Prova Concurso - Pedagogia - AOCP-2015-EBSERH-PEDAGOGO-HDT-UFT - INSTITUTO - AOCP - 2015

Prova - Pedagogia - AOCP-2015-EBSERH-PEDAGOGO-HDT-UFT - INSTITUTO - AOCP - 2015

Detalhes

Profissão: Pedagogia
Cargo: AOCP-2015-EBSERH-PEDAGOGO-HDT-UFT
Órgão: AOCP
Banca: INSTITUTO
Ano: 2015
Nível: Superior

Downloads dos Arquivos

prova.pdf
gabarito.pdf

Provas relacionadas

PEDAGOGOUFPA2018
PEDAGOGOUNIFESSPA2018
PEDAGOGOEBSERH2018

Gabarito

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-gabarito.pdf-html.html

HDT-UFT - HOSPITAL DE DOENÇAS TROPICAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS 

CONCURSO PÚBLICO 07/2015-EBSERH/HDT-UFT 

EDITAL Nº 03 

– EBSERH – ÁREA ASSISTENCIAL

 

 

 
 

 

 

 
 

 
 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

 
 
 

NÍVEL MÉDIO - MANHà

TÉCNICO EM ANÁLISES CLÍNICAS 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TÉCNICO EM FARMÁCIA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gabarito Pós-Recursos

 

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-gabarito.pdf-html.html

TÉCNICO EM RADIOLOGIA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

D  

 
 

NÍVEL SUPERIOR - MANHà

ASSISTENTE SOCIAL 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CIRURGIÃO - DENTISTA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-gabarito.pdf-html.html

ENFERMEIRO 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ENFERMEIRO - SAÚDE DO TRABALHADOR 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ENFERMEIRO - TERAPIA INTENSIVA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ENFERMEIRO - VIGILÂNCIA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-gabarito.pdf-html.html

FARMACÊUTICO 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FISIOTERAPEUTA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONOAUDIÓLOGO 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NUTRICIONISTA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
 
 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-gabarito.pdf-html.html

PEDAGOGO 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

X

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

A

 

E

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PSICÓLOGO - ÁREA HOSPITALAR 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TERAPEUTA OCUPACIONAL 

01 

02 

03 

04 

05 

06 

07 

08 

09 

10 

11 

12 

13 

14 

15 

16 

17 

18 

19 

20 

21 

22 

23 

24 

25 

X

 

  

26 

27 

28 

29 

30 

31 

32 

33 

34 

35 

36 

37 

38 

39 

40 

41 

42 

43 

44 

45 

46 

47 

48 

49 

50 

 
  

= QUESTÃO ANULADA 

Prova

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

Cargo

 Concurso Público

REF. EDITAL N° 03

NÍVEL SUPERIOR - MANHÃ

QUESTÕES

MATÉRIA

Raciocínio Lógico e Matemático 11 a 15

Língua Portuguesa

01 a 10

Legislação Aplicada à EBSERH 16 a 20

Legislação Aplicada ao SUS

21 a 25

ATENÇÃO 

PEDAGOGO

INSTRUÇÕES 

Conhecimentos Específicos

26 a 50

HDT-UFT - HOSPITAL DE DOENÇAS TROPICAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS

CONCURSO PÚBLICO 07/2015-EBSERH/HDT-UFT

EDITAL Nº 03 – EBSERH – ÁREA ASSISTENCIAL

Nome do Candidato

 Inscrição

    

 

 

O Caderno de questões possui 50 

(cinquenta) questões objetivas, 

numeradas sequencialmente, de 

acordo com o exposto no quadro a 

seguir:

1. Na sua Folha de Respostas, confira seu nome, o número do seu 

documento  e  o  número  de  sua  inscrição. Além  disso,  não  se 

esqueça de conferir seu Caderno de Questões quanto a falhas 

de impressão e de numeração, e se o cargo corresponde àquele 

para o qual você se inscreveu. Preencha os campos destinados 

à  assinatura  e  ao  número  de  inscrição.  Qualquer  divergência 

comunique ao  fiscal.

2. O  único  documento  válido  para  avaliação  da  prova  é  a  Folha 

de  Respostas.  Só  é  permitido  o  uso  de  caneta  esferográfica 

transparente de cor azul ou preta para o preenchimento da Folha 

de Respostas, que deve ser realizado da seguinte maneira: 

3. O prazo de realização da prova é de 4 (quatro) horas, incluindo 

a marcação da Folha de Respostas. Após 60 (sessenta) minutos 

do início da prova, o candidato estará liberado para utilizar o 

sanitário ou deixar definitivamente o local de aplicação. A retirada 

da  sala  de  prova  dos  3  (três)  últimos  candidatos  só  ocorrerá 

conjuntamente.

4. Ao término de sua prova, comunique ao fiscal, devolvendo-lhe 

a Folha de Respostas devidamente preenchida e assinada. O 

candidato  poderá  levar  consigo  o  Caderno de Questões, 

desde que aguarde em sala o término da aplicação. 

5.  As provas e os gabaritos preliminares estarão disponíveis no site 

do Instituto AOCP - www.institutoaocp.org.br - no dia posterior à 

aplicação da prova. 

6.  Implicará na eliminação do candidato, caso, durante a realização 

das provas, qualquer equipamento eletrônico venha emitir 

ruídos, mesmo que devidamente acondicionado no 

envelope de 

guarda de pertences. O NÃO cumprimento a qualquer uma das 

determinações constantes em Edital, no presente Caderno ou 

na Folha de Respostas, incorrerá na eliminação do candidato. 

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

O gabarito oficial preliminar e o caderno de questões da prova objetiva estarão disponíveis no 

endereço eletrônico 

www.institutoaocp.org.br no dia seguinte à aplicação da prova. 

------------------------------------------------------------------------------------(destaque aqui)--------------------------------------------------------------------------------

FOLHA PARA ANOTAÇÃO DAS RESPOSTAS DO CANDIDATO

Questão

Resp.

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20 21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34

35

Questão

Resp.

