,T.(org.)

Tertúlia:oautorcomoleitor.SãoPaulo:Edições

SescSãoPaulo,2013.p.11-12.Adaptado.

Q

uestão 01

Oenunciadordotextoconsideraanecessidadedecomunicaçãohumanacomopossivelmenteamaior

causadodesenvolvimentoedoaperfeiçoamentodosaberhumano.

Q

uestão 02

Conformeoautordotexto,apalavrapodedeformarouobscurecerarealidadehistórica,adependerdo

tratamentoquesederaosacontecimentos.

Q

uestão 03

DeacordocomopensamentodeItaloCalvino,referidonotexto,aleituraproporcionaaohomemuma

coexistênciadetemposnamemória,oqueconstitui,segundooautor,umaformadeapreenderomundo.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

2

Q

uestão 04

Osurgimentodaescrita,segundooautordotexto,anulouaoralidadecomoformadedialogarcomo

passado.

Q

uestão 09

Otermo“comosseussemelhantes”(l.1)complementaosentidodasformasverbais“secomunicare

dialogar”(l. 1).

Q

uestão 06

Ostermos“comosímboloasertransmitido”(l.3)e“comoformaderegistroapropriado”(l. 4) ampliam 

osentidode“palavraescrita”(l.3)ede“livro”(l. 3), respectivamente.

Q

uestão 10

As aspas utilizadas no segundo e no quinto parágrafos atendem à necessidade de se destacarem

citaçõesparadistingui-lasdorestodotexto.

Q

uestão 07

Oelementolinguístico

queconstituioutraformadeusode“pelasquais”(l. 6), sem alterar a correção 

gramaticalesemânticadoperíodo.

Q

uestão 08

Aexpressão“umpouco”(l.11)relativizaopensamentodoenunciador,expressonafrase.

Q

uestão 05

QuandoMarioQuintanadizque“‘amentiraéumaverdadequeseesqueceudeacontecer’”(l. 22), ele 

está,metaforicamente,traduzindoumaverdadeliterária.

Q

uestão 11

Otextoemapreçotemcomofinalidadedarumarespostapontualaumaquestão,tambémpontual,que

estáincomodandonacontemporaneidade.

UFOB– 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – PORTUGUÊS / Intermediário D

Q

UESTÕES de 11 a 15

TEXTO:
  Cadapessoaéumuniversoimenso.Aclássicafrase“nenhumhomeméumailha”continua

valendo.ElafazpartedeumpoemabastanteconhecidodobritânicoJohnDonne.Mas,deoutro

lado,senenhumhomeméumailha,cadahomemecadamulheréummundo.Ummundodeideias,

desonhos,depercepções,dedesejos.Epormaisqueessaideiapareçaromântica,elanãopode

5– serdescartada.SamuelJohnson,escritorbritânicodoséculoXVIII,consideravaperdidoodiaem

quenãoconheciaumanovapessoa.Porqueconhecerumanovapessoasignificaconhecerum

dosmodosdeserhumano,umadasmaneirasdeviverahistória,umadasformasdeseorganizar

a vida.

Aoutrapessoameinspiraapensardeoutromodo,elapodecontrapor-seaideiasqueeu

10– carregueouafirmarpensamentosqueeuadote.Dessepontodevista,conhecer,mesmoquenão

signifiqueaprofundaressarelação,manterumaamizade–dadoqueamizadeéalgomuitomais

sério–medeixapredispostoaprestaratençãoemquemnãoécomoeu,emquemnãomerepete,

emalguémqueédefatooutrapessoa.Issomeajudaaviajarpornovosmodosdeserhumano,a

viajarpornovosmundos.

15– 

Seninguéméumailha,nenhumenenhumadenósdeixamosdeserummundoemsie,

nessesentido,paraquepossamosconstruirumarealidademaisrica,umdiaemqueseconhece

outrapessoaéumdiaquenosenriquece.

CORTELLA, M. S. Conhecer pessoas. 

Pensar nos faz bem!:2.família,carreira,convivênciaeética.Petrópolis:Vozes;

SãoPaulo:Ferraz&Cortella,2013.p.24.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

3

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – PORTUGUÊS / Intermediário D

Q

uestão 12

Quanto à composição do texto, nota-se que predomina a sequência de fatos reais, envolvendo

personagens,comreferênciasatempoelugar.

