Prova Concurso - Pedagogia - 2016-IF-PI-PROFESSOR-DESENHO-BASICO - IFPI - IF - 2016

Prova - Pedagogia - 2016-IF-PI-PROFESSOR-DESENHO-BASICO - IFPI - IF - 2016

Detalhes

Profissão: Pedagogia
Cargo: 2016-IF-PI-PROFESSOR-DESENHO-BASICO
Órgão: IF
Banca: IFPI
Ano: 2016
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

PEDAGOGOUFPA2018
PEDAGOGOUNIFESSPA2018
PEDAGOGOEBSERH2018

Gabarito

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-gabarito.pdf-html.html

 

 

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí 

Concurso Público para Provimento de Cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico 

EDITAL Nº 80/2016, DE 30 DE AGOSTO DE 2016 

 

GABARITO PRELIMINAR 

 

LEGISLAÇÃO 

(para todos os cargos) 

0

0

0

0

0

0

0

0

0

1

1

1

1

1

1

1

1

1

1

2

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

SECRETARIADO

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

X - 

NULA 

 

CURSO/DISCFIPLINA: 

ADMINISTRAÇÃO

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

AGROINDÚSTRIA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

AGRONOMIA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

BIOLOGIA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-gabarito.pdf-html.html

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

CONTABILIDADE

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

DESENHO BÁSICO/TÉCNICO/PROJETOS  

       ARQUITETÔNICOS

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

EDIFICAÇÕES I

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

EDIFICAÇÕES II

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 D  C 

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

ELETROMECÂNICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

X - 

NULA 

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

ELETROTÉCNICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

FILOSOFIA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-gabarito.pdf-html.html

X - 

NULA 

 

CURSO/DISCFIPLINA: 

FÍSICA

 

21  22  23  24  25  26  27  28  29  30  31  32  33  34  35  36  37  38  39  40 

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

GESTÃO AMBIENTAL

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 
 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

INFORMÁTICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

MATEMÁTICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

X -

 NULA 

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

MECÂNICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

MINERAÇÃO

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

MÚSICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-gabarito.pdf-html.html

 
 

CURSO/DISCFIPLINA: 

QUÍMICA

 

2

2

2

2

2

2

2

2

2

3

3

3

3

3

3

3

3

3

3

4

 
 
 
 
 

Prova

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CARGO:

PROFESSOR

DESENHO BÁSICO

/TÉCNICO

/PROJETOS

ARQUITETÔNICOS

CAMPUS:

19. Floriano

Nome do candidato: 

Nº de Inscrição: 

CADERNO DE

PROVA ESCRITA

Piauí

INSTITUTO

FEDERAL

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI)

Concurso Público para Provimento de Cargos de

Professor de Ensino Básico,Técnico e Tecnológico do IFPI

Comissão de Seleção de Pessoal – CSEP

EDITAL Nº 80/2016, DE 30 DE AGOSTO DE 2016

LEIA AS INSTRUÇÕES COM ATENÇÃO

Concurso Público

1) Após se identificar e entrar na sala de prova, o candidato 

não poderá mais dela se retirar, a não ser após 01 (uma) hora 

do início da prova e devidamente acompanhado de um fiscal. 

Ressalvando-se a situação prevista no Edital 80/2016 IFPI.

2) Esta 

Prova Escrita terá tempo de duração de 5 (cinco) 

horas, com início após a informação do tema da prova 

discursiva aos candidatos.  
3) O 

sorteio do tema da prova discursiva será realizado em 

uma das salas com a presença de dois candidatos e um fiscal 

das demais salas, sendo o tema desta prova um dos 10 (dez) 

apresentados no conteúdo programático de conhecimentos 

específicos por curso/disciplina.

4) Cada candidato receberá: 01 (um) CADERNO DE PROVAS 

CONTENDO A PROVA OBJETIVA, A FOLHA DE RESPOSTA DA 

PROVA OBJETIVA (cartão gabarito), FOLHA DE RESPOSTA 

DA PROVA DISCURSIVA e FOLHAS DE RASCUNHO PARA 

PROVA DISCURSIVA.

5)

 O candidato deverá verificar se o material supracitado 

está completo, se tem falhas de impressão ou grampeamento. 

Se ocorrer qualquer uma das situações citadas, comunicar e 

solicitar ao fiscal a devida substituição. 

Feitas as verificações 

necessárias e o comunicado para iniciar as avaliações, não 

poderá mais haver substituição de nenhum material que foi 

entregue.
6) É facultado o uso das folhas destinadas para rascunho, as 

quais não valerão para finalidade de avaliação. 

7)  A prova discursiva 

deverá ter no mínimo 60 (sessenta) 

linhas e, no máximo, 120 (cento e vinte) linhas.
8)   A Prova Escrita deverá, obrigatoriamente, ser realizada 

com caneta esferográfica, de material transparente, com 

ponta grossa, na cor azul ou preta. 

9) Ao término da prova escrita, o candidato deverá entregar 

todo o material recebido e especificado no item 4. Não será 

permitido ao candidato levar nenhum material.

 10)Os três últimos candidatos deverão permanecer na sala de 

prova e somente poderão sair juntos do recinto.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 2

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

01. 

Sobre os requisitos básicos para investidura 

em cargo público, conforme a Lei nº 8.112/90 e suas 

alterações, marque a única alternativa que NÃO se 

aplica: 

a)  O gozo dos direitos políticos é um requisito 

básico para a investidura em cargo público.

b)  Aptidão física e mental.

c)  Capacidade de Iniciativa e produtividade.

d)  A quitação com as obrigações militares e 

eleitorais.

e)  A nacionalidade brasileira.

02. 