36

37

38

39

40 41

42

43

44

45

46

47

48

49

50

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

3

Cargo: Pedagogo

L Í N G U A   P O R T U G U E S A

Para coibir falsificações, remédios devem ganhar 

“RG” até o final de 2016

Débora Nogueira - Do UOL - 23/07/2015

 

A  caixinha  de  remédio  como  você  conhece  deve 

mudar em breve. A partir do final de 2016, deve começar 
a  valer  a  lei  de  rastreabilidade  dos  medicamentos, 
que  determina  que  cada  caixinha  será  rastreável  a 
partir de um código 2D (em duas dimensões). Estima-
se que
 um a cada cinco medicamentos vendidos no 
Brasil seja falsificado, segundo a OMS.

Essa espécie de “RG dos remédios” servirá para 

que as agências regulatórias como a Anvisa possam 
saber o caminho que um medicamento faz, desde o 
momento  da  fabricação  até  a  comercialização.    O 
consumidor  também  terá  parte  nisso:  será  possível 
verificar a partir do código da caixa se o remédio é 
verdadeiro. As indústrias farmacêuticas que operam 
no Brasil devem ter três lotes testes rastreáveis até 
dezembro  de  2015  e  todo  o  sistema  implantado  até 
dezembro de 2016.

Porém,  há  uma  disputa  em  jogo  que  pode  levar 

o  prazo  de  adequação  para  só  depois  de  2025.  As 
informações sobre o consumo de medicamentos de 
todos  os  brasileiros,  e  portanto  as  informações  de 
demanda e vendas, são muito valiosas.

Hoje,  a  indústria  farmacêutica  gasta  um  grande 

valor  para  obter  informações  sobre  a  venda  de 
remédios para poder definir estratégias de marketing 
e  a  atuação  dos  representantes  de  laboratórios 
junto  aos  médicos  (que  podem  até  ganhar  dinheiro 
e
  viagens  pelo  número  de  prescrições).  Existem 
empresas que pagam farmácias para obter dados de 
médicos, números de vendas etc. e, então, os vendem 
à indústria.

Com a lei, aprovada em 2009, toda essa informação 

seria passada para o governo. Mas a regulamentação 
feita pela Anvisa em 2013 não explicita como seriam 
armazenadas essas informações e quem teria acesso 
a  elas.  Apenas  fica  determinado  que  a  indústria  é 
responsável pela segurança da cadeia desde a saída 
da fábrica até chegar ao consumidor final.

As redes de drogarias e farmácias, representadas 

pela Abrafarma  (Associação  Brasileira  de  Redes  de 
Farmácias e Drogarias), criticam o fato das farmácias 
terem  de  reportar  cada  venda  às  farmacêuticas. 
Com  a  lei  da  rastreabilidade,  cada  modificação  de 
lugar  do  medicamento  (da  fábrica  para  a  farmácia 

e  farmácia  para  o  consumidor)  deve  ser  informada. 
“Isto é um verdadeiro absurdo contra a privacidade 
da  informação  prevista  na  Constituição.  Com  todas 
essas  informações  à  mão,  fabricantes  poderão 
alijar  empresas,  manipular  preços  e  dominar  a 
concorrência”,  afirmou  o  presidente  executivo  da 
Abrafarma, Sérgio Mena Barreto, em nota.

Além  disso,  as  redes  de  farmácias  pedem  um 

prazo  maior.  “Mais  de  180  mil  estabelecimentos  - 
entre farmácias, hospitais e postos de saúde – terão 
de se adequar tecnologicamente. Será uma complexa 
operação logística”, disse.

Há  um  projeto  de  lei  em  tramitação  no  Senado 

que pede alterações no envio de informações sobre 
os  medicamentos  e  propõe  um  prazo  maior  para 
adequação. No projeto, do senador Humberto Costa 
(PT), é proposto que cada membro da cadeia tenha 
seu próprio banco de dados, acessível pelo Sistema 
Nacional de Controle de Medicamentos -- para que o 
governo federal construa seu próprio banco de dados 
para armazenar e consultar todas as movimentações 
dos medicamentos. Junto a essa demanda, o senador 
pede  mais  10  anos  após  a  aprovação  da  lei  para 
que  todos  se  adequem,  ou  seja,  o  rastreamento  só 
passaria a valer a partir de 2025. O senador afirmou 
que o prazo de dez anos pode não ser necessário e 
que o projeto de lei pode ser modificado antes de ser 
colocado em votação.

A Interfarma (Associação da Indústria Farmacêutica 

de Pesquisa), que reúne 55 empresas farmacêuticas 
que respondem por mais de 50% dos medicamentos 
comercializados  no  Brasil,  afirma  estar  preparada 
para  se  adequar  à  lei  e  produzir  cerca  de  4  bilhões 
de  caixinhas  por  ano  com  o  código  individual  para 
o  rastreamento.  “Já  estamos  preparados  para 
cumprir as diretrizes. A lei de rastreabilidade é muito 
importante  não  só  para  evitar  a  falsificação  mas 
também para aumentar a transparência ao longo da 
cadeia  farmacêutica  com  o  recolhimento  correto  de 
tributos  e  o  combate  ao  roubo  de  cargas”,  afirmou 
o  diretor  de  assuntos  econômicos  da  Interfarma, 
Marcelo Liebhardt. 

Segundo  a  Anvisa,  a  adaptação  não  deve 

encarecer  o  produto  final:  “a  implantação  do 
rastreamento de medicamentos promove um retorno 
significativo na  redução  de custos  de produção, de 
controles  e  gerenciamento  de  estoques,  evitando 
perdas  e  impulsionando  o  processo  produtivo  e  de 
disponibilização de produtos”.

Texto  adaptado.  Fonte:  http://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-no-

ticias/redacao/2015/07/23/remedios-devem-ganhar-rg-ate-o-final-

de-2016.htm

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

4

Cargo: Pedagogo

QUESTÃO

01

Assinale a alternativa que corresponde ao tema 

central do texto.

(A)  Falsificação de medicamentos.

(B)  Lucro arrecadado pela indústria farmacêutica.

(C)  Uso indiscriminado de medicamentos no Brasil.

(D)  Elevado consumo de medicamentos falsificados.

(E)  Implantação de rastreamento de medicamentos.

QUESTÃO

02

De acordo com o texto, é possível afirmar que, 

com a nova lei, 

(A)  somente as caixinhas com o código 2D serão 

rastreadas. 

(B)  em 2016, estará em vigor a lei de rastreabilidade 

dos medicamentos.