Q

uestão 13

Nafrase“Ummundodeideias,desonhos,depercepções,dedesejos.”(l.3-4),háelipsedetermos.

Q

uestão 14

Noperíodo“

E por mais que essa ideia pareça romântica,elanãopodeserdescartada.”(l.4-5),a

oração destacada constitui uma concessão.

Q

uestão 15

Operíodo“SamuelJohnson,escritorbritânicodoséculoXVIII,consideravaperdidoodiaemquenão

conheciaumanovapessoa.”(l.5-6)éformadoporsubordinação.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

4

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA / Intermediário D

Q

uestão 18

Um servidor declarou seus dependentes, para efeito de benefícios, no setor de pessoal da 

instituição a que está vinculado. Relacionou seus filhos e sua companheira, que vive às suas expensas 

há 10 anos. O funcionário do setor informou ao servidor que, no serviço público federal, apesar de 

caracterizada uma união estável, não poderia equiparar sua companheira à sua cônjuge pela ausência 

do ato formal do casamento.
Aatitudedofuncionáriodosetordepessoal,quenãoequiparouacompanheiraàcondiçãodecônjuge

doservidor,écompatívelcomoestabelecidonaLein

o

 8112/1990.

PROVA DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Q

UESTÕES de 16 a 30

I

NSTRUÇÃO: 

Paracadaquestão,de

16 a 30,marquenacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

  

V,seaproposiçãoéverdadeira;

  

F,seaproposiçãoéfalsa.

Arespostacorretavale1(umponto);arespostaerradavale-0,75(menos setenta e cinco 

centésimos);aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).

Q

uestão 16

Aosercontratado,éobrigatórioaoservidorpúblicofederalassociar-seaosindicatoespecíficodesua

categoria.

Q

uestão 17

Embora seja uma função estatal que pode ser assumida por particulares, o assistencialismo é uma

espéciede“devermoral”dogovernoemrelaçãoàscategoriasdespossuídas.

Q

uestão 19

Acriaçãodeincentivosfuncionais,comoprêmiospelaapresentaçãodeideias,concessãodemedalhas,

diplomasdehonraaomérito,condecoraçãoeelogio,évedadaaospoderesExecutivo,Judiciárioe

Legislativo.

Q

uestão 20

AobrigaçãodeobservaroCódigodeÉticaProfissionaldoservidorpúblicoéexigidaaosservidoresde

classehierárquicasuperior,sendoliberadosdesuaaplicaçãoosfuncionáriosdeescalõesinferiores.

Q

uestão 21

A legislação estabelece, como limite máximo de remuneração dos servidores públicos, os valores

percebidoscomoremuneração,emespécie,porministrosdoSupremoTribunalFederal,referentesa

qualquertítulo.

Q

UESTÕES 22 e 23

Toda a gestão de estoques está pautada na previsão do consumo do material. A previsão do consumo 

ou da demanda estabelece estimativas futuras dos itens necessários. As informações básicas 

que permitem a tomada de decisões podem ser classificadas em duas categorias: quantitativas e 

qualitativas. (DIAS, 2012, p. 16).

Aanálisedotextoeosconhecimentossobregestãodeestoquespermitemafirmar:

Q

uestão 22

A determinação do

 quêdevepermaneceremestoque,de quando ele deve ser reabastecido e quanto 

desseestoqueseránecessárioparaumperíodopredeterminadoestáentreasprincipaisfunçõesdo

controledeestoques.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

5

Q

uestão 23

Aprevisãodoconsumodomaterialpodesercalculadaportécnicasdeprojeçãoqueadmitemqueo

futuroserárepetiçãodopassado,seguindoomesmopadrãoobservadoanteriormente.

Q

uestão 24

A  liderança  orientada  para  a  tarefa  compreende  os  comportamentos  classificados  dentro  do 

modelo autocrático do uso da autoridade. Em essência, o líder orientado para a tarefa tem mais 

preocupação com a tarefa do que com o grupo que a executa. (MAXIMIANO, 2012, p. 293).