Com a Lei nº 11.892/08, e suas alterações, 

fica instituída, no âmbito do sistema federal de ensino, 

a Rede Federal de Educação Profissional, Científica 

e Tecnológica, vinculada ao Ministério da Educação 

e constituída pelas seguintes instituições: Institutos 

Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - 

Institutos Federais; Universidade Tecnológica 

Federal do Paraná - UTFPR; Centros Federais de 

Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - 

CEFET-RJ e de Minas Gerais - CEFET-MG; Escolas 

Técnicas vinculadas às Universidades Federais; e 

Colégio Pedro II.  Assim, é CORRETO afirmar sobre 

as referidas Instituições:

a)  O Colégio Pedro II é instituição federal de 

ensino, pluricurricular e multicampi, vinculada ao 

Ministério da Educação e especializada apenas 

na oferta de educação básica.

b)  As Escolas Técnicas vinculadas às 

Universidades Federais, não mencionadas na 

composição dos Institutos Federais, não poderão, 

em observância à conjuntura econômica, ainda 

que mediante aprovação do Conselho Superior 

de sua respectiva Universidade Federal, propor 

ao Ministério da Educação a adesão ao Instituto 

Federal que esteja constituído na mesma base 

territorial.

c)  O Colégio Pedro II é equiparado aos 

Institutos Federais para efeito de incidência das 

disposições que regem a autonomia e a utilização 

dos instrumentos de gestão do quadro de pessoal 

e de ações de regulação, avaliação e supervisão 

das instituições e dos cursos de educação 

superior.

d)  Que possuem natureza jurídica de autarquia, 

detentoras de autonomia administrativa, 

patrimonial,  financeira,  didático-pedagógica  e 

disciplinar. 

e)  No  âmbito  de  sua  atuação,  os  Institutos 

Federais exercerão, em caráter específico, o papel 

de  instituições  certificadoras  de  competências 

profissionais.

03. 

Qual dentre as alternativas elencadas abaixo 

é  objetivo  do  Instituto  Federal  do  Piauí,  conforme 

normatizado no Art. 5º do Estatuto:

a)  ministrar prioritariamente a educação 

profissional técnica de nível médio, na forma de 

cursos integrados para jovens e adultos, por estes 

terem tido a oportunidade na idade apropriada.

b)  garantir a formação de trabalhadores 

nas empresas públicas e privadas por meio 

da Extensão, com ênfase em conhecimentos 

tecnológicos,  através  de  convênios  firmados 

anualmente.

c)  realizar pesquisas aplicadas, estimulando 

o desenvolvimento de soluções técnicas e 

tecnológicas, estendendo seus benefícios à 

comunidade.

d)  desenvolver atividades extra-curriculares em 

comunidades carentes para o desenvolvimento 

de micro-empresas com ênfase em produção, 

desenvolvimento e difusão de conhecimentos 

científicos e tecnológicos.

e)  ministrar cursos para os diferentes níveis de 

ensino, abrangendo o Ensino Fundamental.

04. 

O Decreto Nº 5.154 afirma que a  educação 

profissional será desenvolvida por meio de cursos e 

programas. Marque a  opção que melhor se aplica.

a)  formação inicial de trabalhadores.

b)  qualificação profissional, inclusive formação 

inicial e continuada de trabalhadores; educação 

profissional  técnica  de  nível  médio;  educação 

profissional tecnológica de graduação e de pós-

graduação.

c)  educação  profissional  de  nível  médio; 

formação 

inicial; 

educação 

profissional 

tecnológica de graduação. 

d)  educação  profissional  tecnológica  de 

graduação e de pós-graduação; formação 

continuada de trabalhadores

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 3

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

e)  educação  profissional  de  graduação  e  de 

pós-graduação.

05. 

Os cursos e programas de formação 

inicial e continuada de trabalhadores, referidos 

no inciso I do Art. 1

o

 do Decreto 5.154, 

 

incluem a capacitação, o aperfeiçoamento, a 

especialização e a atualização, em todos os 

níveis de escolaridade, e poderão ser ofertados 

segundo itinerários formativos, objetivando:

a)  o desenvolvimento de aptidões para a 

vida produtiva e social.

b)  o desenvolvimento educacional pleno.

c)  o desenvolvimento de aptidões técnicas 

profissionais.

d)  ampliar as capacidades sócio-emocionais.

e)  ampliar a vida produtiva.

06. 

Em conformidade com a Lei 9.394, o 

Ensino Médio, etapa final da Educação Básica, 

com duração mínima de três anos, terá como 

finalidades:

(  ) a consolidação e o aprofundamento dos 

conhecimentos adquiridos no ensino fundamental, 

possibilitando o prosseguimento de estudos.
(  ) a preparação básica para o trabalho e 

a cidadania do educando, para continuar 

aprendendo, de modo a ser capaz de se adaptar 

com flexibilidade a novas condições de ocupação 

ou aperfeiçoamentos posteriores.
( ) o aprimoramento do educando como 

pessoa humana, incluindo a formação ética e o 

desenvolvimento da autonomia intelectual e do 

pensamento crítico.
(  ) a compreensão dos fundamentos científico-

tecnológicos dos processos produtivos, 

relacionando a teoria com a prática, no ensino de 

cada disciplina.
Usando como referência (V) para a assertiva 

Verdadeira e (F) para Falsa, marque a opção que 

melhor se aplica, segundo a sequência de cima 

para baixo.

a)  VVFV

b)  VFFF

c)  FVFV

d)  VVVV

e)  VVVF

07. 

Conforme a Lei Nº 9.394/96 (Lei de 

Diretrizes  e  Bases  da  Educação  Nacional) 

na  Seção  que  trata  da  Educação  Profissional 

Técnica de Nível Médio, a preparação geral para 

o trabalho, e, facultativamente, a habilitação 

profissional  poderão  ser  desenvolvidas  nos 

próprios estabelecimentos de ensino médio ou 

em cooperação com instituições especializadas 

em  educação  profissional.  Sobre  a  referida 

modalidade de educação aqui em destaque, 

leia os itens que se seguem e escreva (C) para 

Correto ou (E) para Errado e, em seguida, 

assinale a sequência CORRETA.

( ) A  educação  profissional  técnica  de  nível 

médio  será  desenvolvida  nas  seguintes  formas:        

articulada com o ensino médio;  subsequente, 

em cursos destinados a quem já tenha concluído 

o ensino médio. 

( ) A  educação  profissional  técnica  de  nível 

médio deverá observar:  os objetivos e definições 

contidos nas diretrizes curriculares nacionais 

estabelecidas pelo Conselho Nacional de 

Educação;  As normas complementares dos 

respectivos sistemas de ensino; As exigências 

de cada instituição de ensino, nos termos de seu 

projeto pedagógico.

( ) A  educação  profissional  técnica  de  nível 

médio articulada, prevista na Lei Nº 9.394/96 (Lei 

de  Diretrizes  e  Bases  da  Educação  Nacional), 

será desenvolvida nas formas Integrada e 

Concomitante.