(C)  a Anvisa poderá saber o caminho que um 

medicamento faz, desde o momento da fabricação 

até o consumidor final.

(D)  o consumidor não terá qualquer vantagem.

(E)  no Brasil, 2016 será o ano em que o sistema de 

rastreamento deverá ser implantado.

 

QUESTÃO

03

Em ‘“Mais de 180 mil estabelecimentos - entre 

farmácias, hospitais e postos de saúde – terão 

de  se  adequar  tecnologicamente.  Será  uma 

complexa operação logística’”, as aspas foram 

empregadas no texto 

(A)  para indicar uma citação. 

(B)  para delimitar o título da obra que será publicada.

(C)  para ironizar a situação considerada absurda.

(D)  para expressar uma opinião do autor do texto.

(E)   inadequadamente.

QUESTÃO

04

Em “A caixinha de remédio como você conhece 

deve mudar em breve”, 

(A)  o verbo “conhece” encontra-se conjugado no tempo 

presente do subjuntivo.

(B)  apesar de, na locução verbal “deve mudar”, o 

verbo “deve” estar conjugado no tempo presente 

do indicativo, a ação da mudança deverá acontecer 

em um tempo futuro.

(C)  o verbo “mudar” na locução  verbal “deve mudar” 

está conjugado no tempo futuro do indicativo.  

(D)  os verbos “conhece” e “deve” , apesar de estarem 

conjugados no tempo presente, remetem a ações 

futuras.

(E)  o verbo “deve”, na locução verbal “deve mudar”, é 

um verbo auxiliar que indica possibilidade. 

QUESTÃO

05

Em  “Estima-se  que  um  a  cada  cinco 

medicamentos  vendidos  no  Brasil  seja 

falsificado”, 

(A)  “seja  falsificado”  deveria  estar  no  plural  para 

concordar com “cinco medicamentos”. 

(B)  “seja  falsificado”  está  no  singular  para  concordar 

com “Brasil”.

(C)  “seja  falsificado”  está  no  singular  para  concordar 

com “um”.

(D)  o verbo “Estima-se” deveria estar no plural, pois o 

sujeito é indeterminado. 

(E)  “vendidos” deveria estar no singular para concordar 

com “medicamento”, termo que está elíptico após o 

termo “um”.

QUESTÃO

06

Em  “As  informações  sobre  o  consumo  de 

medicamentos  de  todos  os  brasileiros,  e 

portanto as informações de demanda e vendas, 

são muito valiosas”, 

(A)  a vírgula existente entre “demanda e vendas” e “são 

muito valiosas” foi empregada inadequadamente, 

pois não se separa sujeito de verbo. 

(B)   o verbo “são” se encontra no plural para concordar 

com o seu sujeito antecedente “vendas”.

(C)  como o verbo “ser” pode concordar com o 

predicativo, nesse caso, ele está concordando com 

“valiosas”. 

(D)  a informação que está entre vírgulas apresenta 

um detalhe referente ao que se apresenta na 

expressão anterior.

(E)  a informação intercalada entre as vírgulas pode ter 

sido a causa da concordância inadequada do verbo, 

que  ficou  longe  e  não  estabeleceu  concordância 

com o seu sujeito “consumo de medicamentos”.

QUESTÃO

07

Assinale a alternativa cujo “para” em destaque 

NÃO  tem  função  de  introduzir  uma  ideia  de 

finalidade.

(A)  “a  indústria    farmacêutica  gasta  um  grande  valor 

para obter informações sobre a venda de remédios”. 

(B)  “obter informações sobre a venda de remédios para 

poder definir estratégias de marketing e a atuação 

dos representantes de laboratórios...”.

(C)  “é proposto que cada membro da cadeia tenha seu 

próprio banco de dados (...) para que o governo 

federal construa seu próprio banco de dados”.

(D)  “Porém, há uma disputa em jogo que pode levar o 

prazo de adequação para só depois de 2025.”

(E)  “que o governo federal construa seu próprio banco 

de dados para armazenar e consultar todas as 

movimentações dos medicamentos.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

5

Cargo: Pedagogo

R A C I O C Í N I O   L Ó G I C O   E   M AT E M Á T I C O

QUESTÃO

08

Em  “Há  um  projeto  de  lei  em  tramitação 

no Senado que  pede  alterações  no  envio 

de  informações  sobre  os  medicamentos  e 

propõe  um  prazo  maior  para  adequação”,  o 

termo em destaque

(A)  funciona como conjunção integrante. 

(B)  retoma o termo antecedente “Senado”.

(C)  remete ao projeto de lei referido anteriormente.

(D)  remete ao termo “tramitação”  mencionado 

anteriormente.

(E)  foi empregado inadequadamente, pois, em seu 

lugar, deveria ser empregado o termo “qual”.

QUESTÃO

09

Assinale  a  alternativa  em  que  todas  as 

palavras apresentam dígrafo.  

(A)  Paraguai – trato - galho. 

(B)  Chave – carro - campeão.

(C)  Chuva – pedra - campeão.

(D)  Passo – chave – trigo.

(E)  Trigo – pedra – Paraguai.

QUESTÃO

10

Assinale a alternativa cuja palavra ou 

expressão em destaque NÃO tem a função de 

caracterizar o termo antecedente.

(A)  “terão de se adequar tecnologicamente”. 

(B)  “propõe um prazo maior para adequação”.

(C)  “cada membro da cadeia”.

(D)  “55 empresas farmacêuticas”.

(E)  “promove um retorno significativo”.

QUESTÃO

11

A  negação  de  “Todos  os  candidatos  vão 

passar no concurso” é

(A)  “Existe candidato que não passará no concurso”.

(B)  “Existe apenas um candidato que vai passar no 

concurso”.

(C)  “Existe apenas um candidato que não vai passar 

no concurso”.

(D)  “Nenhum candidato vai passar no concurso”.

(E)  “Todos os candidatos não vão passar no 

concurso”.

QUESTÃO

12

Maria preparou 15 litros de café. Sendo assim, 

quantas garrafas térmicas de 3/5 de litros ela 

poderá encher?

(A) 9

(B) 12

(C) 15

(D) 20

(E) 25

QUESTÃO

13

Em  um  jantar,  foram  servidas  duas  opções 

de carne: boi e frango. Sabe-se que no jantar 

havia  65  pessoas,  das  quais  40  comeram 

carne de boi, 20 comeram carne de frango e 

10 não comeram nenhuma das duas carnes. 