Apoiar osfuncionários,ouvireprestaratençãosãocomportamentostípicosdolíderorientadoparaa

tarefa.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA / Intermediário D

Q

uestão 25

Segundo a Lei n

o

 8666/93, um dos princípios que regem os processos licitatórios é o de sigilo nos

procedimentosadotados,deformaagarantiraimparcialidadenatomadadedecisão.

Q

UESTÕES de 27 a 30

Órgãos 

Superiores de 

Deliberação

Órgão 

Superior 

de Controle, 

Fiscalização e 

Supervisão

Órgãos de 

Ensino, Pesquisa e 

Extensão

Órgãos da 

Administração 

Central

UFOB

SobreosórgãosdaUFOB,écorretoafirmar:

Q

uestão 26

Asatividades-fimdaUFOBsãodeensino–realizadaspormeiodeprogramasecursosdegraduaçãoe

depós-graduação–edeextensãouniversitáriaedepesquisa,criaçãoeinovação.

Q

uestão 27

Os Órgãos Superiores de Deliberação têm como atribuição auditar as atividades desenvolvidas na

Instituição, especialmente quanto à regularidade da gestão administrativa, contábil, orçamentária,

financeira,patrimonialedepessoal.

Q

uestão 28

Asunidadesuniversitárias,denominadasdeCentrossãoosÓrgãosdeEnsino,PesquisaeExtensão,

quetratamdoplanejamentoedaexecuçãodasatividadesacadêmicasedalotaçãodepessoaldocente

etécnico-administrativo.

Q

uestão 29

CompeteaoÓrgãoSuperiordeControle,FiscalizaçãoeSupervisãosuperintenderasatividades,os

atoseosserviçosdosórgãosadministrativoseacadêmicosdoCentro,provendosuaregularidadee

disciplina,seudecoro,suaeficiênciaesuaeficácia.

Q

uestão 30

A representação dos servidores técnico-administrativos integra a Coordenação Geral dos Núcleos

Docentes(CGND),comdoisfuncionáriosescolhidosporseuspares.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

6

PROVA DE INFORMÁTICA BÁSICA

Q

UESTÕES de 31 a 45

I

NSTRUÇÃO: 

Paracadaquestão,de

31 a 45,marquenacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

  

V,seaproposiçãoéverdadeira;

  

F,seaproposiçãoéfalsa.

Arespostacorretavale1(umponto);arespostaerradavale-0,75(menos setenta e cinco 

centésimos);aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).

Q

uestão 33

Umdiscorígidoéclassificadocomoumamemóriadotiponãovolátil,ouseja,aocessarofornecimento

deenergia,paraocomputador,osdadospermanecemgravados,jáamemóriaRAMédotipovolátil,

poismantémosdadosapenasenquantoocomputadorestiverligado.

Q

uestão 34

Autilizaçãodemúltiplosnúcleosemumprocessadoréasoluçãoparagarantirmelhordesempenhocom

menoraumentodetemperaturaereduçãodoconsumodeenergia.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – INFORMÁTICA BÁSICA / Intermediário D

Q

uestão 31

OcódigoASCIIéutilizadopararepresentartodasasinformaçõesqueprecisamserarmazenadasem

qualquertipodememóriadocomputador(números,letrasecaracteresespeciais),utilizando-sedois

bytes para o armazenamento de cada uma delas.

Q

uestão 32

Avelocidadedoprocessadoreotamanhodamemóriaprincipalsãofatoresdeterminantesparaobom

desempenho de um computador.

Q

UESTÕES 35 e 36

OsconhecimentosreferentesaosistemaoperacionalMicrosoft Windowspermitemafirmar:

Q

uestão 35

Aplicativos,comoBlocodeNotas,Calculadora,VisualizadordeImagens,Microsoft PublisherMicrosoft 

Internet Explorer,entreoutros,fazempartedosprogramasintegradosemumainstalaçãobásicado

Microsoft Windows.

Q

UESTÕES 37 e 38

SobreoprocessadordetextoMS-Word,pode-seafirmar:

Q

uestão 36

Quando se utiliza o Microsoft Windows na sua versão de 64 bits,pode-seexecutarprogramasquesejam

deversõestantode32quantode64bits,oquenãoépossívelquandoseutilizaoMicrosoft Windows 

na sua versão 32 bits,poisnãosepodeexecutarprogramasdeversões64bits.