( ) A  educação  profissional  técnica  articulada 

com o ensino médio,  na sua modalidade 

integrada, pode ser oferecida somente a quem 

já tenha concluído o ensino fundamental, sendo 

o  curso  planejado  de  modo  a  conduzir  o  aluno 

à habilitação profissional técnica de nível médio, 

na mesma instituição de ensino, efetuando-se 

matrícula única para cada aluno.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 4

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

( ) A  educação  profissional  técnica  articulada 

com o ensino médio,  na sua modalidade 

concomitante, pode ser oferecida a quem 

ingresse no ensino médio ou já o esteja cursando, 

efetuando-se matrículas distintas para cada curso.

Diante da questão posta pode-se afirmar que a 

sequência CORRETA é:

a)  C, E, C, C, E.

b)  C, C, C, C, C.

c)  E, C, C, E, C.

d)  E, C, E, C, C.

e)  C, C, E, C, C.

08. 

A educação profissional e tecnológica, no 

cumprimento dos objetivos da educação nacional, 

integra-se aos diferentes níveis e modalidades de 

educação e às dimensões do trabalho, da ciência 

e da tecnologia. Sobre a referida modalidade 

de educação, analise as alternativas abaixo e 

marque aquela que está INCORRETA:

a)  Os  cursos  de  educação  profissional  e 

tecnológica poderão ser organizados por eixos 

tecnológicos, possibilitando a construção de 

diferentes itinerários formativos, observadas 

as normas do respectivo sistema e nível de 

ensino. 

b)  Dentre os cursos abrangidos pela 

educação  profissional  e  tecnológica  estão 

os de formação inicial e continuada ou 

qualificação profissional.

c)  A  educação  profissional  e  tecnológica 

também abrange os cursos: de educação 

profissional  técnica  de  nível  médio;  e  de 

educação 

profissional 

tecnológica 

de 

graduação e pós-graduação. 

d)  Os  cursos  de  educação  profissional 

tecnológica de graduação e pós-graduação 

organizar-se-ão, no que concerne a objetivos, 

características e duração, de acordo com as 

diretrizes curriculares nacionais estabelecidas 

pelo Conselho Nacional de Educação.

e)  Os cursos de educação profissional técnica 

de nível médio deverão ser organizados por 

eixos tecnológicos, possibilitando a construção 

de diferentes itinerários formativos.

09. 

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação 

Nacional (Lei Nº 9.394/96), no seu Capítulo III- 

Da  Educação  Profissional,  apresenta  algumas 

determinações e características da educação 

profissional e tecnológica.  No que diz respeito à 

citada modalidade de educação, analise os itens 

a seguir e assinale a alternativa CORRETA:

I - A educação profissional será desenvolvida em 

articulação com o ensino regular ou por diferentes 

estratégias de educação continuada, apenas em 

instituições especializadas.

II - O conhecimento adquirido na educação 

profissional e tecnológica, inclusive no trabalho, 

poderá ser objeto de avaliação, reconhecimento 

e certificação para prosseguimento ou conclusão 

de estudos.      

III  -  As  instituições  de  educação  profissional  e 

tecnológica, além dos seus cursos regulares, 

oferecerão cursos especiais, abertos à 

comunidade, condicionada a matrícula 

à capacidade de aproveitamento e não 

necessariamente ao nível de escolaridade.

a)  Apenas os itens I e II estão corretos.

b)  Apenas os itens I e III estão corretos.

c)  Apenas os itens II e III estão corretos.

d)  Apenas o item I está correto.

e)  Todos os itens estão corretos.

10. 

A Lei 9.394/96 (Lei de Diretrizes e Bases 

da Educação Nacional), no seu Art. 8º, ressalta 

que: A União, os Estados, o Distrito Federal 

e os Municípios organizarão, em regime de 

colaboração, os respectivos sistemas de ensino. 

Sobre o sistema federal de ensino, Art. 16 da 

mesma Lei, devemos afirmar que ele compreende 

as seguintes instituições e órgãos:

a)  As instituições de ensino mantidas pela 

União; os órgãos federais de educação.

b)  Universidades Federais; Institutos 

Federais de Educação Tecnológica; e órgãos 

federais de educação.

c)  Universidades Federais e Institutos 

Federais de Educação Tecnológica.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 5

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

d)  As instituições de ensino mantidas pela 

União; as instituições de educação superior 

criadas e mantidas pela iniciativa privada; os 

órgãos federais de educação.

e)  As instituições de educação superior 

criadas e mantidas pela iniciativa privada; os 

órgãos federais de educação.

11. 

A Lei Nº 11.892/2008 que institui a Rede 

Federal  de  Educação  Profissional,  Científica 

e Tecnológica e criou os Institutos Federais 

de Educação, Ciência e Tecnologia- Institutos 

Federais,  também  define,  no  seu  Art.  6º,  as 

finalidades  e  características  dos  mencionados 

Institutos Federais. Sobre as referidas finalidades 

e características elencadas no artigo aqui 

mencionado, assinale a alternativa INCORRETA:

a)  Ofertar 

educação 

profissional 

tecnológica, em todos os seus níveis e 

modalidades,  formando  e  qualificando 

cidadãos com vistas na atuação profissional, 

nos diversos setores da economia, com 

ênfase  no  desenvolvimento  socioeconômico 

local, regional e nacional.

b)  Desenvolver a educação básica e 

tecnológica como processo educativo e 

produtivo de geração e adaptação de soluções 

técnicas e tecnológicas às demandas 

sociais e peculiaridades locais de naturezas 

específicas.

c)   Promover a integração e a verticalização 

da educação básica à educação profissional 

e educação superior, otimizando a infra-

estrutura física, os quadros de pessoal e os 

recursos de gestão.

d)   Realizar e estimular a pesquisa aplicada, 

a produção cultural, o empreendedorismo, o 

cooperativismo e o desenvolvimento científico 

e tecnológico.

e)   Promover a produção, o desenvolvimento 

e a transferência de tecnologias sociais, 

notadamente as voltadas à preservação do 

meio ambiente.

12. 

Os Institutos Federais são instituições 

de  educação  superior,  básica  e  profissional, 

pluricurriculares e multicampi, especializados na 

oferta de educação profissional e tecnológica nas 

diferentes modalidades de ensino. Com relação 

aos Institutos Federais, analise os itens a seguir e 

assinale a alternativa CORRETA: 
I - Para efeito da incidência das disposições que 

regem a regulação, avaliação e supervisão das 

instituições e dos cursos de educação superior, 

os Institutos Federais são equiparados às 

Universidades Federais.

II - No âmbito de sua atuação, os Institutos Federais 

exercerão o papel de instituições acreditadoras e 

certificadoras de competências profissionais.