Então,  quantas  pessoas  comeram  carne  de 

boi, mas não comeram carne de frango?

(A) 5

(B) 15

(C) 30

(D) 35

(E)  45

QUESTÃO

14

Dos  5000  candidatos  inscritos  para  uma 

prova  de  concurso,  30%  fizeram  algum 

tipo  de  cursinho  particular.  Sabendo  disso, 

quantos candidatos não fizeram nenhum tipo 

de cursinho particular?

(A)  4000

(B) 3500

(C) 3000

(D) 2500

(E) 1500

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

6

Cargo: Pedagogo

L E G I S L A Ç Ã O   A P L I C A D A   À   E B S E R H

QUESTÃO

15

Na  sequência  dos  números  pares  iniciada 

pelo  número  14,  qual  é  a  soma  do  terceiro 

termo com o quinto termo?

(A) 32

(B) 36

(C)  40

(D)  42

(E)  48

QUESTÃO

16

De acordo com o que expressa a Lei 12.550/11, 

que autorizou a criação da Empresa Brasileira 

de Serviços Hospitalares (EBSERH), assinale 

a alternativa correta.

(A)   A  EBSERH  é  uma  empresa  pública  unipessoal 

e terá seu capital social integralmente sob a 

propriedade da União.

(B)   A EBSERH é uma sociedade pública e terá seu 

capital social integralmente sob a propriedade da 

iniciativa privada.

(C)   A EBSERH é uma empresa privada e terá seu 

capital social integralmente sob a propriedade da 

iniciativa privada.

(D)   A EBSERH é uma sociedade pública e terá seu 

capital social dividido entre a iniciativa privada e 

a União, de forma igualitária.

(E)   A EBSERH é uma sociedade pública e seu capital 

social poderá ser aberto à iniciativa privada, 

desde que, ao menos metade, permaneça como 

propriedade da União.

QUESTÃO

17

De  acordo  com  o  Estatuto  Social  da 

Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares 

(EBSERH), aprovado pelo Decreto nº 7.661/11,  

a  EBSERH  sujeitar-se-á  ao  regime  jurídico 

próprio das empresas

(A)   públicas,  inclusive  quanto  aos  direitos  e 

obrigações civis, comerciais, trabalhistas e 

tributários.

(B) 

  privadas, inclusive quanto aos direitos e 

obrigações civis, comerciais, trabalhistas e 

tributários.

(C)   públicas quanto aos direitos e obrigações civis, 

comerciais,  sujeitando-se  ao  regime  jurídico 

próprio das empresas privadas quanto aos 

direitos e obrigações trabalhistas e tributárias.

(D)   privadas, exceto quanto aos direitos e obrigações 

civis, comerciais, trabalhistas e tributários.

(E)   públicas, exceto quanto aos direitos e obrigações 

civis, comerciais, trabalhistas e tributários.

QUESTÃO

18

De  acordo  com  o  que  dispõe  o  Estatuto 

Social  da  Empresa  Brasileira  de  Serviços 

Hospitalares  (aprovado  pelo  Decreto                              

nº 7.661/11), assinale a alternativa correta.

(A)   A EBSERH é vinculada ao Ministério da Saúde, 

portanto, no desenvolvimento de suas atividades 

de  assistência  à  saúde,  a  EBSERH  deve 

observar as diretrizes e políticas estabelecidas 

pelo Ministério da Saúde.

(B)   A EBSERH é vinculada ao Ministério da Educação 

e, mesmo quando no desenvolvimento de suas 

atividades de assistência à saúde, a EBSERH é 

dispensada de observar as diretrizes e políticas 

estabelecidas pelo Ministério da Saúde.

(C)   A  EBSERH  é  vinculada  ao  Ministério  da 

Previdência Social e, no desenvolvimento 

de  suas  atividades  de  assistência  à  saúde,  a 

EBSERH observará as diretrizes e políticas 

estabelecidas pelo Ministério da Saúde.  

(D)   A EBSERH é vinculada ao Ministério da Fazenda, 

mas, no desenvolvimento de suas atividades de 

assistência à saúde, a EBSERH é vinculada ao 

Ministério da Saúde.

(E)   A  EBSERH  é  vinculada  ao  Ministério  da 

Educação e, no desenvolvimento de suas 

atividades  de  assistência  à  saúde,  a  EBSERH 

observará as diretrizes e políticas estabelecidas 

pelo Ministério da Saúde.  

QUESTÃO

19

De acordo com as disposições do Regimento 

Interno da EBSERH - 2ª revisão, são Órgãos 

de Administração:

(A)   Conselho Consultivo e Conselho Fiscal.

(B) 

  Diretoria Executiva, Comissão de Controle 

Interno e Auditoria Interna.

(C)   Conselho de Administração, Diretoria Executiva 

e Conselho Consultivo. 

(D)   Conselho de Administração, Conselho Consultivo 

e Conselho Fiscal.

(E)   Diretoria Executiva, Auditoria Interna e Comissão 

de Ética.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

7

Cargo: Pedagogo

L E G I S L A Ç Ã O   A P L I C A D A   A O   S U S

QUESTÃO

20

De  acordo  com  o  Regimento  Interno 

da  EBSERH  -  2ª  revisão,  designar  os 

componentes  da  Comissão  de  Ética  da 

EBSERH, compete ao 

(A)   Presidente da República.

(B)   Diretor de Gestão às Pessoas.

(C)   Conselho Fiscal.

(D)   Presidente da EBSERH.

(E)   Ministro de Estado da Educação.

QUESTÃO

21

De  acordo  com  as  diretrizes  da  Resolução 

453/2012 do Conselho Nacional da Saúde, o 

Plenário dos Conselhos de Saúde

(A) 

  se reunirá, no mínimo, a cada mês e, 

extraordinariamente, quando necessário, e 

terá como base o seu Regimento Interno. A 

pauta e o material de apoio às reuniões devem 

ser encaminhados aos conselheiros com 

antecedência mínima de 10 (dez) dias.