Q

uestão 37

tecla F3deveseracionadasemprequeforprecisoobtermaisajudasobreautilizaçãodealgum

recurso.

Q

uestão 38

Aoinserirumafiguraemumdocumento,deve-seevitarqueelaocupeumespaçoinadequado,ouseja,

quefiqueentreduaslinhascommargenslateraisvazias,sendoumasoluçãoparaissoautilizaçãodo

recurso"Quebraautomáticadetexto",afimdequeafigurasejaenvolvidapelotexto.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

7

Q

UESTÕES 42 e 43

 

Com relação ao MS-Outlook,pode-seafirmar:

Q

uestão 39

ÉrecomendávelalimpezaregulardosCookies, pois eles podem transmitir vírus.

Q

uestão 40

AnavegaçãoInPrivateevitaqueonavegador(browser)armazenedadosdeumasessãodenavegação,

oqueincluiCookies,arquivostemporáriosdeinternet,históricoetc,constituindo-secomoumamaneira

de acessar sitesnainternetdeformaanônimaemaissegura.

Q

uestão 41

Duaspossíveismaneirasutilizadasparaexcluiro"Histórico"noInternet Explorer – IE – são a limpeza 

automáticado"Histórico",aosairdonavegador–bastando,paraisso,marcaressaopçãonaconfiguração

deopçõesdoIE–easuaexclusãomanual.

Q

uestão 42

O  Microsoft Outlook permite criar regras objetivando mover as mensagens para pastas específicas,

atravésdecritérios,comooassuntodamensagemouoremetente.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – INFORMÁTICA BÁSICA / Intermediário D

Q

uestão 43

Microsoft Outlookpodeserconfiguradopararecebermensagensdemaisdeumacontadee-mail, 

desdequetodasascontaspertençamaummesmodomínio.

Q

uestão 44

Paraidentificarumvírus,oantivírusfazumacomparaçãoentreoarquivoquechegaporalgummeiode

entradaeumabibliotecadeinformaçõessobreosváriostiposdevírus,oqueexplicaaimportânciade

manter o antivírus sempre atualizado. 

Q

uestão 45

Pishingtemcomoobjetivo“pescar”informaçõesedadospessoaisimportantesdeumusuário,ea

infecçãosedáatravésdelinksfalsosinseridosemmensagensdee-mail.

Q

UESTÕES 44 e 45

 

Os conhecimentos sobre vírus de computador e malwarespermitemconcluir:

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

8

PROVA DE RACIOCÍNIO LÓGICO I

Q

UESTÕES de 46 a 55

I

NSTRUÇÃO: 

Paracadaquestão,de

46 a 55,marquenacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

  

V,seaproposiçãoéverdadeira;

  

F,seaproposiçãoéfalsa.

Arespostacorretavale1(umponto);arespostaerradavale-0,75(menos setenta e cinco 

centésimos);aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – RACIOCÍNIO LÓGICO I / Intermediário D

Q

uestão 48

Anegaçãodaproposição“todohomeméigualaoseupai”éaproposição“todohomemédiferentedo

seupai”.

Q

uestão 46

Doregulamentodeumauniversidadeconsta:
"Seanotadeumalunoformaiordoque4emenordoque5,elepodefazerumaprovasubstitutivaou

umtrabalhoextra,masnãoambos."
Simbolicamente,essaafirmaçãopodeserrepresentadapor:“4<n<5⇒ (p ∨ t) ∧ ~(p ∧t)”,emquenéa

notadoaluno,p“oalunopodefazerumaprovasubstitutiva”,et“oalunopodefazerumtrabalhoextra”.

Q

uestão 47

Aafirmação“acamisaébranca,acalçaépreta,eosapatoémarrom”éfalsa.Logoéverdadeque“se

acalçaépreta,entãoacamisanãoébrancaouosapatonãoémarrom”.

Q

uestão 49

Éválidooargumento“Todososrelatóriosfinanceirosprecisamseraprovadospelodiretor.OrelatórioX

nãoéfinanceiro,logonãoprecisaseraprovadopelodiretor.”