III - Os Institutos Federais não terão autonomia 

para criar e extinguir cursos, nos limites de sua 

área de atuação territorial, bem como para 

registrar diplomas dos cursos por eles oferecidos, 

mediante autorização do seu Conselho Superior, 

aplicando-se, no caso da oferta de cursos à 

distância, a legislação específica.

a)  Apenas os itens I e II estão corretos.

b)  Apenas os itens I e III estão corretos.

c)  Apenas os itens II e III estão corretos.

d)  Apenas o item I esta correto.

e)  Todos os itens estão corretos.

13. 

Analise os itens abaixo sobre a Lei que 

Institui a Rede Federal de Educação Profissional, 

Científica  e  Tecnológica  e  cria  os  Institutos 

Federais de Educação, Ciência e Tecnologia 

(Lei Nº 11.892/2008) e escreva (F) para Falso 

ou (V) para Verdadeiro e, em seguida, marque a 

sequência CORRETA.

I. (  ) Dentre as instituições que compõem 

a  Rede  Federal  de  Educação  Profissional, 

Científica  e  Tecnológica  estão  as  Escolas 

Técnicas vinculadas às Universidades Federais.

II. (  ) Cada Instituto Federal é organizado em 

estrutura multicampi, com proposta orçamentária 

anual identificada para cada campus e a reitoria, 

exceto no que diz respeito a pessoal, encargos 

sociais e benefícios aos servidores.

III. (  ) A reitoria, como órgão de administração 

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 6

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

central, não poderá ser instalada em espaço físico 

distinto de qualquer dos campi que integram o 

Instituto Federal.

IV. 

(  ) Os Institutos Federais não poderão 

conceder bolsas de pesquisa, desenvolvimento, 

inovação  e  intercâmbio  a  alunos,  docentes  e 

pesquisadores externos ou de empresas, a serem 

regulamentadas por órgão técnico competente 

do Ministério da Educação.

V. (  ) Os bens e direitos do Instituto Federal 

serão utilizados ou aplicados, exclusivamente, 

para  a  consecução  de  seus  objetivos,  não 

podendo ser alienados, a não ser nos casos e 

condições permitidos em lei.

A sequência CORRETA é:

a)  V, V, F, V, F.

b)  V, F, V, F, V.

c)  V, V, F, F, V.

d)  F, V, V, F, F.

e)  F, V, F, F, V.

14. 

Conforme estabelece o Art. 1º do Estatuto 

do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do 

Piauí, o Instituto Federal do Piauí possui natureza 

jurídica de autarquia, sendo detentor de:

a)  Autonomia administrativa, mas 

dependência didático-pedagógica e disciplinar 

do Ministério da Educação.

b)  Autonomia patrimonial e didático-

pedagógica, mas relativa dependência 

disciplinar a ser construída com a comunidade 

escolar.

c)  Autonomia disciplinar, patrimonial e 

administrativa, mas total dependência 

financeira do Ministério da Educação.

d)  Autonomia administrativa, patrimonial, 

financeira, didático-pedagógica e disciplinar.

e)  Autonomia didático-pedagógica e 

patrimonial apenas.

15.  De acordo com o Art. 6º do Estatuto do 

Instituto Federal do Piauí, no desenvolvimento 

da sua ação acadêmica, o Instituto Federal 

do Piauí, em cada exercício, deverá garantir o 

mínimo de:

a)  50% (cinquenta por cento) de suas vagas 

para a educação profissional técnica de nível 

médio, e o mínimo de 20% (vinte por cento) 

das vagas para cursos de licenciatura e/ou 

programas especiais de formação pedagógica.

b)  50% (cinquenta por cento) das vagas 

para cursos de licenciatura e/ou programas 

especiais de formação pedagógica e 50% 

(cinquenta por cento) para os demais cursos 

a serem oferecidos.

c)  20% (vinte por cento) das vagas para 

cursos de licenciatura e/ou programas 

especiais de formação pedagógica e 70% 

(setenta por cento) para educação geral 

necessária para o ensino médio.

d)  30% (trinta por cento) de suas vagas para 

a educação superior, porque permite acesso 

aos níveis mais elevados do saber e da cultura 

e 50% (cinquenta por cento) para programas 

especiais.

e)  Não  há  percentuais  definidos  para 

educação profissional técnica de nível médio 

e para licenciaturas, pois fere a autonomia 

do  gestor  na  definição  do  atendimento 

educacional a ser feito pelo Instituto Federal 

do Piauí.

16. 

O Estatuto do Instituto Federal do Piauí 

estabelece, no Art. 3º, princípios norteadores 

que orientam sua atuação. De acordo com esse 

estatuto, são princípios do IFPI, EXCETO:

I - compromisso com a justiça social, equidade, 

cidadania, ética, preservação do meio ambiente, 

transparência e gestão democrática.

II - horizontalização do ensino e sua integração 

com a pesquisa e a extensão.

III  -  eficácia  nas  respostas  de  formação 

profissional, difusão do conhecimento científico, 

tecnológico, artístico-cultural e desportivo e 

suporte aos arranjos produtivos locais, sociais e 

culturais.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 7

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

IV - inclusão de pessoas com necessidades 

educacionais especiais e deficiências específicas.

V - natureza pública e gratuita do ensino, sob a 

responsabilidade da União, dos Estados e dos 

Municípios.

a)  Apenas o inciso I.

b)  Os incisos II e III.

c)  Os Incisos IV e V.

d)  Os Incisos II e V.

e)  Os Incisos III e IV.

17. 

A Constituição Federal de 1988 definiu os 

percentuais mínimos de aplicação dos recursos 

para  a  educação  pública  no  Brasil.  Conforme 

o Art. 212, são percentuais mínimos a serem 

aplicados em manutenção e desenvolvimento do 

ensino, no Brasil:

a)  Dez por cento pela União, dezoito por 

cento pelos Estados e dezoito por cento pelos 

Municípios.

b)  Dezoito por cento pelos Estados, dezoito 

por cento pelos Municípios e vinte e cinco por 

cento da União.

c)  Dezoito por cento pela União, vinte e cinco 

por cento pelos Estados e vinte e cinco por 

cento pelos Municípios.

d)  Trinta por cento pelos Estados, vinte e 

cinco por cento pelos Municípios e dez por 

cento pela União.

e)  Vinte e cinco por cento pelos Estados, 

dezoito por cento pelos municípios e vinte e 

cinco por cento pela União.

18. 