(B)   se reunirá, no mínimo, a cada quatro meses 

e, extraordinariamente, quando necessário, 

e terá como base o seu Regimento Interno. A 

pauta e o material de apoio às reuniões devem 

ser encaminhados aos conselheiros com 

antecedência mínima de 15 (quinze) dias.

(C)   se reunirá, no mínimo, uma vez por semana 

e, extraordinariamente, quando necessário, 

e terá como base o seu Regimento Interno. A 

pauta e o material de apoio às reuniões devem 

ser encaminhados aos conselheiros com 

antecedência  mínima  de  24  (vinte  e  quatro) 

horas.

(D)   se  reunirá  em  todos  os  finais  de  semana  e 

terá como base o seu Regimento Interno. A 

pauta e o material de apoio às reuniões devem 

ser encaminhados aos conselheiros com 

antecedência  mínima  de  24  (vinte  e  quatro) 

horas.

(E) 

  se reunirá, no mínimo, a cada ano e, 

extraordinariamente, quando necessário, e 

terá como base o seu Regimento Interno. A 

pauta e o material de apoio às reuniões devem 

ser encaminhados aos conselheiros com 

antecedência mínima de 5 (cinco) dias.

QUESTÃO

22

De acordo com o que expressa a Constituição 

Federal,  no  que  tange  a  participação  da 

iniciativa  privada  na  assistência  à  saúde, 

assinale a alternativa correta.

(A)   As instituições privadas não poderão participar 

do  Sistema  Único  de  Saúde.  Somente  será 

possível, segundo diretrizes deste e mediante 

convênio, participação de entidades filantrópicas 

e as sem fins lucrativos.

(B) 

  As instituições privadas poderão participar 

de  forma  complementar  do  sistema  único  de 

saúde,  segundo  diretrizes  deste,  mediante 

contrato de direito público ou convênio, vedada a 

participação de entidades filantrópicas e as sem 

fins lucrativos.

(C)   As instituições privadas poderão participar do 

Sistema  Único  de  Saúde  somente  de  forma 

subsidiária,  quando  não  houver  serviço  público 

disponível, mediante contrato de direito público, 

tendo preferência as entidades filantrópicas e as 

sem fins lucrativos.

(D)   As instituições privadas poderão participar do 

Sistema  Único  de  Saúde  somente  de  forma 

subsidiária,  quando  não  houver  serviço  público 

disponível, mediante convênio com as entidades 

filantrópicas e as sem fins lucrativos.

(E)   As instituições privadas poderão participar de 

forma complementar do Sistema Único de Saúde, 

segundo diretrizes deste, mediante contrato de 

direito público ou convênio, tendo preferência as 

entidades filantrópicas e as sem fins lucrativos.

QUESTÃO

23

De acordo com as disposições da Lei Orgânica 

da  Saúde  (Lei  8.080/90),  a  incorporação,  a 

exclusão ou a alteração pelo SUS de novos 

medicamentos,  produtos  e  procedimentos, 

bem  como  a  constituição  ou  a  alteração  de 

protocolo  clínico  ou  de  diretriz  terapêutica 

são atribuições

(A)   do  Conselho  da  Saúde,  assessorado  pelo 

Ministério de Ciências e Tecnologia.

(B)   do  Ministério  da  Ciência  e  Tecnologia, 

assessorado pela Conferência Nacional de 

Saúde.

(C)   do  Ministério  da  Saúde,  assessorado  pelo 

Conselho Nacional de Saúde.

(D)   do  Ministério  da  Saúde,  assessorado  pela 

Comissão Nacional de Incorporação de 

Tecnologias no SUS.

(E)   exclusivas do Município, assessorado pela 

Conferência Nacional de Saúde.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

8

Cargo: Pedagogo

C O N H E C I M E N T O S   E S P E C Í F I C O S

QUESTÃO

24

De acordo com o que expressa a Lei 8.142/90, 

os recursos do Fundo Nacional de Saúde 

(FNS)  alocados  como  cobertura  das  ações 

e serviços de saúde a serem implementados 

pelos Municípios, Estados e Distrito Federal 

serão

(A)   destinados, pelo menos sessenta por cento, aos 

Municípios, afetando-se o restante aos Estados.

(B)   destinados, pelo menos sessenta por cento, aos 

Estados, afetando-se o restante aos Municípios.

(C)   destinados, pelo menos setenta por cento, aos 

Municípios, afetando-se o restante aos Estados.

(D)   destinados, pelo menos setenta por cento, aos 

Estados, afetando-se o restante aos Municípios.

(E)   divididos igualitariamente.

QUESTÃO

25

De  acordo  com  as  definições  do  Decreto 

Presidencial  nº  7.508/2011,  assinale  a 

alternativa correta.

(A)   Portas de Entrada são instâncias de pactuação 

consensual entre os entes federativos para 

definição das regras da gestão compartilhada do 

SUS.

(B)   A Relação Nacional de Ações e Serviços de 

Saúde (RENASES) compreende todas as ações 

e serviços que o SUS oferece ao usuário para 

atendimento da integralidade da assistência à 

saúde.

(C)   A Conferência Nacional de Saúde, em conjunto 

com o Poder Legislativo, estabelece as diretrizes 

a serem observadas na elaboração dos planos 

de  saúde,  de  acordo  com  as  características 

epidemiológicas e da organização de serviços 

nos entes federativos e nas Regiões de Saúde.  

(D)   O  processo  de  planejamento  da  saúde  será 

descendente e independente, desde o nível 

federal  até  o  local,  devendo,  no  entanto,  ser 

ouvidas as respectivas Conferências de Saúde, 

compatibilizando-se  as  necessidades  das 

políticas  de  saúde  com  a  disponibilidade  de 

recursos financeiros.

(E)   O  Conselho  de  Saúde  é  o  órgão  competente 

para dispor sobre a Relação Nacional de 

Medicamentos Essenciais (RENAME) e os 

Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas em 

âmbito nacional.

QUESTÃO

26

O  treinamento  de  pessoal  é  um  item 

fundamental  para  o  desenvolvimento 

da  empresa  e  possui  etapas  a  serem 

seguidas  em  uma  ordem  lógica  em  sua 

aplicabilidade.  O  treinamento  envolve 

basicamente  quatro  etapas,  seguindo  a 

ordem  de  seu  desenvolvimento.  Quais  são, 

respectivamente, essas etapas? 