Q

uestão 50

Emumafaculdade,osprofessoresdãoaulanodiurno,nonoturno,ouemambos.Nodiurno,nãohá

nenhum capacitado para ensinar tanto Matemática quanto Química. No noturno, todos os que são

capacitadosparaensinarQuímicanãoosãoparaFísica.Écorretoconcluirque,nessafaculdade,não

hánenhumprofessorcapacitadoparaensinarMatemática,QuímicaeFísica.

Q

uestão 51

A relação (A ∪ B) – (A ∩ B) = (A – B) ∪(B–A)éválidaparaquaisquerconjuntosAeB.

Q

uestão 52

Emcertoano,oaumentodospreçoscomainflaçãofoide10%e,noanoseguinte,de8%.Duranteesse

período,umtrabalhadornãotevereajustesalariale,pararecuperarovalordecompradoseusalário,

devereceberumreajusteigualaoaumentototaldospreçosnessesdoisanos.Portantoessereajuste

deveserde18,8%.

Q

uestão 53

Emumauniversidade,44%dosestudantesjátiveramreprovaçãoemalgumadisciplina.Se60%dos

estudantessãohomens,emetadedelesjátevealgumareprovação,então,escolhendoaoacasouma

mulherqueestudenessauniversidade,écorretodizerquehá38%deprobabilidadedeelajátersido

reprovadaemalgumadisciplina.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

9

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – RACIOCÍNIO LÓGICO I / Intermediário D

Q

uestão 54

Aoperguntaraseusfilhos,A,BeC,quemhaviabagunçadoasala,umamãeobteveasseguintes

respostas:
A:“BeCfizerambagunça,maseunão.”

B:“SeCfezbagunça,entãoAtambémfez.”

C:“BouAestámentindo.”

Sabendoqueapenasumdelesfalouaverdade,écorretoconcluirqueapenasCfezbagunça.

Q

uestão 55

Osemestreletivodeumcursotemaduraçãode100dias,contandodesegunda-feiraasábado,inclusive

feriadosquecaiamnessesdias,masnãoosdomingos.Logo,paraqueessesemestreletivotermineem

umsábado,éprecisoqueeleseinicieemumaterça-feira.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

10

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO / Intermediário D

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO

Q

UESTÕES de 56 a 85

I

NSTRUÇÃO: 

Paracadaquestão,de

56 a 85,marquenacolunacorrespondentedaFolhadeRespostas:

  

V,seaproposiçãoéverdadeira;

  

F,seaproposiçãoéfalsa.

Arespostacorretavale1(umponto);arespostaerradavale-0,75(menos setenta e cinco 

centésimos);aausênciademarcaçãoeamarcaçãoduplaouinadequadavalem0(zero).

Q

uestão 58

ATerceiraRevoluçãoIndustrialestásituadanoperíodocompreendidoentreasduasGrandesGuerras

Mundiais.

Q

uestão 56

AimportânciadaAdministraçãovaiaumentandoàmedidaqueasociedadee,consequentemente,as

organizaçõestornam-semaiscomplexas.

Q

uestão 57

Asdiferentesetapasoufasesdasmudançasorganizacionais,sociaiseadministrativasduraramcada

vez menos tempo.

Q

UESTÕES de 56 a 58

1

a

Artesanal

Antiguidadeatéapré-Revolução

Industrial

Até1780

2

a

Transição para a 

industrialização

Primeira Revolução Industrial

1780 a 1860

3

a

Desenvolvimento 

industrial

ApósaSegundaRevolução

Industrial

1860 a 1914

4

a

Gigantismo

industrial

Entre as duas Grandes Guerras 

Mundiais

1914 a 1945

5

a

Moderna

Pós-guerraatéaatualidade

1945 a 1980

6

a

Globalização

Atualidade

após 1980

Q

UESTÕES de 59 a 62

Controle

Direção

Organização

Planejamento

Q

uestão 59

AsatividadesdePlanejamentosãoconsideradasasmaisabstratasdoprocessooucicloadministrativo.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

11

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO / Intermediário D

Q

uestão 66

Umcargodealtadireçãodeumaorganizaçãoépossuidordeautoridade,masnãoderesponsabilidade,

poisnãohá,paraosaltoscargos,divisãodetarefas.