A Constituição Federal de 1988, também 

denominada de Constituição Cidadã, estabeleceu 

no Capítulo III, especificamente no Art. 206, os 

princípios que regem o ensino no Brasil. Dentre 

estes, a gestão do ensino público passou a ser:

a)  Autônoma  e  livre  de  qualquer  poder, 

considerando os princípios de igualdade e 

liberdade do ensino.

b)  Democrática em todos estabelecimentos 

de ensino públicos e privados.

c)  Democrática do ensino público, na forma 

da Lei.

d)  Oligárquica em todas as escolas em 

conformidade  com  o  projeto  pedagógico  de 

cada escola.

e)  Participativa e democrática em todas as 

instituições de ensino, em consonância com o 

que preconiza o direito público.

19. 

O Art. 209 da Constituição Federal de 

1988 normatiza que o ensino é livre à iniciativa 

privada, atendidas as condições de cumprimento 

das normas gerais da educação nacional e 

autorização e avaliação de qualidade pelo poder 

público.

Considerando este artigo, é possível depreender 

que:

a)  As escolas privadas podem ser criadas 

a partir da livre iniciativa e o poder público 

deve prover as condições mínimas para seu 

funcionamento.

b)  As escolas privadas não são obrigadas 

a serem avaliadas pelo poder público, pois 

utilizam recursos próprios.

c)  As escolas privadas estão livres de 

cumprimento das normas gerais da educação 

nacional, conforme explica o caput do artigo.

d)  A livre iniciativa do ensino privado está 

condicionada ao cumprimento das normas 

gerais da educação e da autorização e 

avaliação de qualidade do poder público.

e)  A livre iniciativa não pressupõe obrigações 

de autorização pelo poder público, este deve 

se ater ao estabelecimento de padrões de 

qualidade.

20. 

Um estudante de Licenciatura em 

Pedagogia da Universidade Liberdade foi 

orientado a fazer uma pesquisa sobre o dever do 

Estado em garantir a educação, em conformidade 

com o que preconiza a Constituição da República 

Federativa  do  Brasil  de  1988.  O  Art.  208,  que 

estabelece o dever do Estado com a educação,  

foi escolhido pelo estudante para ser analisado. 

Conforme este artigo, o dever do Estado com a 

educação será efetivado mediante a garantia de, 

EXCETO:

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 8

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

I - educação básica obrigatória e gratuita dos 

4 (quatro) aos 17 (dezessete) anos de idade, 

assegurando inclusive sua oferta gratuita para 

todos os que a ela não tiveram acesso na 

idade própria; (Redação dada pela  Emenda  

Constitucional  nº  59,  de  2009).
II - universalização do ensino médio gratuito; 

(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 

14, de 1996).
III - atendimento educacional especializado aos 

portadores de deficiência, preferencialmente na 

rede especializada para este ensino, em função 

das especificidades da formação exigida.
IV - educação infantil, em creches e pré-escolas, 

às crianças até 6 (seis) anos de idade; (Redação 

dada pela Emenda Constitucional nº 53, de 2016).
V - acesso aos níveis mais elevados do ensino, 

da pesquisa e da criação artística, segundo a 

capacidade de cada um.
VI - oferta  de  ensino  noturno  regular,  adequado  

às condições do educando.
VII - atendimento ao educando, em todas as etapas 

da educação básica, por meio de programas 

suplementares de material didático escolar, 

transporte,  alimentação e assistência à saúde. 

(Redação dada pela Emenda Constitucional nº 

59, de 2009).
Após a análise dos incisos apresentados, marque 

a resposta correta nas opções abaixo.

a)  As  afirmativas  I,  II,  III.

b)  As  afirmativas  III,  IV  e  VI.

c)  As  afirmativas II, V e VII .

d)  As afirmativas  I, IV e V.

e)  As afirmativas II, III e IV.

21. 

Em  uma  apresentação  de  projeto  aos 

futuros usuários, discutiu-se acerca do estudo 

preliminar. Isso significa que:

a)  As representações foram elaboradas 

a partir de desenhos técnicos, procurando 

adaptar a linguagem para leigos e utilizando 

recursos  como  perspectivas  e  maquetes,  já 

que o objetivo era fornecer uma compreensão 

da  configuração  da  edificação,  incluindo 

soluções alternativas. 

b)  Os croquis elaborados para expressar 

o  partido  foram  desnecessários  já  que  os 

mesmos são representações desenvolvidas à 

mão livre para auxiliar o arquiteto na geração 

da proposta.

c)  O  memorial  justificativo  não  foi 

apresentado,  já  que  só  será  produzido  em 

fases posteriores quando as definições acerca 

dos elementos da construção, das instalações, 

dos componentes e dos materiais estiverem 

finalizadas.

d)  A presença dos engenheiros e projetista de 

instalações foi necessária, já que as decisões 

tomadas nessa fase destinam-se à elaboração 

de estimativas aproximadas de custos e de 

prazos dos serviços de obra implicados.

e)  As  soluções  discutidas  foram  definidas 

a partir do levantamento de dados, etapa 

destinada à elaboração de análise e avaliações 

para seleção e recomendação de alternativas 

para  a  concepção  da  edificação  e  de  seus 

elementos.

22. 

A  maior  parte  das  edificações  nasce  de 

projetos  de  arquitetura  que,  para  que  sejam 

construídas, precisam de uma coleção de 

projetos  complementares.  Um  desses  projetos 

é o de estruturas (cálculo estrutural). O partido 

estrutural  de  um  projeto,  assim  como  sua 

técnica construtiva, muitas vezes se confunde 

com  o  partido  arquitetônico  adotado.  Piñón 

(2006,  p.128)  critica  a  relação  entre  projeto  de 

arquitetura e tecnicidade quando afirma que as 

práticas de projeto comumente adotadas procura 

resolver  as  questões  arquitetônicas  à  margem 

das questões construtivas.

PIÑÓN, Helio. Teoria do Projeto. Traduzido por Edson 
Mahfuz. Porto Alegre: Livraria do Arquiteto, 2006.