(A) Diagnóstico, elaboração do programa de 

treinamento, aplicação ou implementação e 

avaliação e acompanhamento.

(B) Treinamento, aplicação, implementação e 

diagnóstico.

(C) 

 

Diagnóstico, aplicação, avaliação e 

implementação.

(D)  Diagnóstico,  feedback,  implementação  e 

treinamento.

(E) Diagnóstico, aplicação, implementação e 

treinamento.

QUESTÃO

27

Por  meio  do  sistema  de  coaching,  os 

funcionários construirão boas relações com 

seus  colegas  e  isso  só  beneficia  o  trabalho 

em grupo. Tendo em vista o perfil do trabalho 

em grupo, assinale a alternativa correta.

(A)  Não favorece o sistema de Coaching.

(B)  O indivíduo não melhora no trabalho do grupo.

(C)  Estabelece boas relações que somente são 

aceitas  nos  grupos  afins  dentro  da  empresa 

e não na empresa como um todo organizado 

setorialmente.

(D)  Esse trabalho está em harmonia com todos 

os  colegas,  os  quais,  diante  dos  desafios, 

compartilham o conhecimento e a concentração 

nos objetivos, para garantirem o sucesso da 

organização como um todo e do próprio indivíduo.

(E)     Valoriza o grupo, mas desvaloriza o indivíduo e 

o chefe.

 

QUESTÃO

28

Quando os gerentes conseguem corresponder 

às expectativas de um conjunto exigente de 

pessoas (clientes, subordinados, acionistas, 

fornecedores,  etc.),  pode-se  dizer  que  suas 

ações consistem em:

(A)    conhecer pouco a realidade do mercado em que 

sua empresa atua, pois ele não precisa interagir 

com ela diretamente.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

9

Cargo: Pedagogo

(B)      desconhecer o perfil dos seus clientes e também 

da realidade da empresa.

(C)  ter autonomia e consciência diante de situações 

complexas que envolvem a empresa, levantar 

hipóteses sobre os problemas dela, sem perder 

de vista o planejamento estratégico.

(D)     delegar  a  elaboração  do  planejamento 

estratégico, sem conhecimento de seus objetivos, 

missão e valores.

(E)  ter consciência de que não precisa ter o espírito 

de liderança e o espírito de competitividade.

QUESTÃO

29

Gerir  conhecimento  na  empresa  significa 

também  um  processo  de  investimento.  O 

desafio da empresa está no compartilhamento 

de  conhecimento  no  trabalho.  Esse  desafio 

se deve ao fato de que

(A) sem nenhuma condição que permita 

desenvolvimento do potencial humano o 

compartilhamento acontece naturalmente na 

empresa. 

(B)  muitas barreiras de compartilhamento do 

conhecimento acontecem devido à falta de 

organização, estrutura interna e de uma cultura 

organizacional adequada.

(C)  não existem sequer meios de compartilhamento 

específico do conhecimento nas empresas.

(D)  as empresas não se preocupam com o 

conhecimento.

(E)    a teoria do capital humano já está ultrapassada 

e  a  do  conhecimento  também. Assim,  não  faz 

sentido compartilhar.

QUESTÃO

30

O  programa  de  treinamento  refere-se  ao 

planejamento das ações a partir do diagnóstico 

das necessidades. O diagnóstico deve estar 

associado  às  necessidades  estratégicas  da 

organização e envolve identificar

(A) unicamente o como fazer, as ações 

empreendedoras na empresa.

(B)  as metas que deram certo no passado da 

empresa, para que sejam repetidas.

(C)  o  que  fazer  (metas);  como  (estratégias)  e  por 

que fazer (objetivos).

(D)     as estratégias corretas que funcionam de modo 

universal.

(E)  somente as metas, pois elas são os objetivos.

QUESTÃO

31

Além do apoio dos recursos pedagógicos, a 

seleção  de  estratégias  instrucionais  é  outro 

passo  importante  para  a  empresa.  Dentre 

algumas  técnicas  utilizadas  na  estratégia, 

está o estudo de caso. O estudo de caso pode 

ser definido como

(A)  uma técnica que promove a solução criativa de 

todos os problemas de grande complexidade da 

empresa.

(B)  uma forma de simulação voltada para resolução 

de alguns problemas da empresa. Os dados 

podem ser extraídos de casos reais, inventados 

ou adaptados. 

(C)  um simulador da realidade que envolve somente 

a competição, sem o enfoque na motivação.

(D)  uma atividade que promove mais o fazer do que 

o pensar.

(E)  uma atividade de estudo que não utiliza a 

interação entre os membros do grupo como 

principal meio de ensino.

QUESTÃO

32

Em  uma  ala  hospitalar,  existem  várias 

crianças.  Para  assegurar  às  crianças  e  aos 

adolescentes  hospitalizados  a  continuidade 

dos  conteúdos  regulares,  possibilitando 

um retorno após a alta sem prejuízos à sua 

formação escolar, o pedagogo pode criar

(A)   uma brinquedoteca.

(B)   uma classe hospitalar.

(C)   uma área de lazer para crianças.

(D)   um centro de atendimento para os pais.

(E)   um parquinho.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

10

Cargo: Pedagogo

QUESTÃO

33

A  avaliação  de  desempenho  objetiva 

promover  a  melhoria  da  qualificação  dos 

serviços  e  subsidiar  a  política  de  gestão 

de pessoas. Partindo desses dois grandes 

objetivos,  é  correto  afirmar  que  a  avaliação 

de desempenho 

(A)  apoia o processo de revisão do planejamento 

estratégico  e  identifica  as  necessidades  de 

adequação funcional relacionadas a problemas 

de adaptação ao cargo, à função ou à instituição.

(B)  procura democratizar o ambiente de trabalho, 

sem estabelecer um diálogo contínuo com 

servidores.

(C)  analisa os processos de trabalho e transfere 

o trabalhador de sua função sempre que este 

desejar.

(D  promove a melhoria dos serviços somente 

fornecendo capacitação. 

(E)    não funciona em empresas de grande porte, 

pois seria muito onerosa a avaliação para todo o 

pessoal.

 

QUESTÃO

34

O  desenvolvimento  das  competências 

é  fundamental  na  empresa  e  exige  uma 

constante  formação  por  parte  do  indivíduo.  