Q

uestão 67

Manualdeplanejamentoéacoleçãosistemáticadenormas,diretrizeseprocedimentosqueindicam

a todos os colaboradores as atividades a serem cumpridas e a maneira como deverão ser realizadas.

Q

uestão 61

AsatividadesdeOrganizaçãodocicloouprocessoadministrativotêmcomoatribuiçõesprincipaisa

determinaçãodeobjetivoseaalocaçãoderecursos.

Q

uestão 62

AsatividadesdeControleestãorelacionadasàdeterminaçãodosmétodoseprocessosderealização

das atividades.

Q

uestão 63

Éoprocessonoqualumatarefaédividaempartes,ecadaumadelaséatribuídaaumapessoaoua

umgrupodepessoas.

Q

uestão 64

Levaànecessidadedecriaçãodecargos,sendoqueocargoéamaiorunidadedetrabalhoemuma

organização,oqualenvolvetarefasouatividadesedeveserdesempenhadopelachefia.

Q

uestão 65

Impeleàcriaçãodeblocosdetrabalho,quepodemserdenominadosdedepartamento,gerência,divisão,

diretoria,seção,área,evariamdeumaorganizaçãoparaoutra.

Q

UESTÕES de 63 a 65

ANÁLISE DOS 

OBJETIVOS

AVALIAÇÃO DOS 

RECURSOS

DIVISÃO DO 

TRABALHO

RECURSOS 

NECESSÁRIOS

RECURSOS 

DISPONÍVEIS

ESTRUTURA 

ORGANIZACIONAL

DEFINIÇÃO DE 

RESPONSABILIDADES

DEFINIÇÃO DE 

AUTORIDADE

Emrelaçãoàdivisãodotrabalhoemumaorganização,pode-seafirmar:

Q

uestão 60

AsatividadesdeDireçãotêmcomoatribuiçõesprincipaisaverificaçãododesempenhoorganizacionale

a avaliação do desempenho dos colaboradores.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

12

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO / Intermediário D

Q

uestão 68

Oprocessodeorganizaçãoededivisãodotrabalhoenvolveaatribuiçãodeautoridadeapessoasoua

unidades de trabalho.

Q

uestão 69

Distribuiçãodaautoridadeemumaorganização,emdiferentesníveis,constituiahierarquiaorganizacional.

Q

uestão 70

Amplitudedecontroleexpressaonúmerodepessoasqueintegramumaequipedetrabalhoassociado

aumresponsável.

Q

uestão 71

Autoridadeexpressaodireitolegalqueocoordenador,ochefeouogerentetêmdedirigirecomandar

osintegrantesdesuaequipe.

Q

uestão 72

Encontra-seligadoprincipalmenteaosórgãosdegestãodepessoasemarketing,poisexerceopapelde

mediação e de compreensão das necessidades dos colaboradores.

Q

UESTÕES de 68 a 71

PESQUISADORES 

DE CAMPO

COORDENADOR DE  

PROJETO DE 

PESQUISA

PESQUISADORES 

BIBLIOGRÁFICOS

ANALISTAS E 

REDATORES

HIERARQUIA

AMPLITUDE DE CONTROLE

Q

UESTÕES 72 e 73

Codificação

Transmissão

Decodificação

• Organizarmensagem

• Escolherumcódigo

• Por meio da voz, papel, 

correioeletrônico

• Interpretação da 

mensagem

• Interferênciada

percepeção

Feedback

Sobreoprocessodecomunicação,pode-seafirmar:

Q

uestão 73

Acontecesempredemaneiraformal,emumaorganizaçãoestruturadaequeobservaasnormaseas

regras,portantodemodoescrito.

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

13

Q

uestão 74

Osregulamentoseosmanuaispodemserconsideradosexemplosdecomunicaçãoascendente.

Q

uestão 75

As reclamações e as sugestões dos clientes, consumidores ou cidadãos podem ser consideradas

exemplosdecomunicaçãodescendente.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO / Intermediário D

Q

uestão 79

Ocontrolesobreaspessoassefazdemodoformalatravésdoautocontrole.