Sobre a relação entre a arquitetura, estrutura 

e técnicas construtivas, assinale a alternativa 

CORRETA.

a)  O  partido  arquitetônico  de  um  projeto 

sempre deverá ser decidido antes do partido 

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 9

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

estrutural.

b)  O projeto detalhado de cálculo estrutural 

poderá ser confeccionado uma vez que sejam 

definidos,  pelo  menos,  as  plantas  do  projeto 

arquitetônico.

c)  A técnica construtiva não diz respeito 

ao  projeto  de  arquitetura,  não  cabendo  ao 

arquiteto decisões sobre esse quesito.

d)  O  partido  estrutural  de  um  projeto  pode 

anteceder  o  partido  arquitetônico  e  ambos 

podem ser de responsabilidade do arquiteto.

e)  O  projeto  detalhado  de  arquitetura 

(projeto de obra ou executivo) não precisa das 

definições do projeto de estruturas e nem das 

técnicas construtivas para ser confeccionado.

23. 

Podemos desenhar a perspectiva 

cavaleira, utilizando os ângulos de 30º, 45º e 60º.  

Dependendo  dos  ângulos,  teremos  diferentes 

distorções  no  desenho  do  objeto.  Utilizando  o 

cubo como objeto de desenho, podemos afirmar 

que:

a)  A perspectiva em 45º é que apresenta a 

menor distorção. 

b)  O coeficiente de redução da cavaleira de 

30º graus é 1/4 de sua altura.

c)  O coeficiente de redução da cavaleira de 

45º é 3/4 de sua altura.

d)  O coeficiente de redução da cavaleira de 

60º é 1/3 de sua altura.

e)  A face frontal da cavaleira é obliqua ao 

plano do observador.

24. 

Sobre as informações de referência a 

serem  utilizadas  na  fase  de  anteprojeto,  pode-

se  afirmar  que  os  documentos  necessários 

encontram-se descritos na opção:

a)  Programa de necessidades; Estudo de 

viabilidade; Vistorias no terreno.

b)  Estudo de viabilidade; Estudo Preliminar 

de Arquitetura; Levantamento de dados do 

terreno.

c)  Legislação municipal, estadual e federal 

pertinentes; Normas técnicas; Estudos 

preliminares produzidos por outras atividades 

técnicas.

d)  Estudo Preliminar de Arquitetura; 

Legislação municipal, estadual e federal 

pertinentes; Normas técnicas.

e)  Estudo Preliminar de Arquitetura; 

Levantamento  topográfico  e  cadastral; 

Sondagens de simples reconhecimento do 

solo.

25. 

Embora  sejam  verificadas  variações  nos 

métodos  de  projeto  arquitetônico,  a  maioria 

ocorre em uma sequência que considera as 

seguintes fases:

Análise: Definição de metas de projeto, critérios 

de desempenho, restrições, possíveis impactos 

das soluções para a comunidade e usuários.
Síntese: Busca de soluções de problema, criação 

de ideias, concepção das propostas.
Avaliação: Compara a solução proposta com as 

metas definidas na análise, de forma a distinguir 

o que é compatível e conflitante com os padrões 

de desempenho estabelecidos.
A sequência de decisões definidas nas três fases 

é contínua e articulada, em todo o processo 

de  projeto,  e  os  resultados  das  avaliações 

são  transmitidas  a  cada  etapa  de  projeto,  por 

meio de representações que, além de outros 

meios, é composta por desenhos, perspectivas, 

anotações, especificações, etc.
Sobre a comunicação e representação nas 

etapas do projeto, pode-se afirmar que:

a)  Perspectivas e maquetes são peças 

gráficas  obrigatórias  na  fase  de  estudo 

preliminar, por representarem as soluções 

de  projeto  em  uma  linguagem  próxima  à  do 

cliente, permitindo uma avaliação por parte do 

contratante.

b)  Detalhes  da  edificação  e  de  seus 

componentes construtivos são opcionais 

nas  fases  iniciais  de  projeto,  como  o  estudo 

preliminar. No entanto, nas etapas de 

projeto  básico  e  projeto  executivo  tornam-

se  necessários,  já  que  se  destinam  à 

representação 

final 

das 

informações 

técnicas e à execução dos serviços de obra 

correspondentes.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 10

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

c)  O programa de necessidades, etapa 

destinada à determinação das exigências de 

caráter prescritivo ou de desempenho a serem 

satisfeitas pela edificação a ser concebida é um 

documento necessário para a fase de estudo 

preliminar e não requer desenhos ou outros 

esquemas  gráficos,  já  que  sua  comunicação 

se dá por meio de planilha com a relação 

ambientes/usuários/atividades/equipamentos/

mobiliário, incluindo características, 

exigências, dimensões e quantidades.

d)  Os documentos técnicos (desenhos 

e  textos)  que  forem  rejeitados  parcial  ou 

totalmente devem ser revistos ou alterados 

por terceiros e submetidos à nova avaliação.

e)  Embora não represente um documento 

técnico, o croqui é uma ferramenta 

importante, utilizada durante todas as fases 

de  projeto  e  mesmo  no  acompanhamento 

da obra, por propiciar o registro de novas 

soluções. No entanto, é um recurso que serve 

exclusivamente ao arquiteto, pelo baixo grau 

de informação técnica que fornece.

26. 

A Figura 1 mostra um croqui de um 

típico  detalhe  de  projetos  arquitetônicos.  Nas 

representações em planta, o uso de símbolos 

é essencial para garantir a legibilidade das 

informações e o perfeito entendimento dos 

partícipes (arquitetos, engenheiros, mestre 

de  obras  etc).  Embora  muitos  profissionais 

adotem simbologias próprias em seus projetos, 

a  configuração  geométrica  desses  elementos 

gráficos faz parte da coleção de normas da ABNT 

(Associação Brasileira de Normas Técnicas).

Figura 1 - Planta de um detalhe arquitetônico

Sobre os elementos representados na Figura 1 é 

CORRETO afirmar:

a)  Os símbolos indicados em 7, segundo 

a  NBR  6492,  representam  um  interruptor  de 

duas seções e uma tomada tomada de luz a 

meia altura (1.300 mm do piso acabado).

b)  As hachuras representadas em 1 e 5 

podem indicar, respectivamente, a presença 

de concreto e de um acabamento em pedra 

na soleira.

c)  Os  elementos  gráficos  indicados  em  2  e 

3 podem representar uma porta tipo Paraná. 

Sua estrutura geométrica também ilustra uma 

porta de correr.

d)  A linha indicada em 9 representa o 

conjunto  formado  pelo  emboço  e  reboco, 

além de indicar a presença de revestimento 

cerâmico e de um rodapé na parede.

e)  Os desenhos indicados em 4, 5 e 6 

representam a estrutura de sustentação e 

acabamento de uma porta de abrir e todos 

deverão obrigatoriamente ser construídos em 

madeira.

27. 