Desse modo, a competência individual pode 

ser compreendida como

(A)  a habilidade necessária adquirida estritamente 

no ambiente acadêmico, que vai auxiliar no 

exercício da função.

(B)  somente a habilidade desenvolvida na área da 

linguagem.

(C)  uma ação responsável, que implica em mobilizar, 

integrar, transferir conhecimentos, recursos e 

habilidades, que agreguem valor econômico à 

organização e valor social ao indivíduo.

(D)     o saber fazer que se busca unicamente fora da 

empresa.

(E)  aquela que foi adquirida em curso de capacitação 

e que não requer nenhum tipo de continuidade 

na formação.

QUESTÃO

35

Dois  funcionários  discutiram  na  empresa, 

sendo  o  estopim  do  conflito  preferências 

de  times  de  futebol. As  proporções  ficaram 

sérias.  Nessa  situação  de  conflito  entre 

os  funcionários  na  empresa,  o  pedagogo 

pode  implementar  ações  que  possam  evitar 

conflitos futuros na empresa de modo a

(A)   promover um debate sobre isso, no qual cada 

um fala o que pensa.

(B)   ver a natureza do conflito e pensar se é de sua 

competência resolvê-lo. 

(C)   promover  oficinas,  palestras  e  seminários 

sobre  relações  interpessoais,  respeito,  ética, 

comportamento organizacional e trabalho em 

equipe.

(D)   fomentar  as  discussões,  pois  cada  um  é  livre 

para defender o que quiser.

(E)   advertir os funcionários verbalmente.

QUESTÃO

36

O trabalho do pedagogo também contempla 

os  espaços  não  escolares.  Dentre  esses 

espaços, destacamos a atuação empresarial. 

Em  relação  à  atuação  do  pedagogo  nessas 

instituições  laborais,  é  correto  afirmar  que 

seu trabalho está voltado para

(A)  a  elaboração  do  planejamento  estratégico  da 

empresa.

(B)  a elaboração do Projeto Pedagógico da empresa 

e aos processo de construção de gestão de 

pessoas.

(C)  o setor de vendas, somente

(D)  uma visão construtivista do conhecimento, com 

pouco conhecimento empresarial.

(E)  a instrução dos funcionários no que se refere ao 

seu trabalho no setor.

QUESTÃO

37

O pedagogo percebe que tem um funcionário 

com  muita  intenção  de  desempenhar  uma 

função  específica,  dentro  do  mesmo  setor, 

porém  não  possui  ainda  qualificação  na 

área.  Mediante  solicitação  do  funcionário,  o 

pedagogo pode

(A)   falar para o funcionário continuar onde está.

(B)   solicitar um treinamento para o funcionário na 

área desejada e aproveitar suas habilidades.

(C)   colocar  isso  na  ficha  do  funcionário  e  deixar 

arquivado.

(D)   não capacitar o funcionário, pois isso não consta 

nas diretrizes gerais da empresa.

(E)   encorajá-lo a falar com o gerente.

QUESTÃO

38

Uma empresa se modernizou e adquiriu novo 

maquinário  e  os  funcionários  não  sabem 

manuseá-lo. Para resolver esse problema, o 

pedagogo pode

(A)   elaborar projeto para compra de novas máquinas.

(B)   elaborar projeto para treinamento e capacitação 

do pessoal, para a utilização das máquinas.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

11

Cargo: Pedagogo

(C)   colocar para trabalhar nas máquinas somente 

novos funcionários.

(D)   esperar  pacientemente  que  alguém  venha  dar 

capacitação.

(E)   colocar-se contra a modernização.

QUESTÃO

39

O  trabalho  do  pedagogo  na  empresa  está 

essencialmente  ligado  ao  processo  de 

gestão do conhecimento. O que é gestão do 

conhecimento?

(A)   O conhecimento que promove maior capacidade 

de inovação, sendo a única garantia de avanço 

que a empresa possui. 

(B)   Somente uma visão empreendedora.

(C)   A função da administração, sem o enfoque na 

atividade do funcionário.

(D)   A Gestão do conhecimento como um processo 

estratégico contínuo, dinâmico e que deve fazer 

parte da estratégia organizacional da empresa.

(E)   Um processo que não é necessário quando se 

tem avaliação de desempenho.

QUESTÃO

40

O Feedback é  um  dos  principais  processos 

do  sistema  comunicacional  e  possui 

impacto  no  grau  de  eficiência  e  eficácia  da 

comunicação. A(s)  função(ões)  do  feedback 

é/são

(A)  mediações de conflitos generalizados. 

(B)  dar o retorno das atividades da equipe 

estritamente por meio escrito.

(C) estabelecer melhoria na produtividade, 

ignorando o trabalho em equipe, pois o feedback 

é individual. 

(D)  relacionar produção e competitividade entre 

os funcionários da empresa, esse é o papel do 

feedback.

(E)  favorecer a comunicação entre o emissor e 

o(s) receptor(es), aumentando os potenciais de 

confiança,  ajudar  a  reduzir  ou  mesmo  eliminar 

obstáculos, ajustar expectativas e necessidades, 

corrigir possíveis erros do processo de 

comunicação, etc.

QUESTÃO

41

O  pedagogo  empresarial  também  elabora 

projetos. Esses projetos podem partir de

(A)  um desejo pessoal do pedagogo, pois ele é livre 

na empresa para fazer o que quiser.

(B)  uma meta não atingida e não prevista no 

planejamento  estratégico,  pois  não  era  uma 

necessidade.

(C)  uma observação do trabalho em equipe, feita 

aleatoriamente.

(D) um problema detectado na empresa. 

Essencialmente o projeto é uma ação destinada 

à uma situação-problema ou necessidade que foi 

detectada.

(E)     um problema de baixa produção individual. 

QUESTÃO

42

Na  empresa,  o  pedagogo  vai  trabalhar  por 

meio de

(A)  elaboração de Planos de Ensino.

(B)  elaboração de Planos de aulas.

(C)  elaboração de projetos dentro do Setor de 

Recursos Humanos.

(D)     elaboração de Planos de Unidades.

(E)  sequências didáticas.