Q

uestão 80

A responsabilidade

 socialbaseia-senoprincípiodequeasorganizaçõessãoinstituiçõessociaisque

existemcomautorizaçãodasociedade.

Q

uestão 81

Umcódigodeéticaéumacartareservadadeintençõesdosfuncionáriosecolaboradoresdiretamente

envolvidos no atendimento ao público.

Q

uestão 77

Ocontrolenasorganizaçõesexigeoestabelecimentodepadrõesextraídosdiretamentedosobjetivos

ou resultados esperados.

Q

uestão 78

Aconversainformaléumafonteessencialdeinformaçãoparaocontroleinternodaorganização.

Q

uestão 76

A capacidade de compreender a natureza e as motivações das emoções dos outros, avaliando as 

situaçõesapartirdaperspectivaalheia,contribuifavoravelmenteaoambientedetrabalho.

Q

UESTÕES de 77 a 79

Controle 

prévio

Controle do 

processo

Controle 

posterior

Auditoria de 

sistemas da 

qualidade

Controle  

estatístico de 

processo

Controle 

tradicional da 

qualidade

ATIVIDADE

Q

UESTÕES de 82 a 85

Físicos

Financeiros

Humanos

Mercadológicos

Administrativos

RECURSOS

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

14

Q

uestão 82

Afunçãomaterialtemporobjetivoaobtençãodosrecursoseconômicos,utilizandofontesdefinanciamento

e de investimento previstos no orçamento.

Q

uestão 83

Afunçãoadministrativaenvolveplanejamento,organização,direçãoecontrole,incluindoprocessosde

tomadadedecisãoecompartilhamentodeinformações.

Q

uestão 84

Afunçãofinanceiraenvolveamatéria-primautilizadanoprocessoprodutivo,opróprioprocessoprodutivo

eoespaçofísico.

Q

uestão 85

Osrecursoshumanossãoaquelesquepodemgerirosdemaisrecursos.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO / Intermediário D

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

15

F

ontes das ilustrações

Questões de 56 a 58
CHIAVENATO, I. 

Administração:teoria,processoeprática.3.ed.SãoPaulo:MakronBooks,2000,p.6.

Questões de 59 a 62
MORAES, A. M. P. de. 

Introdução à administração.3.ed.SãoPaulo:Pearson,2004,p.14.

Questões de 63 a 65
MAXIMIANO, A. C. A. 

Introdução à administração.2.ed.SãoPaulo:Atlas,2011,p.138.

Questões de 68 a 71
______. ______. p. 142.

Questões 72 e 73
MORAES, A. M. P. de. Op. cit.. p. 259.

Questões de 77 a 79
MAXIMIANO, A. C. A. Op. cit.. p. 266.

Questões de 82 a 85
MORAES, A. M. P. de. Op. cit.. p. 104.

R

EFERÊNCIAS

Questões 22 e 23 
DIAS, M. A. P. 

Administração de materiais:princípios,conceitosegestão.6.ed.SãoPaulo:Atlas,

2012. Adaptado.

Questão 24
MAXIMIANO, A. C. A. 

Teoria geral da administração:darevoluçãourbanaàrevoluçãodigital.7.ed.

SãoPaulo:Atlas,2012.

UFOB – 2014 – Concurso Público para Servidor Técnico-Administrativo / Intermediário D

ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html
ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html
ufba-2014-ufob-assistente-em-administracao-prova.pdf-html.html

Universidade Federal do Oeste da Bahia – UFOB

Pró-ReitoriadeAdministração

RuaRecantodosPássaros,nº316

Cep47.808-021–Barreiras–Bahia–Brasil

telefax:(77)3614-3500

Pró-ReitoriadeDesenvolvimentodePessoas–PRODEP

Pró-ReitoriadeGraduação–PROGRAD

ServiçodeSeleção,OrientaçãoeAvaliação-SSOA

RuaDr.AugustoViana,33–Canela–Cep.40110060

Salvador–Bahia–Brasil–telefax:(71)3283-7820

E-mail:ssoa@ufba.br–Site:www.concursos.ufba.br