Tendo  como  parâmetro  a  NBR  6492 

(Representação  de  projeto  de  arquitetura)  e  as 

Figuras I e II abaixo

podemos afirmar que as linhas representadas na 

Figura I (tracejado) e Figura II (traço ponto) são 

utilizadas, respectivamente, como:

a)  Linha auxiliar e linha de cota.

b)  Linha  de  projeção  horizontal  e  linha 

auxiliar.

c)  Linha  de  projeção  horizontal  e  linha  de 

projeção vertical.

d)  Linha de silhueta e linha de chamada.

e)  Linha situada além do plano de desenho e 

linha de eixo.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 11

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

28. 

Um esboço de um projeto de arquitetura foi 

feito manualmente em escala 1:100. Ao imprimi-

lo, percebeu-se que o desenho ficou o dobro do 

desenho original. Determine a escala em que o 

desenho foi impresso:

a)  1:200

b)  1:20

c)  2:1

d)  1:50

e)  1:25

29. 

A  Steltman  Chair,  cadeira  projetada  pelo 

arquiteto holandês Gerrit Thomas Rietveld  é 

considerada  um  objeto  icônico  do  mobiliário 

internacional. Na imagem abaixo, podemos 

observar seu design limpo, característico das 

obras do arquiteto.

Analisando o objeto e suas projeções, podemos 

afirmar que:

a)  As  figuras  I,  II,  III  e  IV  correspondem, 

respectivamente, às vistas ortográficas frontal, 

lateral direita, lateral esquerda e posterior da 

cadeira Steltman.

b)  As  figuras  I  e  II  correspondem, 

respectivamente, às vistas ortográficas frontal 

e lateral esquerda da cadeira Steltman.

c)  A figura III corresponde à vista ortográfica 

posterior da cadeira Steltman.

d)  A figura IV corresponde à vista ortográfica 

lateral direita da cadeira Steltman.

e)  A figura II corresponde à vista ortográfica 

lateral direita da cadeira Steltman.

30. 

Os nomes das perspectivas representadas 

nas figuras I, II e III, são, respectivamente:

a)  cônica, cavaleira e isométrica.

b)  isométrica, cavaleira e cônica.

c)  isométrica, cônica e cavaleira.

d)  cônica, cavaleira 60º e cavaleira a 30º.

e)  cavaleira, cônica e isométrica.

31. 

Na 

computação 

gráfica, 

existem 

basicamente dois tipos de representação: a 

vetorial  e  a  matricial.  Os  aplicativos  gráficos 

que trabalham com sistemas de representação 

vetorial apresentam, na tela do computador ou dos 

tablets, entidades que são o resultado de dados 

e atributos informados pelo usuário às chamadas 

primitivas vetoriais. Essas informações (input) 

podem ser processadas pelo software para gerar 

resultados diversos (output). 

AZEREDO, Eduardo. CONCI, Aura. Computação Gráfica
teoria e prática V.1. Rio de Janeiro: Campus Editora, 2007

Sobre isso é CORRETO afirmar:

a)  A criação e visualização de um segmento 

de reta precisará que pelo menos dois pares de 

coordenadas sejam informados pelo usuário. 

Essas coordenadas só podem ser inseridas 

no sistema através dos cliques do mouse.

b)  Os sistemas vetoriais não são capazes 

de gerar segmentos de reta, circunferências 

ou arcos com atributos, tais como: cores e/ou 

espessuras diversas.

c)  O AutoCAD, da Autodesk, software 

que usa representação vetorial, permite a 

inserção, visualização e edição de elementos 

não vetoriais (imagens bitmap), em sua área 

de trabalho.

d)  A criação e visualização de um prisma pelo 

sistema vetorial de representação dependerá 

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 12

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

somente do processamento de coordenadas 

no plano XY.

e)  O Adobe Photoshop, conhecido software 

de criação e edição de imagens bitmap, não 

tem recursos para visualização e edição de 

entidades vetoriais.

32. 

O  conjunto  de  atributos  presentes  nas 

entidades de um desenho vetorial do AutoCAD 

da  Autodesk,  assim  como  as  definições  de 

sistema e unidade de medidas, podem ser 

configurados  para  atender  a  diversos  objetivos 

gráficos,  dentre  eles,  a  impressão.  A  respeito 

dessas características é CORRETO afirmar:

a)  A unidade básica de trabalho para um 

desenho técnico sempre será o metro e isso 

será  determinante  nas  definições  de  uma 

escala final de impressão.

b)  Segmentos de reta tracejados podem ser 

controladas pelas camadas (layers) usadas no 

desenho, assim como sua escala de impressão 

(densidade e espaçamento do tracejado).

c)  Em uma mesma camada (layer) podem 

existir entidades de cores diferentes e por 

isso elas só poderão ser impressas com 

espessuras de linha diferentes.

d)  As cores escolhidas para as entidades 

presentes em um desenho (layer) podem ser 

usadas como atributo de determinação das 

suas espessuras finais de impressão.

e)  Todas as entidades visíveis em uma 

prancha serão obrigatoriamente impressas, 

independente das suas camadas (layers).

33. 

A criação e edição de textos e cotas faz 

parte  do  conjunto  básico  de  ferramentas  dos 

programas gráficos vetoriais desenvolvidos para o 

desenho técnico, tais como: AutoCAD, Draftsight 

ou MicroStation. Sobre esses recursos, avalie as 

assertivas a seguir, indicando qual é CORRETA:

a)  Os elementos de uma cota (texto, 

linha base e extremidades) são gerados 

automaticamente pelo software e não podem 

ser customizados pelo usuário.

b)  Os pontos cotados pelo usuário terão 

suas coordenadas associadas à entidade 

cota. Essa relação não pode ser desfeita em 

nenhuma hipótese.

c)  A espessura de impressão dos textos 

e cotas não podem ser controladas pelas 

camadas que os contém.

d)  Tabelas contendo quadros de esquadrias, 

especificações  de  materiais  e  áreas,  podem 

ser inseridas através de planilhas eletrônicas 

(arquivos XLS) como referências externas ao 

arquivo do desenho vetorial (DWG).

e)  A dimensão final de impressão de textos 

será  automaticamente  ajustada  à  escala  do 

desenho, não cabendo ao usuário nenhum 

tipo de configuração para que isso aconteça.

34. 

Existem vários tipos de perspectivas. 