QUESTÃO

43

A  metodologia  ROI,  utilizada  para  mensurar 

o resultado do investimento em capacitação 

e desenvolvimento feito nos profissionais de 

suas organizações, apresenta um apanhado 

geral  dos  principais  esquemas  de  avaliação 

existentes.  Essa  metodologia  está  baseada 

em  cinco  componentes  principais,  que 

constituem os fundamentos e os blocos que 

fazem  parte  de  sua  estrutura  de  avaliação. 

Cada um desses cinco níveis corresponde a 

uma categoria de dados. Esses níveis são:

(A)   práticas  e  casos  de  aplicação,  feedback, 

implementação, filosofia e padrões de operação 

e sistema de coaching.

(B)   implementação, sistema de coaching, framework 

de avaliação, capacitação e modelo de processo.

(C)  treinamento, 

framework 

de 

avaliação, 

implementação, capacitação e práticas e casos 

de aplicação.

(D)   framework  de  avaliação,  práticas  e  casos  de 

aplicação,  modelo  de  processo,  filosofia  e 

padrões de operação, implementação.

(E)   feedback,  implementação,  framework  de 

avaliação, práticas e casos de aplicação e 

modelo de processo.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

12

Cargo: Pedagogo

QUESTÃO

44

O  Curso  de  Pedagogia  dá  prioridade  à 

formação do ser humano em sua totalidade. 

Nessa perspectiva, em uma empresa, o curso 

de Pedagogia

(A)   se ocupa estritamente com os conhecimentos 

específicos  relacionados  à  melhoria  da 

produtividade na empresa.

(B)    prioriza o conhecimento da técnica.

(C)    busca unicamente facilitar o processo de ensino 

e aprendizagem. 

(D)    prepara para a atuação na instituição educacional, 

nas séries iniciais.

(E)   tem uma visão da formação do ser humano em 

sua plenitude, em todas as suas potencialidades, 

compreendendo-o  como  um  ser  complexo  e 

passível de estar em constante mudança e em 

contínuo processo de formação.

QUESTÃO

45

Quando um funcionário não sabe manusear 

uma  máquina  e  reclama  aos  colegas  que 

gostaria  muito  de  aprender,  o  pedagogo, 

tendo  conhecimento  disso,  sabe  que  o 

funcionário precisa de

(A)   educação.

(B)   instrução e treinamento.

(C)   tempo.

(D)   paciência.

(E)   trocar de setor.

QUESTÃO

46

Frente a reclamações de cadeirantes que não 

tem banheiro e rampa de acesso na empresa 

e  o  gestor  afirma  não  ter  necessidade  de 

atender  essa  demanda,  o  que  o  pedagogo 

deve fazer?

(A)   Acatar a autoridade do seu chefe.

(B)   Trabalhar em outro lugar onde se valorize as 

diferenças.

(C)   Expor que não se trata de uma vontade do setor, 

mas sim do que está previsto em Lei e por isso a 

acessibilidade deve ser cumprida.

(D)   Afixar  a  Lei  referente  aos  portadores  de 

necessidades especiais no mural da empresa e 

esperar que todos leiam.

(E)   Esperar que o chefe seja punido.

QUESTÃO

47

Vivemos  a  era  das  competências,  o  que, 

em  traços  gerais,  significa  que,  para 

muitas  organizações,  mais  importante  que 

descrever,  analisar  e  qualificar  funções 

e  responsabilidades  é  saber  que  tipo  de 

competências  as  organizações  necessitam 

para  a  eficácia  e  eficiência  organizacional. 

Essas competências são:

(A)  competências voltadas ao saber-ser e somente 

podem aparecer no líder da empresa.

(B)  competências 

técnicas 

(saber-fazer), 

comportamentais (saber-ser) e cognitivas (saber-

saber).

 (C)  as competências que sejam agrupadas em volta 

do saber-fazer, pois esta é a competência mais 

importante.

(D)     as competências de tomada de decisões.

(E)  as competências encarregadas de gerar lucro, 

em detrimento ao crescimento pessoal.

QUESTÃO

48

O comportamento de liderança envolve

(A)   tomar decisões, influenciar as pessoas, construir 

relações, obter e disseminar informações, manter 

o espírito de equipe.

(B)   resolver problemas e delegar responsabilidades 

somente.

(C)   disseminar informações em todos os setores da 

empresa. Essa é a função primordial.

(D)   ter mais visibilidade que o gestor da empresa e 

muito mais responsabilidades.

(E)   unicamente gerir os conflitos da empresa. 

QUESTÃO

49

A  remuneração  por  competência  é  uma 

estratégia  para  administrar  os  cargos  e 

os  salários  da  empresa.  Essa  estratégia 

privilegia,  em  primeiro  lugar,  o  homem  e, 

em  segundo  lugar,  o  cargo.  Isso  é  o  que 

a  diferencia  dos  modelos  tradicionais  de 

remuneração. Diante disso, a(s) vantagem(ns) 

da remuneração por competência é/são:

(A)  apresentar pouca objetividade e se reduzir à 

estruturas departamentalizadas, além de reforçar 

o conservadorismo.

(B)  ter pouca flexibilidade e tender a tratar os cargos 

diferentes como iguais.

(C)  aplicar 

técnicas 

estatísticas 

complexas, 

dificultando  a  compreensão  dos  empregados  e 

dos líderes de equipe ou gerentes.

(D)    dificultar  a  evolução  do  processo  de  mudança, 

mostrando pouca visão de futuro e orientação 

estratégica,  focando  a  realidade  do  cargo  no 

presente.

(E)  direcionar o foco para as pessoas e não para 

os cargos ou responsabilidades, facilitando a 

seleção e a contratação de talentos humanos 

adequados aos requisitos do cargo.

instituto-aocp-2015-ebserh-pedagogo-hdt-uft-prova.pdf-html.html

13

Cargo: Pedagogo

QUESTÃO

50

Durante a atuação do pedagogo, em ambiente 

hospitalar, no meio da atividade, uma criança 

reclama que está com muita dor de cabeça. 

Nesse caso, o pedagogo pode

(A)   dar um analgésico e continuar as atividades com 

a criança.

(B)   conversar com os pais e ver se isso sempre 

acontece.

(C)   chamar o enfermeiro e repassar a informação, 

retomando suas atividades em outro momento.

(D)   insistir nas atividades para que ela se distraia.

(E)   dizer-lhe que já passa.