Aquelas que fazem parte da categoria de 

perspectiva axonométrica ortogonal são 

denominadas de:

a)  Cavaleira, Isométrica e Cônica.

b)  Paralela, Oblíqua e militar.

c)  Dimétrica, Oblíqua e Cavaleira.

d)  Isométrica, Dimétrica e Trimétrica.

e)  Cavaleira, Cônica e Oblíqua.

35. 

Considerando-se um estacionamento 

com capacidade para 880 vagas, considerando 

o disposto no Decreto n° 5.296/2004 e a Lei 

Federal no 10.741/2003, é correto afirmar que o 

número mínimo de vagas para estacionamento 

de veículos que conduzam ou sejam conduzidos 

por  pessoas  com  deficiência  e  por  pessoas 

idosas, devam ser, respectivamente:

a)  18 e 44.

b)  17 e 44.

c)  18 e 18.

d)  44 e 44.

e)  44 e 17.

36. 

Em projetos arquitetônicos, de um modo 

geral,  o  profissional  deverá  ter  a  preocupação 

de torná-los acessíveis a todos os cidadãos, 

principalmente quanto ao uso dos ambientes, no 

meio urbano, como calçadas e passeios públicos. 

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

Página 13

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

Portanto,  de  acordo  com  a  NBR  9050/2015,  é 

CORRETO afirmar:

a)  A inclinação transversal da superfície não 

pode ser superior a 2 %.

b)  Quando  houver  grelhas  e  juntas  de 

dilatação, os vãos devem ter dimensão 

máxima de 15 mm e devem ser instalados 

paralelamente ao fluxo principal.

c)  A faixa livre deve ser livre de qualquer 

obstáculo, ser contínua entre lotes e ter no 

mínimo 1,50 m de largura e 2,10 m de altura 

livre.

d)  A faixa de acesso consiste no espaço de 

passagem da área pública para o lote. Esta 

faixa somente é possível em calçadas com 

largura superior a 2,00 m.

e)  Quando houver acesso de veículos 

aos lotes e seus espaços de circulação e 

estacionamento, deve ser feito de forma que 

quando interferir na faixa livre de circulação de 

pedestres existam abas com a inclinação de 

8%.

37. 

No Paper Space do AutoCAD, para editar 

o desenho, dentro de uma Viewport, impedindo 

alterações de escala, é necessário acionar nas 

propriedades da Viewport a opção:

a)  CLOSE VIEWPORT.

b)  BLOCK VIEWPORT.

c)  DISPLAY LOCKED.

d)  DISPLAY OFF.

e)  DISPLAY ON.

38. 

No AutoCAD é possível selecionar 

objetos  a  partir  da  definição  de  critérios,  de 

forma que somente os objetos com as mesmas 

características 

sejam 

capturados. 

Para 

estabelecer as regras de seleção, utiliza-se o 

comando:

a)  LAYFRZ.

b)  FILTER.

c)  FIND.

d)  SELECT.

e)  OBJECT.

39. 

Para a elaboração de desenhos a partir 

de fotografias, tais como a vetorização de mapas 

sobre imagem aérea, é necessário realizar os 

seguintes procedimentos no AutoCAD: 

- Referenciar a imagem dentro do arquivo.
- Ajustar a imagem para a escala 1:1.
- Retirar o contorno da imagem.
A sequência de comandos a serem aplicados 

encontra-se descrita na opção:

a)  1. XREF; 2. SCALE - REFERENCE; 3. 

IMAGECLIP

b)  1. XREF; 2. ZOOM - 1/1 XP; 3. 

IMAGEFRAME

c)  1. IMPORT; 2. STRETCH; 3. IMAGECLIP

d)  1. INSERT; 2. ZOOM WINDOW; 3. 

FRAME: 0

e)  1. IMAGE; 2. SCALE - REFERENCE; 3. 

FRAME: 0

40. 

No  processo  de  projeto,  as  informações 

necessárias  e  suficientes  à  execução  da  obra, 

fornecidas a partir de plantas, cortes, detalhes 

construtivos, memoriais e outros documentos, 

constituem a fase denominada:

a)  estudo preliminar.

b)  anteprojeto.

c)  detalhamento.

d)  projeto executivo.

e)  estudo de viabilidade.

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

FOLHA DE RESPOSTA

1
2
3
4
5
6
7
8
9

10

11

12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

P R O VA   D I S C U R S I VA

N

O

 DE INSCRIÇÃO

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

51

52

53

54

55

56

57

58

59

60

N

O

 DE INSCRIÇÃO

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

61

62

63

64

65

66

67

68

69

70

71

72

73

74

75

76

77

78

79

80

81

82

83

84

85

86

87

88

89

90

N

O

 DE INSCRIÇÃO

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

91

92

93

94

95

96

97

98

99

100

101

102

103

104

105

106

107

108

109

110

111

112

113

114

115

116

117

118

119

120

N

O

 DE INSCRIÇÃO

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

ifpi-2016-if-pi-professor-desenho-basico-prova.pdf-html.html

CSEP/IFPI - EDITAL Nº 80/2016

CARGO: PROFESSOR - DESENHO TÉCNICO

Marque o número do tema do conteúdo específico por Curso/Disciplina afixado no 

quadro pelo fiscal de sala.

  1.Teoria  do  desenho  projetivo  utilizado  pelo  desenho  técnico:  projeções 

ortogonais, suas aplicações e normalização correspondente; 

□ 

2. A representação gráfica de projetos arquitetônicos: cotagem: elementos, 

símbolos, normas, convenções e regras gerais; 

□ 

3. Normas técnicas da ABNT relacionadas ao desenho técnico; 

□ 

4. O uso do CAD como ferramenta auxiliar do projeto e da representaçãográfica 

arquitetônica: trabalhando com comandos de desenho e de edição; 

□ 

5. As fases do projeto arquitetônico: estudo preliminar, anteprojeto e projeto 

executivo; 

□ 

6. Sistemas de coordenadas cartesiano e polar; noção de posição geográfica 

tendo como base as coordenadas dos sistemas cartesianos; 

□ 

7. Formatação e edição do desenho e de suas entidades dentro do programa 

gráfico; 

□ 

8. Desenho arquitetônico: desenvolvimento de plantas baixas arquitetônicas e 

complementares; 

□ 

9. Procedimentos gráficos para a representação em perspectiva; 

□ 

10. O papel dos arquitetos e suas responsabilidades ante a necessidade de 

inclusão dos portadores de necessidades especiais: projetando dentro das normas.

S O R T E I O   D E   T E M A

N

O

 DE INSCRIÇÃO